Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

O que fazer quando a dor nas costas não passa

Quando a dor nas costas limita as atividades do dia a dia ou quando dura mais de 6 semanas para desaparecer, é recomendado consultar um ortopedista para que sejam feitos exames de imagem, como raio-X ou tomografia computadorizada, para que seja identificada a causa da dor nas costas e iniciado o tratamento mais adequado, que pode envolver o uso de anti-inflamatórios, cirurgia ou fisioterapia.

Na maioria dos casos, a dor nas costas melhora ao longo de 2 a 3 semanas, desde que a pessoa permaneça em repouso e aplique compressas mornas na região da dor. Em alguns casos, o médico pode indicar também o uso de anti-inflamatórios para aliviar a dor e o desconforto e promover a recuperação e a qualidade de vida da pessoa.

Confira mais dicas para aliviar a dor nas costas assistindo ao vídeo a seguir:

O que pode ser

A dor nas costas acontece principalmente devido a situações de estresse muscular causado por esforços ao levantar muito peso, estresse ou à má postura durante o dia, por exemplo.

No entanto, nos casos em que a dor é constante e não passa mesmo com o repouso e aplicação de compressa, pode ser indicativo de situações mais graves, como compressão da medula, hérnia de disco, fratura de uma vértebra ou câncer ósseo, por exemplo, sendo importante consultar o ortopedista para que seja feito o diagnóstico.

Conheça outras causas de dor nas costas.

Como saber se a dor nas costas é grave

A dor nas costas pode ser considerada grave quando:

  • Dura mais de 6 semanas;
  • É muito forte ou piora ao longo do tempo;
  • Existe dor intensa quando se toca levemente sobre a coluna;
  • É verificada perda de peso sem razão aparente;
  • Há dor que irradia para as pernas ou que provoca formigamento, principalmente quando se faz esforço;
  • Exista dificuldade para urinar ou incontinência fecal;
  • Há formigamento na região da virilha.

Além disso, pessoas com menos de 20 anos ou com mais de 55 anos ou que fazem uso de esteroides ou drogas injetáveis têm maior probabilidade da dor nas costas ser indicativo de alterações mais graves.

Apesar de na maioria dos casos a dor nas costas não ser considerada graves, na presença de qualquer um desses sinais ou sintomas é importante consultar o ortopedista para que seja feita a avaliação e iniciado o tratamento, caso seja necessário.

Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.
Mais sobre este assunto:

Publicidade
Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem