Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Vontade de urinar toda hora: o que pode ser e o que fazer

Ter que ir muitas vezes no banheiro para fazer xixi é muitas vezes considerado normal, principalmente se a pessoa tiver consumido muitos líquidos durante o dia. No entanto, quando além do aumento da frequência urinária são verificados outros sinais ou sintomas como dor e ardor ao urinar e dificuldade para segurar o xixi até chegar ao banheiro, pode ser indicativo de algum problema de saúde, sendo importante consultar o urologista para que seja feito o diagnóstico e iniciado o tratamento.

A poliúria é o termo utilizado para indicar que a pessoa elimina mais de 3 litros de xixi em apenas 24 horas. Para verificar se o aumento da frequência urinária é normal ou é indicativo de doenças, o clínico geral ou urologista deve solicitar a realização de um exame de urina normal, o EAS, e o exame de urina de 24 horas, pois assim é possível avaliar o volume de urina e suas características.

Vontade de urinar toda hora: o que pode ser e o que fazer

As causas mais comum que levam a pessoa a fazer xixi mais frequentemente são:

1. Beber muita água, café ou bebidas alcoólicas

Quando se bebe muita água é esperado que toda a água seja eliminada pela urina e, por isso, é esperado que seu volume e frequência aumentem, sendo somente uma resposta normal do organismo, o que também pode acontecer depois de comer alimentos ricos em água, como laranja ou melancia. 

Além disso, tomar muito café ou outros alimentos que contém cafeína como chá preto, chocolate e chá mate também pode aumentar a frequência urinária porque além de terem água, a cafeína é um diurético natural. Uma outra fonte diurética é a bebida alcoólica que não é uma boa opção para tomar quando se está com sede, pois não hidrata e ainda pode trazer consequências para a saúde.

O que fazer: Para diminuir a frequência urinária, uma possibilidade é praticar atividades físicas, isso porque os exercícios ajudam a eliminar o excesso de líquidos acumulados no organismo. Além disso, é recomendado diminuir o consumo de bebidas com cafeína e de refrigerantes, principalmente.

2. Uso de medicamentos

O uso de alguns medicamentos para tratar alterações cardíacas como os diuréticos Furosemida ou Aldactone, por exemplo, também podem aumentar a frequência urinária.

O que fazer: É importante que o aumento da frequência urinária devido ao uso de medicamentos seja comunicado ao médico, pois assim é possível avaliar a possibilidade de substituir o medicamento ou alterar a dose.

3. Infecção urinária 

O aumento da frequência para urinar também pode ser causado por uma infecção urinária, principalmente quando são percebidos outros sintomas, como dor ou ardência ao urinar, além da diminuição do volume de urina liberado, mesmo que a vontade seja ainda muito grande. Veja como deve ser feito o tratamento para infecção urinária.

O que fazer: É recomendado que a pessoa consulte o urologista ou clínico geral para que possam ser feitos exames que confirmem a infecção urinária e, assim, possa ser indicado o melhor tratamento, que normalmente inclui o uso de antibióticos.

Veja mais dicas para prevenir a ocorrência de infecção urinária no vídeo a seguir:

4. Excesso de açúcar no sangue 

A necessidade de urinar toda hora também pode ocorrer devido ao excesso de açúcar no sangue, o que é acontece no caso da diabetes descontrolada. Assim, como é verificada a presença de grandes quantidades de glicose circulantes no sangue, o organismo tenta eliminar esse excesso na urina.

O diagnóstico da diabetes é feito não só pelo exame de urina, em que pode ser observada grande quantidade de urina produzida ao longo do dia, no caso da diabetes insipidus, ou presença de glicose na urina, mas também por meio do exame de sangue, em que é verificada a quantidade de glicose circulante.

O que fazer: Caso seja comprovado que o aumento da vontade para urinar é devido à diabetes, é importante seguir o tratamento indicado pelo médico, que pode indicar o uso de medicamentos que ajudem a regular os níveis de glicose circulante, injeções de insulina ou mudança nos hábitos alimentares e estilo de vida. Veja algumas opções caseiras para controlar a diabetes. 

5. Incontinência urinária

A incontinência urinária acontece quando não se consegue segurar a urina e, por isso, além de fazer xixi várias vezes durante o dia, a pessoa também não consegue controlar a vontade até chegar no banheiro, molhando a roupa íntima. Embora também possa acontecer em homens, a incontinência é mais frequente nas mulheres, especialmente durante a gravidez ou após a menopausa.

O que fazer: O tratamento para incontinência urinária pode ser feito por meio de exercícios de Kegel, que têm como objetivo o fortalecimento do assoalho pélvico, no entanto em alguns casos pode ser necessária a realização de cirurgia. Entenda como é feito o tratamento para incontinência urinária.

6. Próstata aumentada

A próstata aumentada também leva ao aumento da vontade de urinar e é comum em homens com mais de 45 anos de idade. Um dos sinais de suspeita é ter que acordar para fazer xixi todas as noites, pelo menos 2 vezes, especialmente se isto não era um hábito antes. Conheça outros sinais e sintomas de alterações na próstata.

O que fazer: É importante que o homem consulte o urologista para que possa ser identificada a alteração e iniciado o tratamento mais adequado, podendo ser indicado o uso de remédios que ajudam a aliviar os sintomas e diminuir o tamanho da próstata, antibióticos ou cirurgia nos casos mais graves.

Confira mais informações sobre as alterações mais comuns da próstata no vídeo a seguir:

Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.
Mais sobre este assunto:

Publicidade
Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem