Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Alimentos ricos em Selênio

Os alimentos ricos em Selênio são principalmente castanha-do-pará, trigo, arroz, gema de ovo, sementes de girassol e frango. O selênio é um mineral presente no solo e, por isso, a sua quantidade nos alimentos varia de acordo com a riqueza do solo nesse mineral.

A quantidade recomendada de selênio para um adulto é de 55 microgramas por dia, e o seu consumo adequado é importante para funções como fortalecer o sistema imunológico e manter uma boa produção dos hormônios da tireoide. Veja todos os benefícios aqui.

Alimentos ricos em Selênio

Quantidade de Selênio nos alimentos

A tabela a seguir traz a quantidade de selênio presente em 100 g de cada alimento:

AlimentosQuantidade de SelênioEnergia
Castanha do pará4000 mcg699 calorias
Farinha de trigo42 mcg360 calorias
Pão francês25 mcg269 calorias
Gema de ovo20 mcg352 calorias
Frango cozido7 mcg169 calorias
Clara de ovo6 mcg43 calorias
Arroz4 mcg364 calorias
Leite em pó3 mcg440 calorias
Feijão3 mcg360 calorias
Alho2 mcg134 calorias
Repolho2 mcg25 calorias

O selênio presente em alimentos de origem animal é melhor absorvido pelo intestino quando comparado ao selênio vegetal, sendo importante variar a dieta para obter uma boa quantidade desse mineral..

Benefícios do Selênio

O selênio desempenha funções importantes no organismo, como:

  • Atuar como antioxidante, prevenindo doenças como câncer e aterosclerose;
  • Participar do metabolismo dos hormônios da tireoide;
  • Desintoxicar o organismo de metais pesados;
  • Fortalecer o sistema imunológico;
  • Melhorar a fertilidade masculina.

Para ter os benefícios do selênio para saúde uma boa dica é ingerir uma castanha-do-pará por dia, que além de selênio tem também vitamina E e contribui para a saúde da pele, das unhas e do cabelo. Veja outros benefícios da castanha-do-pará.

Quantidade recomendada

A quantidade recomendada de selênio varia de acordo com o gênero e a idade, como mostrado a seguir:

  • Bebês de 0 a 6 meses: 15 mcg
  • Bebês de 7 meses a 3 anos: 20 mcg
  • Crianças de 4 a 8 anos: 30 mcg
  • Jovens de 9 a 13 anos: 40 mcg
  • A partir de 14 anos: 55 mcg
  • Mulheres grávidas: 60 mcg
  • Mulheres que amamentam: 70 mcg

Ao fazer uma alimentação equilibrada e variada, é possível obter as quantidades recomendadas de selênio naturalmente através dos alimentos. A sua suplementação só deve ser feita com orientação do médico ou do nutricionista, pois o seu excesso pode trazer malefícios para a saúde.

Mais sobre este assunto:


Carregando
...