Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Peniscopia: O que é, Para que serve e Como é feita

A peniscopia é um exame de diagnóstico utilizado pelo urologista para identificar lesões ou alterações imperceptíveis a olho nu, que podem estar presentes no pênis, escroto ou região perianal.

Geralmente, a peniscopia é utilizada para diagnosticar infecções por HPV, uma vez que permite observar a presença de verrugas microscópicas, no entanto, também pode ser usada em casos de herpes, candidíase ou outros tipos de infecções genitais.

Peniscopia: O que é, Para que serve e Como é feita

Quando deve ser feita

A peniscopia é um exame especialmente recomendado sempre que a parceira ou o parceiro apresenta sintomas de HPV, mesmo que não existam alterações visíveis no pênis. Dessa forma é possível descobrir se houve transmissão do vírus, levando ao início precoce do tratamento.

Assim, se o homem possuir muitas parceiras sexuais ou se a sua parceira sexual descobrir que está com HPV ou possui sintomas de HPV como, presença de várias verrugas de tamanhos variáveis na vulva, grandes ou pequenos lábios, parede vaginal, colo do útero ou ânus, que podem estar tão juntas que formam placas, o homem deve ser submetido a este exame.

Além disso, existem outras infecções sexualmente transmissíveis que também podem ser investigadas com este tipo de exame como o herpes, por exemplo.

Como é feita a peniscopia

​A peniscopia é feita no consultório do urologista, não dói, e consiste em 2 passos:

  1. O médico coloca uma compressa com ácido acético, a 5%, em volta do pênis durante cerca de 10 minutos e
  2. Depois observa a região com a ajuda de um peniscópio, que é um aparelho com lentes capazes de aumentar até 40 vezes a imagem.

Caso o médico encontre verrugas ou qualquer outra alteração, é feita uma biópsia com anestesia local e o material é enviado para laboratório, de forma a identificar qual o micro-organismo responsável e iniciar o tratamento adequado. Saiba como é feito o tratamento do HPV no homem

Como se preparar para a peniscopia

O preparo para a peniscopia deve incluir:

  • Aparar os pêlos pubianos antes do exame;
  • Evitar contato íntimo durante 3 dias;
  • Não colocar remédios no pênis no dia do exame;
  • Não lavar os genitais imediatamente antes do exame.

Estes cuidados facilitam a observação do pênis e previnem falsos resultados, evitando ter de repetir o exame.

Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto. Não lhe iremos responder directamente. Se quiser uma resposta clique em Contato.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem