Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

4 receitas de esfoliante caseiro para cada tipo de pele

Com ingredientes simples e naturais como açúcar, mel e fubá é possível fazer excelentes esfoliantes caseiros que podem ser usados semanalmente para fazer uma limpeza de pele mais profunda.

A esfoliação é um técnica que consiste em esfregar uma substância na pele que tem microesferas que não se dissolvem. Isso abre um pouco mais os poros e elimina as impurezas, removendo as células mortas e deixando a pele pronta para ser hidratada. Assim, o hidratante consegue penetrar ainda mais na pele e o resultado é ainda melhor porque deixa a pele mais suave e macia e também ajuda a conseguir um bronzeado uniforme.

4 receitas de esfoliante caseiro para cada tipo de pele

Para preparar um bom esfoliante caseiro para o seu tipo de pele, veja os passos a seguir:

Ingredientes

1. Esfoliante caseiro para pele mixta ou oleosa:

  • 2 colheres de mel
  • 5 colheres de açúcar
  • 4 colheres (sopa) de água morna

2. Esfoliante caseiro para pele seca:

  • 45 g de fubá
  • 1 colher (sopa) de sal marinho
  • 1 colher (chá) de óleo de amêndoas 
  • 3 gotas de óleo essencial de hortelã

3. Esfoliante caseiro para pele sensível:

  • 125 ml de iogurte natural 
  • 4 morangos frescos
  • 1 colher de sopa de mel
  • 30 g de açúcar

4. Esfoliante caseiro para crianças:

  • 2 colheres de iogurte natural
  • 1 colher de mel e
  • 1 colher de borra de café

Modo de preparo

Todos os ingredientes devem ser misturados num recipiente limpo e misturados até formarem uma pasta consistente.

Para usar basta aplicar o esfoliante sobre a pele do corpo ou do rosto, realizando movimentos circulares. Para complementar você pode usar um pedaço de algodão para ajudar a esfregar na pele, sempre com movimentos circulares. Esses esfoliantes naturais também podem ser usados nos cotovelos, joelhos, mãos e pés.

Até mesmo as crianças com mais de 6 anos podem receber uma esfoliação da pele, mas especialmente nas áreas onde a pele é naturalmente mais seca e áspera como os joelhos. Durante a aplicação é recomendado não friccionar muito a pele da criança, para não ferir, nem provocar dor. A esfoliação na infância pode acontecer esporadicamente, quando os pais sentirem necessidade, e quando a criança apresentar os joelhos muito ásperos e ressecados, por exemplo.

Principais benefícios da esfoliação para pele

A esfoliação na pele aumenta a circulação sanguínea e estimula a renovação das células da superfície da pele que se encontra repleta de queratina, que a deixa seca e sem vitalidade e com isso a pele fica mais bonita e rejunescida.

Além disso a esfoliação facilita a penetração de substâncias hidratantes, e é por isso que após a esfoliação a pele precisa ser hidratada com creme, loção hidratante ou óleo mineral ou de amêndoa doce, por exemplo.

Mais sobre este assunto:


Carregando
...