Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.

Urocultura: o que é, para que serve e resultados

A urocultura, também chamada de cultura de urina ou urinocultura, é um exame que tem como objetivo confirmar a infecção urinária e identificar qual o microrganismo responsável pela infecção, o que ajuda a determinar o tratamento mais adequado. Para fazer esse exame, é recomendado que seja coletada a primeira urina da manhã, dispensando o primeiro jato, no entanto o exame de urocultura pode ser feito a partir de urina coletado durante o dia.

Normalmente, juntamente com a urocultura é solicitada a realização de um antibiograma, que só é realizado pelo laboratório quando o resultado da urocultura é positivo. Por meio desse exame é possível saber quais os antibióticos que a bactéria é mais sensível ou resistente, ajudando a definir o melhor tratamento. Saiba mais sobre a urocultura com antibiograma.

Urocultura: o que é, para que serve e resultados

Como entender o resultado da urocultura

O resultado do exame de urocultura pode ser:

  • Negativo ou normal: quando não se observa crescimento de colônias de bactérias na urina em valores preocupantes;
  • Positivo: quando é possível identificar mais que 100.000 colônias de bactérias, sendo também indicado qual a bactéria identificada no exame.

Caso tenha sido também solicitado um antibiograma, no resultado positivo, além de ser indicada a bactéria, é também indicado a quais antibióticos a bactéria mostrou-se sensível ou resistente.

Em alguns casos, quando a coleta ou o armazenamento da amostra não são feitos de forma adequada, podem ser verificados outros resultados:

  • Falso positivo: acontece em situações em que há contaminação da urina por outros microrganismos, sangue ou medicamentos;
  • Falso negativo: pode acontecer quando o pH da urina é muito ácido, abaixo de 6, ou quando se está tomando algum antibiótico ou diurético.

O resultado pode ainda ser duvidoso se o número de colônias estiver inferior a 100.000 ufc/ mL, podendo ser necessário repetir o exame. Normalmente, quando há infecção, é verificado mais de 1.000.000 ufc/ mL.

No entanto, é necessário que o médico também avalie outros sinais e sintomas que indicam infecção urinária, para avaliar que tipo de tratamento é necessário, de acordo com cada caso. Saiba identificar os sintomas que indicam infecção urinária.

Como é feito o exame

Para evitar alterações no resultado do exame de urocultura, é importante que a pessoa tenha alguns cuidados no momento da coleta e armazenamento da amostra. Assim, para fazer a coleta da urina é necessário seguir o seguinte passo a passo:

  1. Lavar a região íntima com água e sabão;
  2. Afastar os lábios da vagina, na mulher, e retrair o prepúcio, no homem;
  3. Rejeitar o primeiro jato de urina;
  4. Coletar a restante urina para o recipiente próprio.

A urina pode ficar até 2 horas em temperatura ambiente, no entanto, o recipiente deve ser entregue o mais rápido possível no laboratório, para que os resultados sejam mais fiáveis. O recipiente onde se coloca a urina deve ser estéril e pode ser comprado na farmácia, porém também pode ser fornecido pelo laboratório ou hospital onde será feito o exame e, de preferência, deve ser rapidamente fechado e levado em pouco tempo para a análise do laboratório, para evitar contaminações.

Outra forma de coletar o exame de urocultura pode ser com o uso de sonda, também chamado de cateterismo vesical, como forma de garantir uma coleta mais livre de contaminações possível, mas, geralmente, esse tipo de coleta é feita em pessoas que estão em internamento.

Urocultura: o que é, para que serve e resultados

Outros exames para detectar infecção urinária

Apesar da urocultura ser o principal exame para diagnosticar a infecção urinária, o exame de urina comum, também chamado de Urina tipo 1, EAS ou urina rotina, também pode fornecer alguns indícios de infecção urinária, como a presença de bactérias, piócitos, leucócitos, sangue, nitrito positivo ou alterações na cor, cheiro e consistência, por exemplo.

Por isso, o médico poderá avaliar o resultado deste exame e observar os sintomas e exame físico do paciente para identificar a infecção, sem necessariamente solicitar a urocultura, por ser um exame mais simples e o resultado é mais rápido, já que a urocultura pode demorar até 3 dias para ficar pronta. Entenda para que serve o exame de urina e como fazer.

No entanto, a urocultura é necessária, principalmente, para avaliar se o antibiótico utilizado é o mais indicado, para identificar a bactéria em casos de infecções repetidas, gestantes, idosos, pessoas que passarão por uma cirurgia das vias urinárias, ou quando há dúvidas de que se trata de uma infecção urinária, por exemplo.

Quando fazer urocultura na gravidez

O exame de urocultura é feito na gravidez para o médico obstetra avaliar se a grávida tem ou não uma infecção urinária que se não for corretamente tratada pode provocar o parto antes do tempo.

O exame de urocultura não detecta gravidez, apenas se a grávida tem ou não uma infecção urinária, mas existe um exame de urina específico para detectar a gravidez através da quantidade do hormônio hCG na urina.

Esta informação foi útil?

Sua opinião é importante! Escreva aqui como podemos melhorar o nosso texto:

Ficou alguma dúvida? Clique aqui para ser respondido.
Verifique o email de confirmação que lhe enviamos.

Bibliografia

  • LABORCLIN. Manual para Antibiograma - Difusão em disco (Kirby & Bauer). 2011. Disponível em: <https://www.interlabdist.com.br/dados/noticias/pdf_190.pdf>. Acesso em 13 Out 2020
  • MAHON, Connie R.; LEHMAN, Donald C. Textbook of Diagnostic Microbiology. 6 ed. St- Louis, Missouri: Elsevier, 2019. 273-279; 886-888.
  • MCANINCH, Jack W.; LUE, Tom F. Urologia Geral de Smith e Tanagho. 18 ed. Porto Alegre: Artmed, 2014. 49; 52-54.
Mais sobre este assunto:

Carregando
...
Enviar Mensagem