Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Exame de Colinesterase: para que serve e o que significam os resultados

O teste de colinesterase é um exame laboratorial solicitado, principalmente, para verificar envenenamento ou o grau de exposição da pessoa a produtos tóxicos, como pesticidas, herbicidas ou adubos, por exemplo. Esse teste é mais indicado para agricultores, já que estão em contato constante com produtos agrícolas.

A colinesterase é uma enzima presente no organismo responsável pela degradação de uma substância chamada acetilcolina, um neurotransmissor responsável por controlar os impulsos nervosos para os músculos. Existem duas classes de colinesterase: 

  • Colinesterase eritrocitária, que é transportada pelos glóbulos vermelhos do sangue;
  • Colinesterase plasmática ou sérica: colinesterase produzida pelo fígado, pâncreas e intestino delgado e que circula no plasma do sangue.

A monitoração dos níveis de colinesterase é importante para que qualquer alteração possa ser identificada e tratada rapidamente, evitando complicações para a pessoa.

Exame de Colinesterase: para que serve e o que significam os resultados

Para que serve

O exame da colinesterase é recomendado pelo médico principalmente para monitorar o grau de exposição de agricultores, por exemplo, à inseticidas e agrotóxicos. Além disso, a dosagem dessa enzima pode ser solicitada para monitorar pacientes com doença hepática, principalmente aqueles submetidos à transplante de fígado.

Além disso, a dosagem da colinesterase é indicada em pessoas que possuem mutações que interferem no funcionamento correto ou produção dessa enzima.

Valores de referência

Os valores de referência do exame de colinesterase variam de acordo com o laboratório e com o kit utilizado para realizar o exame. Assim, os valores normais de referência podem ser entre:

  • Homens: 4620 - 11500 U/L
  • Mulheres: 3930 - 10800 U/L

Esse exame é feito como qualquer outro exame de sangue, ou seja, é coletada uma pequena amostra de sangue que deve ser enviada para o laboratório para ser analisada pelo setor de bioquímica. De acordo com o laboratório pode ser recomendado fazer jejum de pelo menos 4 horas.

O que significam os resultados

Os níveis baixos de colinesterase indicam principalmente exposição prolongada a agrotóxicos organofosforados, mas os valores baixos também podem estar relacionados com hepatite, desnutrição, infecções, anemias, infarto agudo do miocárdio, anemia perniciosa grave, anemia aplásica e queimaduras. 

Nos casos em que há intoxicação por substâncias presentes nos inseticidas ou herbicidas (organofosforados), há baixa de colinesterase no organismo, provocando sintomas graves como: cólicas na barriga, diarreia, vômito, salivação, dificuldade visual, hipotensão, fraqueza muscular ou paralisia.

Por outro lado, os níveis elevados de colinesterase, normalmente acontecem devido à obesidade, diabetes, síndrome nefrótica e hipertireoidismo.

Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar