Nódulo de Schmorl: o que é, sintomas, causas e tratamento

O nódulo de Schmorl, também chamado de hérnia de Schmorl, consiste na herniação do disco intervertebral para dentro da vértebra, sendo na maioria dos casos descoberta por meio da realização de exames de imagem como ressonância magnética ou tomografia, por exemplo.

Na maioria dos casos, o nódulo não causa sintomas e, por isso, não é motivo de preocupação. Porém, em alguns casos, é possível que exista compressão do nervo local, causando dor na coluna.

Esse tipo de hérnia é mais comum no final da coluna torácica e início da lombar, como entre L5 e S1, sendo mais encontrado em pessoas com mais de 45 anos de idade, mas não é grave, e nem é indicativo de câncer.

Nódulo de Schmorl: o que é, sintomas, causas e tratamento

Principais sintomas

Na maioria dos casos o nódulo de Schmorl não leva ao aparecimento de sinais ou sintomas, no entanto quando o nódulo é grande, quando existe inflamação associada ou quando existe mais de um nódulo, é possível que seja notada dor na coluna ou na região lombar. 

Como é feito o diagnóstico

O diagnóstico do nódulo de Schmorl é feito por meio de exames de imagem, como a tomografia computadorizada, radiografia e ressonância magnética. Dentre esses exames, o mais indicado é a ressonância magnética, pois além de indicar a presença do nódulo, também indica se há sinais de inflamação, podendo sugerir a possível causa do nódulo, enquanto que a tomografia e a radiografia apenas indicam a presença do nódulo.

Causas do nódulo de Schmorl

As causas do nódulo de Schmorl ainda não são totalmente esclarecidas, no entanto acredita-se que alguns fatores possam estar relacionados com essa alteração, como:

  • Traumatismos de grande impacto como em caso de acidente de moto ou quando uma pessoa cai batendo primeiramente a cabeça no chão,
  • Traumatismo repetitivo, quando a pessoa que levanta objetos pesados acima da cabeça frequentemente;
  • Doenças degenerativas do disco vertebral;
  • Reação do sistema imune, que passa a atuar sobre o disco, quando este encontra-se dentro de uma vértebra; 
  • Alteração genética durante a formação das vértebras durante a gestação. 

Além disso, algumas doenças como a osteomalácia, hiperparatireoidismo, doença de Paget, infecções, câncer ou osteoporose podem também estar relacionadas com o aparecimento do nódulo de Schmorl.

Como é feito o tratamento

O tratamento para o nódulo de Schmorl só é indicado nos casos em que existem sintomas, podendo ser indicado pelo ortopedista o uso de medicamentos para aliviar os sintomas, além de realização de infiltração ou vertebroplastia, que é um procedimento que consiste na aplicação de cimento ósseo na vértebra com o objetivo de diminuir a compressão intravertebral e aliviar a dor. Nos casos mais graves, pode ser indicada a realização de cirurgia.

Além disso, dependendo da causa do nódulo de Schmorl pode ser indicado que sejam realizadas sessões de fisioterapia, que também ajudam no alívio da dor e do desconforto.

Esta informação foi útil?

Bibliografia

  • KWAKU Kyere. Schmorl’s nodes. European Spine Journal. 21. 11; 2115–2121, 2012
  • BIBLIOTECA VIRTUAL EM SAÚDE. O que são Nódulos de Schmorl e qual sua importância clínica?. Disponível em: <https://aps.bvs.br/aps/o-que-sao-nodulos-de-schmorl-e-qual-sua-importancia-clinica/?l=es_ES>. Acesso em 25 Set 2019
  • SAEYOUNG, Kim; SEUNGWON, Jang. Dor radicular causada por nódulo de Schmorl: relato de caso. Revista Brasileira de Anestesiologia. Vol 68. 3 ed; 322-324, 2018
Mais sobre este assunto: