Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Para que serve o exame de troponina

O exame de troponina é feito para avaliar a quantidade das proteínas troponina T e troponina I no sangue, que são liberadas quando existe lesão no músculo do coração, como quando acontece um infarto, por exemplo. Quanto maior for a lesão no coração, maior é a quantidade destas proteínas no sangue.

Assim, em pessoas saudáveis, o teste de troponina normalmente não identifica a presença destas proteínas no sangue, sendo considerado um resultado negativo. Os valores normais da troponina no sangue são:

  • Troponina T: 0,0 a 0,04 ng/mL
  • Troponina I: 0,0 a 0,1 ng/mL

Em alguns casos, este exame pode ainda ser pedido com outros testes de sangue, como a dosagem da mioglobina ou da creatinofosfoquinase (CPK). Entenda para que serve o exame CPK.

O exame é feito a partir de uma amostra de sangue que é encaminhada para o laboratório para análise. Para este tipo de análise clínica não é necessário qualquer tipo de preparação como ficar de jejum ou evitar medicamentos.

Para que serve o exame de troponina

Quando fazer o exame

Este exame normalmente é pedido pelo médico quando existe suspeita de que tenha acontecido um infarto, como quando surgem sintomas como dor forte no peito, dificuldade para respirar ou formigamento no braço esquerdo, por exemplo. Nestes casos, o exame é também repetido 6 e 24 horas após o primeiro teste. Confira outros sinais que podem indicar um infarto.

A troponina é o principal marcador bioquímico utilizado para confirmar o infarto. Sua concentração no sangue começa a elevar 4 a 8 horas após o infarto e volta à concentração normal após cerca de 10 dias, podendo indicar ao médico quando aconteceu o exame. Apesar de ser o principal marcador de infarto, a troponina normalmente é dosada juntamente com outros marcadores, como a CK-MB e a mioglobina, cuja concentração no sangue começa a aumentar 1 horas após o infarto. Saiba mais sobre o exame da mioglobina.

O exame de troponina também pode ser pedido devido a outras causas de lesões no coração, como acontece nos casos de angina que vão piorando ao longo do tempo, mas que não apresentam sintomas de infarto.

O que significa o resultado

O resultado do exame de troponina em pessoas saudáveis é negativo, pois a quantidade de proteínas liberadas no sangue é muito baixa, sendo pouco ou não detectada. Assim, se o resultado der negativo 12 a 18 horas após uma dor no coração, é muito pouco provável que tenha acontecido um infarto, sendo que outras causas como excesso de gases ou problemas digestivos, sejam mais prováveis.

Já quando o resultado é positivo, significa que existe alguma lesão ou alteração no funcionamento cardíaco. Valores muito altos, normalmente são sinal de um infarto, mas valores menores, podem indicar outros problemas como:

  • Batimento cardíaco muito acelerado;
  • Pressão arterial elevada nos pulmões;
  • Embolia do pulmão;
  • Insuficiência cardíaca congestiva;
  • Inflamação do músculo do coração;
  • Traumas causados por acidentes de trânsito;
  • Doença renal crônica.

Normalmente, os valores de troponinas no sangue ficam alterados por cerca de 10 dias, podendo ser avaliados ao longo do tempo para garantir que a lesão está sendo tratada corretamente.

Veja que exames pode fazer para avaliar a saúde do coração.

Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar