Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Como deve ser a dieta para pancreatite

A dieta é uma parte muito importante do tratamento para pancreatite pois ajuda a evitar a má absorção de nutrientes, diminuir os sintomas e prevenir o risco de desnutrição.

Durante uma crise de pancreatite existem algumas regras muito importantes:

  • Evitar o consumo de bebidas alcoólicas;
  • Não comer alimentos com gordura;
  • Evitar refeições volumosas.

O principal objetivo da dieta para pancreatite é fazer uma alimentação baixa em gordura, pois isso diminui o funcionamento do pâncreas e alivia os sintomas, como dor abdominal, náuseas e vômitos. Além disso, também é importante controlar o consumo de alimentos ricos em açúcar ou com alto índice glicêmico, pois, durante a pancreatite, é comum acontecer um aumento da quantidade de açúcar no sangue. Veja uma lista de alimentos com alto índice glicêmico.

Para facilitar a digestão, o médico pode ainda aconselhar a ingestão de pancreatina em forma de cápsulas, que é uma enzima naturalmente produzida pelo pâncreas e que ajuda na digestão. Esse remédio deve ser ingerido antes das refeições principais.

Como deve ser a dieta para pancreatite

A dieta pode ainda variar de acordo com o tipo de pancreatite:

1. Dieta para pancreatite aguda

Durante uma crise de pancreatite aguda quando o pessoa sente muita dor e não consegue digerir bem nenhum tipo de alimento, a recomendação é que a dieta seja zero até que a crise melhore ou até um máximo de 48 horas, mantendo-se apenas a ingestão de água para hidratação. Assim, a pessoa que está em crise não pode se alimentar com nada, para que o intestino descanse e o pâncreas consiga se recuperar.

Após a crise de pancreatite, deve-se recomeçar a alimentação em pequenas quantidades, inciando com sucos de fruta coados, para retirar o bagaço, água de coco e caldos de legumes e carne bem diluídos, batidos no liquidificador.

Aos poucos, a alimentação pode passar a ser pastosa, com sopas amassadas, purê de batata ou de abóbora, ovos cozidos, frango desfiado e carnes magras moídas. Tudo deve ser feito com pequenas quantidades de gordura, de preferência usando o azeite de oliva extra virgem, e usando apenas temperos naturais, como cebola, alho, manjericão, salsa, coentro e cebolinha.

À medida que a pessoa for tolerando e digerindo melhor, deve-se oferecer alimentos sólidos com pouca gordura, como carnes magras, peixe e frango sem pele. Os legumes devem inicialmente ser cozidos, pois facilita a digestão.

Como deve ser a dieta para pancreatite

2. Dieta para pancreatite crônica

Os principais objetivos da dieta para pancreatite crônica são corrigir a má absorção de nutrientes, evitar a perda de massa gorda e muscular, estimular o apetite e aliviar os sintomas como dor abdominal, náuseas, vômitos e diarreia.

Dessa forma, é comum que o médico recomende o uso de suplementos com vitaminas A, D, E e K, que são as mais afetadas pela má absorção causada pela pancreatite. Além disso, outros suplementos com vitamina do complexo B, zinco, cálcio e magnésio também podem ser indicados. 

Pessoas com pancreatite crônica devem ainda evitar fazer refeições muito volumosas, preferindo fazer pequenas refeições ao longo do dia, a cada 2 ou 3 horas, e consumir apenas 40 a 60 gramas de gordura por dia. Os alimentos ricos em açúcar também devem ser controlados, de forma a ajudar a manter a quantidade de açúçar no sangue bem regulada.

Devido às várias restrições alimentares, o ideal é que pessoas que sofrem com pancreatite crônica se consultem com um nutricionista, que poderá elaborar um plano nutricional adaptados as necessidades individuais.

Como deve ser a dieta para pancreatite

Alimentos permitidos

Após a crise e durante o início da realimentação, deve-se preferir os seguintes alimentos:

  • Leite e iogurtes desnatados;
  • Queijos magros como minas, cottage e ricota;
  • Ovos cozidos;
  • Arroz branco, macarrão brando;
  • Batata inglesa, especialmente na forma de purê;
  • Carnes magras como peixe e frango sem pele;
  • Legumes cozidos como abóbora, chuchu, cenoura, beterraba, abobrinha refogada;
  • Frutas sem casca de sem bagaço.

Esta dieta dura cerca de 1 a 2 semanas após a crise, de acordo com a aceitação e evolução de cada pessoa.

Alimentos proibidos

Para evitar novas crises de pancreatite, deve-se evitar os seguintes alimentos:

  • Chocolate;
  • Bebidas alcoólicas;
  • Alimentos que estimulam o intestino, como café, hortelã e pimenta;
  • Alimentos ricos em gorduras, como carnes vermelhas, manteiga, queijos amarelos, biscoitos, sorvetes ou margarinas;
  • Carne processadas, como salsicha, linguiça, bacon, presunto, mortadela;
  • Alimentos prontos congelados, hambúrguer, lasanha, fast food em geral.

É sempre importante conferir o rótulo do alimentos industrializados, verificando se o produto contém gordura vegetal ou gordura hidrogenada, excesso de corantes, de conservantes e de outros aditivos que irritam o intestino e aumentam a inflamação.

Exemplo de cardápio para pancreatite

A tabela a seguir traz o exemplo de um cardápio de 3 dias da dieta para pancreatite:

RefeiçãoDia 1 Dia 2Dia 3
Café da manhã240 ml de suco de maçã coado + 2 torradas + 1 ovo cozidoMingau de aveia: 200 ml de leite + 2 colheres (de sopa) de aveia1 copo de leite desnatado + 2 fatias de pão branco com patê de ricota ou cottage
Lanche da manhã½ maçã cozida com canela2 torradas com queijo ricotta1 banana amassada
Almoço/JantarCaldo de legumes com frango (batido no liquidificador e coado)90 gramas de peito de frango + ½ xícara de arroz + 1 xícara de legumes cozidos90 gramas de peixe + ½ xícara de purê de batata + 1 xícara de cenoura e feijão verde cozidos
Lanche da tarde1 copo de suco de laranja coado + 1 iogurte natural desnatado1 iogurte natural desnatado + 6 morangos1 iogurte natural desnatado batido com morangos

Além das mudanças na alimentação, saiba como é feito o tratamento para pancreatite, incluindo medicamentos e cirurgia.

Assista o vídeo seguinte e confira estes e outros alimentos indicados para quem sofre de pancreatite e qual a suplementação mais indicada nestes casos:

Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.
Mais sobre este assunto:

Publicidade
Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem