7 formas de aliviar a garganta irritada

Revisão clínica: Manuel Reis
Enfermeiro

A garganta irritada pode ser aliviada com medidas simples e remédios naturais, que podem ser facilmente encontrados ou preparados em casa, como é o caso do mel, do alho, dos gargarejos de água com sal e dos banhos de vapor.

A irritação na garganta geralmente é causada por gripes, resfriados, alergias ou amigdalite, mas também pode surgir por situações menos comuns como o refluxo. Assim, se a sensação de garganta irritada se mantiver por vários dias, se piorar ou se for acompanhada por outros sintomas como febre ou cansaço, é importante consultar um clínico geral, para identificar a causa e iniciar o tratamento adequado. Conheça as principais causas da irritação na garganta.

Confira, no vídeo a seguir, como preparar algumas receitas simples para aliviar a garganta irritada:

Algumas opções caseiras que ajudam a aliviar a garganta inflamada são:

1. Gargarejar água morna com sal

Gargarejar água morna com sal, ajuda a suavizar a irritação da garganta, assim como pode ajudar na eliminação das secreções.

Para preparar a solução, basta adicionar 1 colher de sopa de sal em 1 copo de água morna e misturar bem até a dissolução completa do sal. Depois, basta gargarejar pelo máximo de tempo que se conseguir, expelindo a água e, em seguida, repetir o processo mais 2 vezes.

2. Fazer nebulização com soro fisiológico

A nebulização com soro fisiológico ajuda a hidratar as vias respiratórias, aliviando a secura na garganta, que é uma das principais causas de irritação, além de ser também uma ótima opção para ajudar a aliviar alergias, como rinite ou sinusite.

A nebulização pode ser feita com o aparelho nebulizador, mas também pode ser feita com um umidificador ou inalação do vapor de água do chuveiro. Conheça as diferentes formas de nebulização.

3. Tomar mel

O mel é um ótimo remédio caseiro para aliviar a irritação e dor de garganta, devido às suas propriedades antimicrobianas, antioxidantes, calmantes e cicatrizantes.

Para usufruir dos seus benefícios do mel, basta tomar uma colher desse alimento puro, ou adicioná-lo em chás. Conheça outros benefícios do mel para a saúde.

4. Beber chás

As infusões dos extratos de algumas plantas, como camomila, sálvia, hortelã-pimenta, arnica ou equinácea, podem ajudar a aliviar a irritação da garganta, devido às suas propriedades lubrificantes, anti-inflamatórias, cicatrizantes, adstringentes e estimulantes do sistema imunológico.

Para preparar os chás, basta colocar 2 colheres de chá de flores secas de camomila ou 1 colher de chá de raiz ou folhas de equinácea em 1 xícara de água fervente e manter num recipiente coberto por pelo 10 a 15 minutos. Coar, deixar amornar e beber 3 vezes ao dia. Além disso, também se podem fazer gargarejos com o chá já morno. Veja outros chás que podem ajudar a aliviar a irritação na garganta.

5. Gargarejar vinagre de maçã e água

O vinagre de maçã possui propriedades antimicrobianas e, por isso, pode ajudar a eliminar as bactérias da garganta, combatendo a irritação. Conheça outras vantagens do vinagre de maçã para a saúde

Para fazer o gargarejo basta misturar 1 a 2 colheres de sopa de vinagre de maçã em um copo de água, gargarejando o máximo de tempo possível e expelindo a água em seguida. Repetir o processo mais 2 vezes.

6. Chupar bala de mel e limão, ou menta

Chupar bala ou pastilhas de mel com limão ou menta, ajuda a aumentar a quantidade de saliva, hidratando e diminuindo a irritação da garganta.

Além de conterem extratos naturais com propriedades bactericidas, algumas pastilhas também podem ter medicamentos, como analgésicos e antissépticos, que também ajudam a aliviar a irritação na garganta.

7. Tomar suplemento de alho

O alho contém alicina, composto bioativo com propriedades antimicrobianas e anti-inflamatórias, sendo uma boa opção para ajudar a tratar a garganta irritada e inflamada.

Para usufruir dos seus benefícios, basta consumir um dente de alho fresco picado ou amassado por dia ou tomar um suplemento de alho em cápsulas diariamente. Veja como tomar o suplemento de alho.

Esta informação foi útil?

Atualizado e revisto clinicamente por Manuel Reis - Enfermeiro, em janeiro de 2022.

Bibliografia

  • GOPAL, Judy et al. Authenticating apple cider vinegar’s home remedy claims: antibacterial, antifungal, antiviral properties and cytotoxicity aspect. Natural Product Research. Vol.33. 6.ed; 1-5, 2019
  • SRIVASTAVA, Janmejai K. et. al.. Chamomile: A herbal medicine of the past with bright future. Mol Med Report. . Vol.6. 3.ed; 895-901, 2010
Mostrar bibliografia completa
  • JOHNSTONE, Carol S. et. al. . Vinegar: Medicinal Uses and Antiglycemic Effect. MedGenMed.. Vol.2. 2.ed; 61, 2006
  • MINISTÉRIO DA SAÚDE E ANVISA. MONOGRAFIA DA ESPÉCIE Allium sativum (ALHO). 2015. Disponível em: <https://portalarquivos2.saude.gov.br/images/pdf/2017/setembro/11/Monografia-Allium.pdf>. Acesso em 09 jun 2020
  • PAUL, Ian M.; BEILER, Jessica; MCMONAGLE, Amyee. Effect of Honey, Dextromethorphan, and No Treatment on Nocturnal Cough and Sleep Quality for Coughing Children and Their Parents. Arch Pediatr Adolesc Med. Vol, 161, n.12. 1140-1146, 2007
  • MEO, Sultan A. et al. Role of honey in modern medicine. Saudi Journal of Biological Sciences. Vol.24, n.5. 975-978, 2017
  • EXAMINE.COM. Garlic. Disponível em: <https://examine.com/supplements/garlic/research/#longevity>. Acesso em 09 jun 2020
  • JOURNAL OF IMMUNOLOGY RESEARCH. Immunomodulation and Anti-Inflammatory Effects of Garlic Compounds. 2015. Disponível em: <https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC4417560/>. Acesso em 09 jun 2020
Revisão clínica:
Manuel Reis
Enfermeiro
Pós-graduado em fitoterapia clínica e formado pela Escola Superior de Enfermagem do Porto, em 2013. Membro nº 79026 da Ordem dos Enfermeiros.

Tuasaude no Youtube

  • 7 Remédios Caseiros para a DOR DE GARGANTA

    01:37 | 789622 visualizações
  • CURAR A DOR DE GARGANTA com remédios naturais incríveis

    05:41 | 1167176 visualizações