6 tratamentos para infecção intestinal

Atualizado em junho 2023

O tratamento para infecção intestinal pode ser feito com reidratação oral, repouso, alimentação de fácil digestão, uso de probióticos ou até antibióticos receitados pelo médico e tem como objetivo promover a eliminação do agente infeccioso, aliviar os sintomas e prevenir a desidratação.

A infecção intestinal pode ser causada por vírus, bactérias ou parasitas, devido ao consumo de alimentos ou água contaminados, ou alimentos mal cozidos ou crus, por exemplo, resultando em diarreia, náuseas, vômitos ou febre. Confira os principais sintomas de infecção intestinal.

É importante consultar o gastroenterologista caso os sintomas da infecção intestinal não melhorem em 2 dias, de forma a iniciar o tratamento mais adequado. No caso de bebês com menos de 3 meses ou pessoas com sintomas de desidratação, deve-se ir ao hospital imediatamente.

Imagem ilustrativa número 1

Principais tratamentos para infecção intestinal

Os principais tratamentos para infecção intestinal são:

1. Repouso

Fazer repouso é importante para ajudar o sistema imunológico a combater vírus ou bactérias que possam ter causado a infecção intestinal.

Isto porque, fazer qualquer atividade física quando se está doente diminui as defesas do corpo, aumenta o risco de exposição a outros agentes infecciosos e retarda a cura.

2. Hidratação oral

A hidratação oral é um dos principais tratamentos para infecção intestinal, pois ajuda a repor líquidos e sais minerais que são perdidos devido a diarreia ou vômitos, evitando a desidratação. Confira todos os sintomas de desidratação

A hidratação oral pode ser feita com soro caseiro ou com soluções ou sais de reidratação oral comprados em farmácias, como Hidraplex, Rehidrat, Pedialyte ou Floralyte, por exemplo. Saiba como preparar o soro caseiro.

Nos casos de desidratação grave, pode ser indicado pelo médico internamento hospitalar para receber soro na veia.

3. Alimentação leve e de fácil digestão

Durante o tratamento da infecção intestinal, é recomendado fazer uma alimentação leve e de fácil digestão, dando preferência a alimentos como arroz branco cozido, macarrão, carnes brancas, frutas cozidas e sem casca, pois ajudam a acalmar o intestino e aliviar a diarreia. 

Além disso, deve-se evitar consumir laticínios, açúcar, cafeína, bebidas alcoólicas, alimentos apimentados ou engordurados, pois podem piorar a diarreia. Veja o que comer e o que evitar na diarreia.

4. Probióticos

O uso de probióticos também pode ser indicado em caso de infecção intestinal, pois ajudam a reequilibrar a microbiota intestinal, de forma que os agentes infecciosos responsáveis pela infecção conseguem ser combatidos mais facilmente, promovendo o alívio dos sintomas. Conheça mais sobre os probióticos.

5. Remédios para aliviar os sintomas

Os remédios para aliviar os sintomas da infecção intestinal, como a metoclopramida ou a ondansetrona, podem ser indicados pelo médico para tratar as náuseas ou vômitos. 

Além disso, para aliviar os gases intestinais, o médico pode recomendar o uso da simeticona.

Já nos casos da cólica intestinal, também pode ser indicado pelo médico a escopolamina (Buscopan) pois age diminuindo as contrações ou espasmos dos músculos do intestino.

6. Antibióticos

Os antibióticos para infecção intestinal são normalmente indicados em caso de infecção por bactérias e parasitas e são recomendados juntamente com as orientações gerais de repouso, aumento do consumo de líquidos e alimentação leve.

No caso da infecção intestinal causada por bactérias, o médico pode recomendar o uso dos antibióticos, como a ciprofloxacino ou metronidazol, por exemplo, principalmente nos casos de diarreia intensa. 

Já nos casos de infecção intestinal por parasitas, pode ser indicado o uso de antiparasitários, como o albendazol ou o mebendazol por cerca de 3 dias ou de acordo com a indicação do médico. Veja mais sobre os remédios para infecção intestinal.

Cuidados durante o tratamento

Durante o tratamento da infecção intestinal, alguns cuidados são importante, como:

  • Lavar e cozinhar bem os alimentos, evitando a ingestão de mais microrganismos;
  • Não tomar remédios que prendam o intestino, pois assim o agente infeccioso não consegue ser eliminado;
  • Lavar as mãos frequentemente com água e sabonete neutro, especialmente após usar o banheiro ou trocar fralda de crianças. 
  • Alimentar-se em pequenas quantidades, mais vezes ao dia.

Além disso, é recomendado lavar a roupa de cama ou roupas pessoais em água quente, separada das roupas das outras pessoas da casa, para evitar transmitir o vírus ou a bactéria causadora da infecção intestinal.

Qual médico consultar

No caso de infecção intestinal é recomendado consultar um gastroenterologista, pois é o médico responsável por avaliar e tratar problemas do estômago e intestino. 

Marque uma consulta com um gastroenterologista na região mais próxima:

Cuidar da sua saúde nunca foi tão fácil!

Marque uma consulta com nossos Gastroenterologistas e receba o cuidado personalizado que você merece.

Marcar consulta

Disponível em: São Paulo, Rio de Janeiro, Distrito Federal, Pernambuco, Bahia, Maranhão, Pará, Paraná, Sergipe e Ceará.

Foto de uma doutora e um doutor de braços cruzados esperando você para atender

No entanto, muitas situações também podem ser tratadas por um clínico geral ou pediatra.

Como tratar a infecção intestinal no bebê

O tratamento para infecção intestinal no bebê deve ser feito por um pediatra, uma vez que o tratamento irá variar de acordo com a causa da infecção.

Contudo, o mais importante é manter a correta hidratação do bebê, oferecendo soro de reidratação oral ou leite materno, em intervalos de 15 minutos, e manter boa higiene, evitando que o bebê entre em contato com objetos sujos, fezes, urina ou outras fontes de micro-organismos.

Vídeos relacionados