Excesso de vitamina B: sintomas, por que acontece e tratamento

Revisão clínica: Tatiana Zanin
Nutricionista
abril 2022

O excesso de vitamina B acontece principalmente quando o suplemento é usado por um longo período sem indicação do médico ou do nutricionista, resultando em elevadas concentrações de vitamina B circulantes que não conseguem ser devidamente absorvidas.

Assim, como consequência do excesso de vitamina do complexo B circulante, é possível notar o aparecimento de alguns sintomas, como formigamento dos pés e das mãos, coceira e vermelhidão da pele, aumento da pressão arterial, cansaço excessivo, tonturas e desequilíbrio e dificuldade para dormir, por exemplo.

É importante que na presença de sinais e sintomas de excesso de vitamina do complexo B, o médico seja consultado para que seja feito o diagnóstico e seja iniciado o tratamento, que envolve principalmente a suspensão do uso do suplemento, além de poder ser indicado tratamento específico para os sintomas apresentados.

Sintomas de excesso de vitamina B

Os sintomas de excesso de vitamina B surgem quando a concentração dessa vitamina no sangue é superior a 3000 mg por mais de 2 meses, já que nessa concentração é possível que exista lesão em nervos e uma resposta inflamatória do corpo. Assim, os principais sintomas do excesso de vitamina B são:

  • Formigamento nas mãos e pés;
  • Câimbras e espasmos musculares;
  • Dor de cabeça intensa;
  • Náuseas e perda de apetite;
  • Aumento da pressão arterial;
  • Coceira e vermelhidão na pele;
  • Cansaço excessivo;
  • Dificuldade para dormir;
  • Dor muscular e nos ossos;
  • Tonturas e desequilíbrio;
  • Alterações bruscas de humor;
  • Reação anafilática.

Além disso, em alguns casos, as doses altas constantes de vitamina B pode aumentar o risco de desenvolver úlcera péptica, levar ao aumento do nível de ácido úrico no sangue e aumentar o risco de alterações no fígado.

Por que acontece

O excesso de vitamina B acontece principalmente quando o suplemento dessas vitaminas é consumido em altas quantidades, por um longo período e sem a indicação médica, o que pode levar ao aumento excessivo da concentração dessa vitamina no sangue, de forma que não consegue ser devidamente absorvida no organismo e pode provocar lesão nos nervos e estimular uma resposta inflamatória.

É muito raro que o excesso de vitamina B aconteça apenas através da ingestão de alimentos ricos nessa vitamina, como salmão, banana, batata, frutos secos, leguminosas, carne e ovos, por exemplo, uma vez que é necessário consumir mais de 500 a 3000 vezes a dose diária recomendada para haver excesso da vitamina circulante, o que é bastante difícil apenas com alimentos. Conheça os alimentos ricos em vitaminas do complexo B.

Como é feito o tratamento

O tratamento para o excesso de vitamina B deve ser orientado pelo médico ou nutricionista e consiste na redução ou interrupção da ingestão da vitamina, de forma que os sintomas desaparecem ao fim de algumas semanas.

No entanto, em alguns casos, o médico pode também indicar a realização de tratamento específico de acordo com os sintomas apresentados pela pessoa. No caso de ter havido lesão permanente nos nervos, por exemplo, pode ser recomendada a realização de fisioterapia para lidar com as sequelas e melhorar a qualidade de vida.

Esta informação foi útil?

Atualizado por Marcela Lemos - Biomédica, em abril de 2022. Revisão clínica por Tatiana Zanin - Nutricionista, em abril de 2022.

Bibliografia

  • COZZOLINO Silvia. Biodisponibilidade de nutrientes. 4º. Brasil: Manole Ltda, 2012. 645-669.
  • STATPEARLS. Vitamin B6 Toxicity. 2020. Disponível em: <https://www.ncbi.nlm.nih.gov/books/NBK554500/>. Acesso em 15 jun 2020
Revisão clínica:
Tatiana Zanin
Nutricionista
Formada pela Universidade Católica de Santos em 2001, com registro profissional no CRN-3 nº 15097.