Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

O que fazer depois de uma queda

Uma queda pode acontecer por causa de acidentes domésticos ou de trabalho, ao subir em cadeiras, mesas e ao escorregar de escadas, mas também pode ocorrer devido a desmaios, tonturas ou hipoglicemia que podem ser provocados pelo uso de medicamentos específicos ou algumas doenças.

Antes de atender uma pessoa que sofreu uma queda grave é importante não mexer na pessoa, pois pode haver fratura na coluna e hemorragias internas e se for feita uma movimentação inadequada pode piorar o estado de saúde da vítima.

Depois de presenciar uma pessoa caindo é necessário verificar se ela está consciente, perguntando nome, o que aconteceu e em seguida, dependendo da intensidade, da altura, do local e da gravidade é preciso chamar ajuda e ligar para a ambulância do SAMU no 192.

O que fazer depois de uma queda

Desta forma, os passos a seguir de acordo com o tipo de queda são:

1. Queda leve

A queda leve se caracteriza quando uma pessoa cai da própria altura ou de um local com menos de 2 metros e pode ocorrer, por exemplo, andando de bicicleta, escorregando no piso liso ou caindo de uma cadeira, sendo que os primeiros socorros deste tipo de queda requer os seguintes cuidados:

  1. Verificar a presença de machucados na pele, observando algum sinal de sangramento;
  2. Caso tenha alguma ferida é preciso lavar a região afetada com água, sabão ou soro fisiológico e não passar nenhum tipo de pomada sem indicação médica;
  3. Pode-se aplicar uma solução antisséptica, à base de timerosal, caso exista uma ferida tipo escoriação, que é quando a pele fica esfolada;
  4. Cobrir o local com um curativo limpo ou esterilizado, para evitar que infeccione.

Se a pessoa for idosa ou se tiver osteoporose é sempre importante consultar um clínico geral, pois mesmo que não tenha nenhum sintoma ou sinal visível na hora da queda, pode ter ocorrido algum tipo de fratura.

E também, se mesmo em caso de queda leve, a pessoa tiver batido a cabeça e esteja sonolenta ou com ânsia de vômito, é preciso procurar atendimento médico de urgência, pois pode ter alguma lesão no crânio. Veja o que fazer quando uma pessoa bate a cabeça durante uma queda:

O que fazer quando BATER A CABEÇA

56 mil visualizações

2. Queda grave

A queda grave ocorre quando uma pessoa cai de uma altura de mais 2 metros, como em escadas altas, sacadas ou terraços e os primeiros socorros que se deve ter, neste caso, são:

  1. Chamar imediatamente uma ambulância, ligando para o número 192;
  2. Verificar se a vítima está acordada, chamando a pessoa e verificando se ela responde quando é chamada.
  3. Não levar a vítima para o hospital, é necessário aguardar o atendimento da ambulância, pois os profissionais de saúde são treinados para mobilizar pessoas após sofrerem uma queda.
  4. Caso esteja inconsciente, verificar a respiração durante 10 segundos, através da observação do movimento do tórax, ouvindo se o ar sai pelo nariz e sentindo o ar expirado;
  5. Se a pessoa estiver respirando, é importante aguardar a ambulância para continuar os cuidados especializados;
  6. Entretanto, se a pessoa NÃO estiver respirando:
  • É preciso iniciar as massagens cardíacas, com uma mão sobre a outra sem dobrar os cotovelos;
  • Se tiver máscara de bolso, fazer 2 respirações a cada 30 massagens cardíacas;
  • Deve-se continuar essas manobras sem movimentar a vítima e só parar quando a ambulância chegar ou quando pessoa voltar a respirar;

Caso a pessoa tenha um sangramento, pode-se controlar a hemorragia fazendo pressão no local com auxílio de um pano limpo, no entanto, isto não é indicado em caso de sangramento no ouvido.

Também é importante verificar sempre se a vítima apresenta as mãos, olhos e boca estão arroxeadas ou se ela vomita, pois isto pode significar hemorragias internas e traumatismo craniano. Confira mais sobre outros sintomas do traumatismo craniano e o tratamento.

Como evitar quedas graves

Alguns acidentes podem acontecer com crianças em casa, por causa de quedas graves de algum móvel, carrinho, andador, berço e janelas, por isso são necessárias algumas adequações da residência como colocar telas nas janelas e manter a criança sempre vigiada. Confira o que fazer se uma criança cai e bate a cabeça.

Os idosos também têm riscos de sofrerem quedas graves, seja por causa de escorregões em tapetes, pisos molhados e degraus ou porque possuem alguma doença que lhes causam fraqueza, tontura e tremores, como diabetes, labirintite e doença de parkinson. Nestes casos, é preciso ter cuidados no dia-a-dia como retirar obstáculos dos corredores, prender tapetes com fitas, usar sapatos antiderrapantes e caminhar com auxílio de bengalas ou andadores.

Bibliografia >

  • RIBEIRO, Adalgisa P. et al. Quedas acidentais nos atendimentos de urgência e emergência: resultados do VIVA Inquérito de 2014. Ciênc. saúde colet. 21 (12) Dez 2016. Vol.21, n.12. 3719-3727, 2016
  • CAIXA DE PREVIDÊNCIA E ASSISTÊNCIA DOS SERVIDORES DA FUNDAÇÃO NACIONAL DE SAÚDE. Primeiros Socorros. 2019. Disponível em: <https://www.capesesp.com.br/primeiros-socorros>. Acesso em 22 Nov 2019
  • BAPTISTA, Nelson T. Manual de primeiros socorros. 3.ed. Sintra: Escola Nacional de Bombeiros, 2018. 159-174.
  • MINISTÉRIO DA SAÚDE. Manual de Primeiros Socorros. 2003. Disponível em: <http://www.fiocruz.br/biosseguranca/Bis/manuais/biosseguranca/manualdeprimeirossocorros.pdf>. Acesso em 22 Nov 2019
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem