Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

O que comer para regular a tireoide

​Para regular a tireoide, é importante ter uma alimentação rica em iodo, selênio e zinco, nutrientes importantes para para o bom funcionamento desta glândula e que pode ser encontrados em alimentos como peixes, frutos do mar e castanha-do-pará.

Além disso, é importante lembrar que o principal meio de tratamento para doenças na tireoide é o uso de medicamento específicos indicados pelo médico para controlar os sintomas. Veja quais os medicamentos usados no tratamento em Remédios para Tireoide.

O que comer para regular a tireoide

Bons alimentos para tireoide

Os nutrientes e alimentos importantes para regular a tireoide naturalmente, sendo útil tanto em caso de hipotireoidismo, como em caso de hipertireoidismo, são:

  • Iodo: peixes do mar, todas as algas marinhas, camarão, ovo. Veja mais sobre as funções do iodo em: Iodo previne infertilidade e problemas na tireoide.
  • Zinco: ostras, carne, sementes de abóbora, feijão, amêndoa, amendoim;
  • Selênio: castanha-do-pará, farinha de trigo, pão, ovo;
  • Ômega-3: abacate, óleo de linhaça e peixes ricos em gordura, como salmão, sardinha e atum;

Esses nutrientes ajudam na formação dos hormônios da tireoide e na atuação deles no organismo, mantendo o metabolismo equilibrado. Também é importante lembrar que no Brasil o sal de cozinha recebe adição de iodo, uma medida utilizada para prevenir problemas de tireoide, como o bócio. 

Veja como a alimentação pode ajudar:

Alimentos que prejudicam a tireoide 

A soja e seus derivados, como leite e tofu, são os principais alimentos que podem contribuir para desregular a tireoide. No entanto, esse risco é maior apenas para pessoas com histórico familiar de problemas nesta glândula, que não consomem iodo adequadamente ou que têm uma alimentação rica em carboidratos refinados, como doces, massas, pães e bolos.

Além disso, pessoas que já tomam medicamentos para a tireoide devem evitar consumir alimentos ricos em cálcio, como leite e derivados, e suplementos de ferro, pois eles podem diminuir o efeito do remédio. Assim, a melhor opção é tomar o medicamento pelo menos 2h antes ou depois das refeições.

Outros alimentos que prejudicam a tireoide são verduras como couve, brócolis, repolho e espinafre que contém glucosinolatos e que por isso não devem ser consumidos crus diariamente, no entanto quando são cozidos, ensopados ou salteados é possível consumir estas verduras normalmente. 

Quem tem alguma alteração na tireoide também deve reduzir o consumo de açúcar e alimentos como pão e bolo industrializados, por exemplo que são ricos em açúcares, fermentos e aditivos porque estes também podem atrapalhar o metabolismo e diminuir a produção de hormônios tireoidianos. 

Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:
Carregando
...
Fechar