Doença de Peyronie: o que é, sintomas, causas e tratamento

Revisão clínica: Rodolfo Favaretto
Urologista
janeiro 2022

A doença de Peyronie é uma alteração do pênis provocada pelo surgimento de placas de fibrose rígidas nos corpos cavernosos, fazendo com que se desenvolva uma curvatura anormal do pênis, o que dificulta a ereção e o contato íntimo.

Esta condição surge ao longo da vida e não deve confundir-se com o pênis curvo congênito, o qual está presente no nascimento e se diagnostica geralmente durante a adolescência. Assim, para que seja confirmada a doença, é importante que o urologista seja consultado para que sejam feitos exames físicos e/ ou de imagens que confirme o diagnóstico e, assim, possa ser iniciado o tratamento mais adequado.

Principais sintomas

Os sintomas mais comuns da doença de Peyronie incluem:

  • Curvatura anormal do pênis durante a ereção;
  • Presença de caroço no corpo do pênis;
  • Dor durante a ereção;
  • Dificuldade na penetração.

Alguns homens podem também apresentar sintomas depressivos, como tristeza, irritabilidade e falta de desejo sexual, em consequência das alterações que têm no seu órgão sexual.

O diagnóstico da doença de Peyronie é feito pelo urologista através da palpação e observação do órgão sexual e ultrassonografia para verificar a presença de placa de fibrose.

O que causa a doença de Peyronie

Ainda não existe uma causa específica para a doença de Peyronie, no entanto é possível que pequenos traumatismos durante a relação sexual ou durante a prática de esporte, que levam ao aparecimento de um processo inflamatório no pênis, possam causar formação de placas de fibrose.

Como é feito o tratamento

O tratamento para a doença de Peyronie deve ser orientado pelo urologista de acordo com os sinais e sintomas apresentados pelo homem, curvatura do pênis e fase da doença.

Na fase aguda da doença, que corresponde ao período inicial em que existem sintomas inflamatórios mas ainda não existe fibrose e cicatrização, o médico pode recomendar apenas o uso de remédios anti-inflamatórios para ajudar a aliviar os sintomas.

No entanto, quando a doença de Peyronie já está na fase mais crônica, em que pode ser observada fibrose e cicatrização e grande curvatura do pênis, o médico normalmente indica a realização de cirurgia para remover a fibrose e corrigir a curvatura, principalmente quando há dificuldade de penetração.

Porém, a cirurgia para doença de Peyronie pode estar relacionada com algumas complicações, como encurtamento do pênis, disfunção erétil e diminuição da sensibilidade. Por isso, é importante discutir com o urologista as possibilidades de tratamento da doença de Peyronie antes que seja realizada a cirurgia.

Esta informação foi útil?

Atualizado por Equipe Editorial do Tua Saúde, em janeiro de 2022. Revisão clínica por Rodolfo Favaretto - Urologista, em janeiro de 2022.

Bibliografia

  • PORTAL DA UROLOGIA. Doença de Peyronie: Diagnóstico e Tratamento Clínico. 2015. Disponível em: <https://portaldaurologia.org.br/medicos/wp-content/uploads/2015/09/doenca_de_peyronie_diagnostico_e_tratamento_clinico.pdf>. Acesso em 14 abr 2021
  • UROLOGIA - UNIVERSIDADE ESTADUAL DO RIO DE JANEIRO. Doença de Peyronie. Disponível em: <https://www.urologiauerj.com.br/livro-uro/capitulo-29.pdf>. Acesso em 14 abr 2021
Mostrar bibliografia completa
  • SOCIEDADE BRASILEIRA DE UROLOGIA. Saiba o que é a Doença de Peyronie e como tratar. Disponível em: <https://sbu-sp.org.br/publico/saiba-o-que-e-a-doenca-de-peyronie-e-como-tratar/>. Acesso em 14 abr 2021
Revisão clínica:
Rodolfo Favaretto
Urologista
Médico formado pela Universidade de Ribeirão Preto com CRM-SP 133358 e especialista em Urologia desde 2016 pela Sociedade Brasileira de Urologia.

Tuasaude no Youtube

  • O que significam as ALTERAÇÕES NO PÊNIS (coceira, manchas, espinhas...)

    03:57 | 425005 visualizações
  • Tamanho importa? 7 dúvidas que todo o homem tem

    05:39 | 170655 visualizações