Fenoterol: para que serve, como usar e efeitos colaterais

Atualizado em fevereiro 2024

Fenoterol é um broncodilatador inalatório indicado para o tratamento de crises agudas de asma ou bronquite obstrutiva crônica, pois age em poucos minutos após sua aplicação, dilatando os brônquios e facilitando a entrada de ar nos pulmões.

Esse remédio é oferecido gratuitamente pelo SUS, mediante indicação médica, mas também pode ser encontrado em farmácias ou drogarias, na forma de bombinha ou solução em gotas, como genérico "bromidrato de fenoterol" ou com o nome comercial Berotec.

O fenoterol deve ser usado com orientação do pneumologista que também pode indicar outros remédios de acordo com a intensidade e gravidade das crises, assim como medicamentos para controlar a asma, prevenindo crises agudas. Veja todos os remédios indicados para o controle e crises de asma

Imagem ilustrativa número 1

Para que serve

O fenoterol é indicado para o tratamento de:

  • Crises agudas de asma;
  • Bronquite obstrutiva crônica, com ou sem enfisema pulmonar;
  • Doença pulmonar obstrutiva crônica.

Além disso, o bromidrato de fenoterol também pode ser indicado para prevenir crises de asma induzida pelo exercício.

O fenoterol é indicado apenas para as crises agudas de asma ou de outras doenças que causam estreitamento reversível dos brônquios pulmonares, e não serve para o controle da asma. Saiba identificar os sintomas de crise de asma.

Por isso, o uso do fenoterol deve ser feito com orientação do pneumologista, e acompanhamento médico regular, de forma a adaptar o tipo de tratamento e os remédios utilizados aos sintomas, crises, controle e tipo de asma de cada pessoa, de forma individualizada. 

Se deseja o acompanhamento de um pneumologista, marque uma consulta na região mais próxima:

Cuidar da sua saúde nunca foi tão fácil!

Marque uma consulta com nossos Pneumologistas e receba o cuidado personalizado que você merece.

Marcar consulta

Disponível em: São Paulo, Rio de Janeiro, Distrito Federal, Pernambuco, Bahia, Maranhão, Pará, Paraná, Sergipe e Ceará.

Foto de uma doutora e um doutor de braços cruzados esperando você para atender

Como o fenoterol funciona

O fenoterol funciona promovendo uma dilatação rápida dos brônquios dos pulmões durante as crises de asma ou de bronquite obstrutiva crônica, após exposição a estímulos como ar frio, poeira, exercício físico ou substâncias alergênicas, por exemplo.

Esse remédio age diretamente nos pulmões, sendo usado por via inalatória, conhecido como "bombinha para asma" ou na forma de gotas para inalação, tendo uma ação rápida e imediata, e exercendo um efeito por cerca de 3 a 5 horas no caso da nebulização e de até 8 horas no caso da bombinha.

Leia também: Broncodilatadores: o que são, para que servem (e como usar) tuasaude.com/broncodilatador

Como usar

O bromidrato de fenoterol deve ser usado por via inalatória, conforme orientado pelo pneumologista.

1. Fenoterol gotas 5 mg/mL

O fenoterol gotas 5mg/mL deve ser usado através de nebulização, por adultos ou crianças, sendo importante diluir as gotas em soro fisiológico antes da sua utilização. Saiba como fazer a nebulização corretamente.

As doses recomendadas para o tratamento de crises agudas de asma e outras condições com estreitamento reversível das vias aéreas são:

  • Crianças com mais de 12 anos, adultos e idosos: 2 gotas, o que corresponde a 0,1 mL da solução e 0,5 mg de fenoterol, para o alivio imediato das crises. No casos mais graves, o tratamento deve ser feito no hospital, utilizando doses mais altas de até 5 gotas, conforme orientação médica. Nesses casos, o médico pode recomendar até 8 gotas por dia;
  • Crianças de 6 a 12 anos: 1 a 2 gotas, o que corresponde a 0,05 a 0,1 mL da solução e 0,25 a 0,5 mg de fenoterol, para o alivio imediato das crises. O tratamento de sintomas graves de crise de asma deve ser feito no hospital, podendo ser indicado o uso de 4 a 6 gotas de fenoterol por dose, conforme orientação médica.

No caso da prevenção de crises de asma induzida pelo exercício, as doses recomendadas para adultos ou crianças com mais de 12 anos ou crianças de 6 a 12 anos são de 2 gotas do fenoterol por nebulização, antes das atividades físicas. Para crianças com menos de 6 anos, a dose deve ser calculada pelo médico de cordo com o peso corporal da criança.

As doses do fenoterol gotas para nebulização devem sempre ser orientadas pelo pneumologista.

Após a nebulização, deve-se descartar qualquer quantidade não utilizada da solução de fenoterol gotas diluído no soro fisiológico.

2. Fenoterol bombinha 100 mcg/dose

O fenoterol bombinha deve ser usado apenas por inalação por via oral, colocando o bocal da bombinha na boca e respirando profundamente o jato do remédio, sendo que cada inalação corresponde a 1 dose contendo 100 mcg de fenoterol. Saiba como usar a bombinha corretamente

As doses do fenoterol bombinha para adultos são:

  • Crises agudas de asma e outras condições com estreitamento reversível das vias aéreas: 1 inalação, o que corresponde 1 dose de 100 mcg de fenoterol, para aliviar os sintomas de forma imediata. Caso não ocorra melhora dos sintomas em 5 minutos, pode-se repetir a dose. O recomendado é que após a inalação de 2 doses (200 mcg de fenoterol) não ocorrendo melhora dos sintomas, deve-se ir imediatamente ao hospital. A dose máxima é de até 8 doses por dia, conforme orientação médica;
  • Prevenção de crises de asma induzida pelo exercício: 1 a 2 inalações, o que corresponde a 1 a 2 doses (100 mcg a 200 mcg de fenoterol), antes da atividade física, ou conforme orientado pelo médico. A dose máxima diária não deve ultrapassar 8 inalações (8 doses) por dia.

Para crianças, a dose do bromidrato de fenoterol bombinha deve ser orientada pelo pediatra, de acordo com a idade.

Possíveis efeitos colaterais

Os efeitos colaterais mais comuns do fenoterol são tremor, tosse, agitação, nervosismo, náuseas, vômitos, coceira, dor de cabeça, aumento dos batimentos cardíacos, palpitações, irritação na garganta ou cãibras, dor ou fraqueza muscular.

Além disso, o fenoterol também pode causar reações alérgicas graves com sintomas como dificuldade para respirar, sensação de garganta fechada, inchaço na boca, língua ou rosto, ou urticária. Nesses casos, deve-se ir imediatamente ao pronto-socorro. Saiba identificar os sintomas de alergia grave

O fenoterol também pode causar isquemia do miocárdio, que é morte do tecido cardíaco devido a falta de oxigênio local, devendo-se ir ao hospital imediatamente se surgirem sintomas como dor no peito que pode irradiar para o braço, pescoço ou ombros, falta de ar ou dificuldade para respirar.

Quem não deve usar

O fenoterol não deve ser usado por pessoas que têm problemas cardíacos, como cardiomiopatia obstrutiva hipertrófica ou taquiarritmia.

Esse remédio também não deve ser usado por pessoas que tenham alergia ao fenoterol ou qualquer outro componente da fórmula.

O fenoterol deve ser usado com cautela e somente se indicado pelo médico em pessoas que tenham diabetes descompensada, infarto recente, hipertireoidismo ou feocromocitoma, após avaliar os benefícios e os riscos do tratamento com o fenoterol.

Durante a gravidez ou amamentação, o fenoterol só deve ser usado se indicado pelo médico após avaliar os benefícios do tratamento para a mulher e os possíveis riscos para o bebê.