Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Entorse de tornozelo: Sintomas, causas e Tratamento

A entorse de tornozelo geralmente acontece quando a pessoa 'pisa em falso' virando o pé para fora, num terreno irregular ou degrau. Isso é mais comum nas mulheres que estão usando salto alto, mas também pode acontecer ao correr, por exemplo. 

Normalmente há dor e o pé fica inchado nos primeiros dias, havendo dificuldade para andar, mas na maior parte dos casos, basta colocar uma compressa gelada e repousar com os pés mais elevados que o corpo para controlar esses sintomas e se sentir melhor.

A torção do tornozelo pode ser de 3 graus diferentes:

  • Grau 1: estiramento ligamentar, normalmente a dor passa em menos de 5 dias;
  • Grau 2: lesão ligamentar parcial, a dor pode durar mais de 10 dias e a fisioterapia é indicada;
  • Grau 3: lesão ligamentar total, é sempre necessário fazer fisioterapia.

As lesões de 2ª grau demoram, pelo menos, 15 dias para sarar, enquanto que as lesões de 3º grau demoram cerca de 1 mês.

Uma boa forma de descobrir quando há uma lesão de grau 3, é realizar o teste da gaveta anterior. Para isso basta deitar de barriga para cima e dobrar a perna. Outra pessoa deverá posicionar as mãos por trás do joelho da pessoa e tentar trazer a perna para frente. Em caso de dor no tornozelo isso indica grave lesão dos ligamentos do tornozelo.

Sintomas de entorse de tornozelo

Entorse de tornozelo: Sintomas, causas e Tratamento

Os sintomas de uma torção do tornozelo podem incluir:

  • Dor no tornozelo e dificuldade para caminhar ou, até mesmo, colocar o pé no chão;
  • Inchaço da parte lateral do pé;
  • A área pode ficar inchada e arroxeada, sendo comum que o rouxidão surja apenas 48 horas depois da torção;
  • Sensibilidade ao tocar na região lateral do tornozelo e do pé;
  • Pode haver pequena elevação da temperatura no local afetado.

Normalmente a própria pessoa consegue saber que torceu o pé enquanto estava andando ou correndo, mas o médico pode solicitar um raio-x do pé, se houver suspeita de que existe uma fratura ou um exame de ressonância magnética para avaliar se houve rompimento dos ligamentos, se houver persistência dos sintomas por mais de 3 meses.

Tratamento para torção do tornozelo

Colocar uma compressa de gelo no tornozelo enquanto descansa sentado ou deitado, mas com os pés elevados é uma boa forma de combater a dor e aliviar o inchaço. Nas lesões mais leves isso é suficiente para controlar os sintomas em 3 a 5 dias.

Veja algumas formas de tratar a entorse de tornozelo em casa.

A fisioterapia é recomendada quando a pessoa apresenta muita dificuldade para andar, o que indica que houve estiramento ou rompimento dos ligamentos que unem os ossos do pé. Na fisioterapia podem ser usados aparelhos que ajudam a desinflamar a região, mas também são recomendados exercícios de alongamento, e depois de fortalecimento muscular, para evitar uma nova entorse.

Aplicar uma pomada anti-inflamatória contendo diclofenaco é uma boa forma de aliviar a dor e o desconforto. Pode-se passar a pomada de 3 a 4 vezes ao dia.

Em alguns casos pode ser necessário imobilizar o pé colocando uma tala ou gesso por alguns dias e durante esse período deve-se usar muletas para andar. O fisioterapeuta poderá usar ainda uma fita de kinesio tape para proteger o tornozelo evitando que o pé vire para fora de forma excessiva.

Além disso, o fisioterapeuta ou ortopedista poderão indicar o uso de uma palmilha para usar dentro dos sapatos para corrigir a forma como a pessoa pisa e para ajudar na formação do arco plantar, evitando o pé plano, por exemplo.

Mais sobre este assunto:


Carregando
...