Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Vacinas que protegem da Meningite

Existem 4 vacinas contra a Meningite, a vacina contra Meningite B, C, a vacina pneumocócica e a vacina conjugada contra Haemophilus influenzae tipo b. Todas elas protegem contra um tipo diferente da doença.

A Meningite é uma doença causada por uma bactéria gram-negativa chamada Neisseria meningitides, que possui diferentes sorogrupos. Esta doença provoca sintomas como febre, dor de cabeça, náusea, vômito ou sinais de inflamação das meninges, e quando não diagnosticada de forma precoce pode levar a morte ou deixar sequelas como surdez ou lesões cerebrais. 

Vacinas que protegem da Meningite

Principais vacinas 

Para combater os diferentes tipos de Meningite, são indicadas as seguintes vacinas: 

1. Vacina contra Meningite C

Esta vacina, também conhecida como a vacina contra a meningite C, é indicada para prevenir as meningites causadas pelo meningococo do sorogrupo C, em adultos ou crianças. Como a proteção desta vacina apenas tem uma duração que varia entre 1 a 2 anos, ela apenas é indicada em casos ou regiões onde existe surtos da doença. 

Como tomar: 

A vacina contra a meningite C deve ser administrada com apenas 1 dose, que deve ser administrada viu intramuscular e faz parte do plano de vacinação. O reforço deve ser aplicado nas crianças com até 4 anos e nos adolescentes de 12 e 13 anos.

2. Vacina contra a Meningite B

Esta vacina também pode ser conhecida comercialmente como bexsero e  é indicada para proteção contra a meningite causada pelo meningococo do tipo B.

Como tomar: 

  • Para crianças entre os 2 e os 5 meses de idade, são recomendadas 3 doses da vacina, com intervalos de 2 meses entre as doses. Além disso, deve ser feito um reforço da vacina entre 12 e os 23 meses de idade;
  • Para crianças entre os 6 e 11 meses, são recomendadas 2 doses com intervalos de 2 meses entre doses, devendo ser feito também um reforço da vacina entre os 12 e os 24 meses de idade;
  • Para crianças entre 12 meses e 23 anos de idade, são recomendadas 2 doses, com intervalo de 2 meses entre doses;
  • Para crianças entre os 2 e os 10 anos de idade, adolescentes e adultos, são recomendadas 2 doses, com intervalo de 2 mês entre doses;
  • Para adolescentes a partir dos 11 anos de idade e adultos, são recomendadas 2 doses, com intervalo de 1 mês entre doses.

Esta vacina também pode ser conhecida pelo nome comercial Bexsero, devendo ser administrada através de uma injeção no músculo, por um médico ou enfermeiro. Esta vacina não faz parte do plano de vacinação. 

3. Vacina Pneumocócica

Esta vacina é indicada para prevenir infecções causadas pela bactéria S. pneumoniae, responsável por causar doenças graves como pneumonia, meningite, ou septicemia, por exemplo. 

Como tomar: 

Para adultos e crianças, é recomendada apenas 1 dose para conferir a proteção contra a bactéria. Passados 5 anos, pode ser necessário fazer um reforço da vacina, especialmente em pessoas com o sistema imunológico fragilizado. 

4. Vacina conjugada contra Haemophilus influenzae b

Esta vacina embora seja indicada para proteger o organismo contra a gripe, ela também ajuda a proteger contra a Meningite que em casos raros pode ser provocada por este vírus. Assim, esta vacina é indicada para crianças entre os 2 meses e os 5 anos de idade, podendo também em casos especiais ser administrada a adolescentes até aos 18 anos de idade. 

Como tomar: 

  • Para crianças com menos de 1 ano de idade, esta vacina deve ser administrada em 3 doses distintas, com um intervalo de 60 dias entre doses. 
  • Para crianças entre 1 ano de idade e os 5 anos, que não tenham tomado a vacina ou que não tenham completado as 3 doses no primeiro ano de vida, é necessária a administração de uma dose única. 

Esta vacina deve ser administrada em forma de injeção, por um médico ou enfermeiro e faz parte do plano de vacinação. 

Quando não tomas estas vacinas

Estas vacinas estão contraindicadas quando existem sintomas de febre ou sinais de inflamação ou para pacientes com alergia a algum dos componentes da fórmula. 

Mais sobre este assunto:
Carregando
...