Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Mentrasto: para que serve, como usar e contraindicações

O mentrasto, também conhecido como catinga de bode e picão-roxo, é uma planta medicinal que possui propriedades anti-reumáticas, anti-inflamatórias e cicatrizantes, sendo muito eficaz no tratamento de dores articulares, principalmente relacionadas com a artrose.

O nome científico do mentrasto é Ageratum conyzoides L. e pode ser encontrado em lojas de produtos naturais ou em farmácias de manipulação na forma de cápsulas ou de folhas secas, que normalmente são utilizadas para fazer o chá de mentrasto.

Apesar de possuir muitas propriedades e, por isso, muitos benefícios, o mentrasto deve ser utilizado com cuidado, já que pode ser tóxico para o fígado e aumentar a pressão arterial quando consumido em altas doses.

Mentrasto: para que serve, como usar e contraindicações

Para que serve o mentrasto

O mentrasto possui propriedade analgésicas, anti-inflamatória, anti-reumática, aromática, cicatrizante, diurética, vasodilatadora, febrífugo, carminativa e tônica, podendo ser utilizado com vários objetivos, com por exemplo:

  • Tratar infecção urinária;
  • Aliviar os sintomas da artrose;
  • Diminuir as cólicas menstruais;
  • Tratar contusões;
  • Aliviar as dores musculares;
  • Diminuir a febre;
  • Aliviar os sintomas da gripe.

Além disso, devido à sua propriedade anti-diarreica, o consumo do mentrasto pode diminuir a diarreia.

Como usar

O mentrasto para fins terapêuticos pode ser utilizado na forma de flores, folhas ou sementes.

No caso de reumatismo, contusões e até mesmo artrose, podem ser feitas compressas com o chá de mentrasto no lugar da dor, para aliviar os sintomas. Para fazer a compressa, basta embeber uma toalha limpa no chá de mentrasto e aplicar no local.

Chá de mentrasto

Mentrasto: para que serve, como usar e contraindicações

O chá de mentrasto pode ser utilizado para tratar a gripe, diminuir as cólicas menstruais e auxiliar no tratamento da artrose.

Ingredientes

  • 5 g de folhas secas de mentrasto;
  • 500 ml de água.

Modo de preparo

Para fazer o chá basta ferver 5 g de folhas secas de mentrasto em 500 ml e beber duas a três vezes por dia.

Contraindicações e possíveis efeitos colaterais

O mentrasto deve ser utilizado com cuidado, pois o consumo em excesso pode levar ao aumento da pressão arterial e causar danos ao fígado.

O consumo dessa planta medicinal não é recomendado para pessoas diabéticas, com problemas no fígado, gestantes, lactentes e crianças.

Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar