Batimentos cardíacos a 47 é normal?

“Tenho 51 anos e meus batimentos cardíacos estão chegando a 47, estou preocupado. Isso é normal? Ou pode indicar algum problema?”

Dr.ª Janyele Sales

Médica de Saúde Familiar

CRM 177392-SP

Dr.ª Janyele Sales
Não tem agenda disponível
Buscar Cardiologista perto de você

Ter batimentos cardíacos na frequência de 47 por minuto não é normal, pois é esperado que a frequência normal se se situe entre 60 e 100 batimentos por minuto.

Quando a frequência cardíaca está abaixo de 50, considera-se que o coração está a bater mais devagar do que o esperado, condição chamada de bradicardia.

Porém, a bradicardia não indica necessariamente a presença de alguma doença ou problema de saúde grave. Pessoas idosas e atletas podem apresentar os batimentos mais lentos sem ter qualquer problema de saúde.

O uso de medicamentos como betabloqueadores, bloqueadores do canal de cálcio, digoxina e medicamentos para arritmia podem também diminuir a frequência cardíaca.

Outras causas frequentes de bradicardia são:

  • Problemas e alterações na rede elétrica do coração;
  • Episódios prévios de isquemia cardíaca (enfarto);
  • Hipotireoidismo;
  • Doença cardíaca congênita;
  • Doenças inflamatórias;
  • Desequilíbrios em eletrólitos como potássio e cálcio.
  • Miocardite;

Consulte um cardiologista caso sua frequência cardíaca esteja constantemente baixa ou caso tenha sintomas como fadiga, tontura e desmaios.

A bradicardia, em algumas situações, pode levar a parada cardíaca, por isso quando a bradicardia é grave pode ser necessário o uso de medicamentos ou a implantação de dispositivos que permitem que o coração bata na frequência mais adequada, como um marca-passo.

25% dos leitores acham este conteúdo útil (8 avaliações nos últimos 12 meses)
  • Iremos publicar sua pergunta de forma anônima.
  • Faça uma pergunta clara, curta e sem incluir dados pessoais.
  • Não peça um diagnóstico ou 2ª opinião sobre tratamentos que já esteja realizando.
Iremos utilizá-lo para o notificar sobre a resposta. O seu email nunca será publicado online.
Marque consulta com um Cardiologista perto de você!

Atendemos mais de 150 convênios em 9 estados do Brasil*.

Marcar Consulta

Disponível em: São Paulo, Rio de Janeiro, Distrito Federal, Pernambuco, Bahia, Maranhão, Pará, Paraná, Sergipe e Ceará.