Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Como identificar e tratar a doença de Peyronie

A Doença de Peyronie é uma alteração do pênis que provoca o crescimento de placas de fibrose duras em um dos lados do corpo do pênis, fazendo com que se desenvolva uma curvatura anormal do pênis, o que dificulta a ereção e o contato íntimo.

Esta doença tem cura através de cirurgia para remover a placa de fibrose, no entanto, em alguns casos também pode ser possível utilizar injeções diretamente nas placas para tentar reduzir a alteração do pênis, especialmente se a doença tiver se iniciado em menos de 12 meses.

Como identificar e tratar a doença de Peyronie

Principais sintomas

Os sintomas mais comuns da doença de Peyronie incluem:

  • Curvatura anormal do pênis;
  • Presença de caroço no corpo do pênis;
  • Dor durante a ereção;
  • Dificuldade na penetração.

Alguns homens podem também apresentar sintomas depressivos, como tristeza, irritabilidade e falta de desejo sexual, em consequência das alterações que têm no seu órgão sexual.

O diagnóstico da Doença de Peyronie é feito pelo urologista através da palpação e observação do órgão sexua, radiografia ou ultrassonografia para verificar a presença de placa de fibrose.

O que causa a Doença de Peyronie

Ainda não existe uma causa específica para a doença de Peyronie, no entanto é possível que pequenos traumatismos durante a relação sexual ou durante a prática de esporte, que levam ao aparecimento de um processo inflamatório no pênis, possam causar formação de placas de fibrose.

Estas placas vão-se acumulando no pênis, causando o seu endurecimento e alterando o seu formato.

Como é feito o tratamento

O tratamento da Doença de Peyronie nem sempre é necessário, pois as placas de fibrose podem desaparecer naturalmente ao fim de alguns meses ou, até, causar uma alteração muito ligeira que não tem impacto na vida do homem. Porém, quando a doença persiste ou causa muito desconforto, podem ser usados algumas injeções como Potaba, Colchicina ou Betametasona, que ajudarão a destruir as placas de fibrose.

O tratamento com vitamina E em forma de pomada ou comprimidos também é recomendado quando os sintomas surgiram há menos de 12 meses, e ajuda a degradar as placas de fibrose e diminuir a curvatura do pênis.

Já nos casos mais graves, a cirurgia na Doença de Peyronie é a única opção, pois permite remover todas as placas de fibrose e corrigir a curvatura do pênis. Neste tipo de cirurgia é comum que aconteça um encurtamento de 1 a 2 cm do pênis.

Saiba mais sobre as diferentes técnicas para tratar esta doença.

Mais sobre este assunto:
Carregando
...