Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Teníase: sintomas, tratamento e ciclo de vida

A teníase é uma parasitose causada pela presença do verme adulto de Taenia sp., popularmente conhecido como solitária, no intestino delgado, podendo dificultar a absorção dos nutrientes dos alimentos e provocar sintomas como enjoos, diarreia, perda de peso ou dor abdominal, por exemplo. Ela é transmitida pela ingestão de carne de boi ou de porco crua ou mal cozida que está contaminada com o parasita.

Além da teníase, estes parasitas também podem causar uma doença causada cisticercose, que diferem pela forma de contaminação e sintomas apresentados:

  • Teníase: causada pelo consumo da larva da tênia presente nas carnes de boi ou pouco, que cresce e vive no intestino delgado na sua forma adulta, onde liberam ovos que são eliminados pelas fezes e podem contaminar animais e outras pessoas;
  • Cisticercose: ocorre quando se ingere os ovos da tênia, que liberam suas larvas capazes de atravessar a parede do estômago e atingir a corrente sanguínea da pessoa infectada. Desta forma, as larvas podem se distribuir pelo corpo e alcançar diversos órgãos como músculos, coração e olhos, por exemplo. Ao atingir o cérebro, podem causar a forma mais grave da doença, chamada de neurocisticercose.

Para evitar a teníase é importante evitar consumir carne de boi e de porco cruas, lavar bem as mãos e os alimentos antes de prepará-los. Caso haja suspeita de teníase, é importante ir ao clínico geral para que sejam feito exames e possa ser iniciado o tratamento, que normalmente é feito com a Niclosamida ou o Praziquantel.

Teníase: sintomas, tratamento e ciclo de vida

Principais sintomas

A infecção inicial por Taenia sp. não leva ao aparecimento de sintomas, esses surgem à medida que o parasita se fixa à mucosa intestinal e se desenvolve, levando ao aparecimento dos seguintes sintomas:

  • Diarreia frequente ou prisão de ventre;
  • Enjoo;
  • Dor abdominal;
  • Dor de cabeça;
  • Falta ou aumento do apetite;
  • Tontura;
  • Fraqueza;
  • Irritabilidade;
  • Perda de peso;
  • Cansaço e insônia.

Além disso, nas crianças pode causar atraso no crescimento e no desenvolvimento, assim como dificuldade para ganhar peso. A presença da Taenia sp. na parede do intestino pode provocar hemorragia e levar a produção e liberação de pouco ou muito muco.

Como confirmar o diagnóstico

O diagnóstico da teníase é, muitas vezes, difícil já que a maioria das pessoas infectadas por Taenia sp. não apresentam sintomas, e quando aparecem, são semelhantes aos de outras doenças infecciosas gastrointestinais.

Para confirmar o diagnóstico, o médico normalmente avalia os sintomas apresentados e solicita a realização de exame de fezes para verificar a presença de ovos ou proglotes de Taenia sp., sendo possível confirmar o diagnóstico.

Ciclo de vida da teníase

O ciclo de vida da teníase pode ser representado da seguinte forma:

Teníase: sintomas, tratamento e ciclo de vida

Geralmente, a teníase é adquirida pelo consumo de carnes de porco ou de boi contaminadas com as larvas da tênia, que se alojam no intestino delgado e evoluem para a forma adulta. Após cerca de 3 meses, a tênia começa a liberar nas fezes os chamados proglotes, que são segmentos do seu corpo que contêm órgãos reprodutores e seus ovos.

Os ovos da tênia podem contaminar o solo, a água e alimentos, que podem ser responsáveis por contaminar outros animais ou outras pessoas, que podem adquirir a cisticercose. Entenda o que é e como identificar a cisticercose.

Taenia solium e Taenia saginata

Taenia solium
Taenia solium
Taenia saginata
Taenia saginata

A Taenia solium e a Taenia saginata são os parasitas responsáveis pela teníase, apresentam cor branca, corpo achatado em forma de fita e podem ser diferenciados quanto ao seu hospedeiro e características do verme adulto.

A Taenia solium possui como hospedeiro os suínos e, por isso, a transmissão acontece quando é ingerida carne crua de porco infectado. O verme adulto da Taenia solium possui a cabeça com ventosas e rostro, que corresponde a uma estrutura formada por acúleos em formato de foice e que permitem adesão à parede intestinal. Além de causar a teníase, a Taenia solium também é responsável pela cisticercose.

A Taenia saginata possui como hospedeiro os bovinos e só está associada com a teníase. O verme adulto da Taenia saginata possui a cabeça desarmada e sem rostro, apenas com ventosas para fixação do parasita à mucosa do intestino. Além disso, as proglotes gravídicas da Taenia solium são maiores que a da Taenia saginata.

A diferenciação das espécies não consegue ser feita através da análise do ovo encontrado no exame de fezes. A diferenciação só é possível através da observação das proglotes ou por meio de exames moleculares ou imunológicos, como PCR e ELISA, por exemplo.

Como é feito o tratamento

O tratamento para teníase é feito com remédios antiparasitários, principalmente Praziquantel e Niclosamida, que é capaz de imobilizar a tênia e favorecer a sua eliminação nas fezes. No entanto, para que isso aconteça e que a pessoa seja curada da teníase, é importante que o tratamento seja feito exatamente como for recomendado pelo médico. Saiba mais sobre o tratamento para teníase.

Como prevenir 

Para prevenir a teníase, deve-se adotar alguns cuidados como:

  • Não ingerir carne crua ou mal cozida;
  • Beber água mineral, filtrada ou fervida;
  • Lavar as mãos, principalmente após o banheiro e antes das refeições;
  • Lavar os alimentos com água filtrada.

Além destas medidas, é importante dar água limpa aos animais e não adubar a terra com fezes humanas.


Bibliografia

  • NEVES, David P. Parasitologia Humana. 12 ed. Atheneu, 245-255.
Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto. Não lhe iremos responder directamente. Se quiser uma resposta clique em Contato.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem