Prova do laço: para que serve, como é feita e resultados

Atualizado em dezembro 2023

A prova do laço é um exame rápido que deve ser feito em todos os casos de suspeita de dengue, já que permite identificar a fragilidade dos vasos sanguíneos, comum da infecção pelo vírus da dengue.

Apesar de nem sempre dar positivo quando a pessoa tem dengue, este exame faz parte das recomendações da Organização Mundial de Saúde para o diagnóstico da dengue. É por esse motivo que, após o resultado positivo se deve fazer um exame de sangue que confirme a presença do vírus.

Como identifica o risco de sangramento, a prova do laço não precisa ser utilizada quando já existem sinais de hemorragia, como sangramento nas gengivas e nariz ou presença de sangue urina. Além disso, a prova do laço pode apresentar falsos resultados em situações como uso de aspirina, corticoides, fase de pré ou pós-menopausa, ou quando existe queimadura solar, por exemplo.

Resultado positivo da prova do laço
Resultado positivo da prova do laço

Para que serve

A prova de laço pode se feita para ajudar no diagnóstico de:

  • Dengue;
  • Escarlatina;
  • Trombocitopenia;
  • Hemofilia;
  • Doenças no fígado;
  • Anemia.

A prova do laço é feita para testar a fragilidade dos vasos e, como pode dar positiva em várias situações, após saber o resultado, é sempre recomendado fazer outros teste de diagnóstico, começando por exames de sangue, por exemplo.

Como é feita a prova

Para fazer o teste da prova do laço deve-se desenhar, no antebraço, um quadrado com uma área de 2,5 x 2,5 cm e depois seguir estes passos:

  1. Avaliar a pressão arterial da pessoa com o esfigmomanômetro;
  2. Insuflar novamente o manguito do esfigmomanômetro até ao valor médio entre a pressão máxima e a mínima. Para saber o valor médio deve-se somar o valor de pressão arterial máxima com a o valor de pressão arterial mínima e depois dividir por 2.
  3. Esperar 5 minutos com o manguito insuflado na mesma pressão;
  4. Desinsuflar e retirar o manguito, depois dos 5 minutos ;
  5. Deixar o sangue circular por pelo menos 2 minutos.

Por fim, deve-se avaliar a quantidade de pontos avermelhados, chamados de petéquias, dentro do quadrado marcado na pele, para saber qual o resultado do teste. 

Entenda o que são as petéquias e veja outras causas que podem estar na sua origem.

Como entender o resultado

O resultado da prova do laço é positiva quando surgem mais de 20 pontinhos vermelhos dentro do quadrado marcado na pele. Porém, um resultado com 5 a 19 pontinhos já pode indicar suspeita de dengue, devendo-se fazer outros exames que ajudam a confirmar se há ou não a infecção.

É importante lembrar que o exame pode ser falso negativo mesmo em pessoas que têm dengue. Por isso, caso haja suspeita através dos sintomas, o médico deverá solicitar outros testes para confirmar.

O que fazer se a prova for positiva

Quando a prova do laço é positiva, é recomendado fazer um exame de sangue mais específico para confirmar a presença do vírus da dengue. Isso acontece porque o resultado positivo também pode acontecer devido a outras situações como infecções, doenças autoimunes ou até, uso de remédios como aspirina, corticoides ou anticoagulantes, por exemplo.

Saiba mais sobre os exames disponíveis para confirmar o diagnóstico de dengue.