Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Dieta para cistite intersticial

A dieta para cistite intersticial, que é um inflamação na bexiga, deve ser rica em legumes e vegetais, frutas, cereais integrais, peixe e carnes magras. 

Controlar o peso, mantendo-o dentro do adequado para altura, também faz parte do tratamento da cistite intersticial. Essa atitude retarda o aparecimento, em geral, de doenças crônicas, como a cistite intersticial, por exemplo.

Na dieta para cistite intersticial é também importante beber entre 8 e 10 copos de água por dia e dar preferência a alimentos frescos, ricos em Vitamina C e orgânicos, pois possuem menos aditivos e conservantes. 

Outros alimentos podem piorar os sintomas de cistite e, por isso, devem ser evitados na dieta alimentar para cistite intersticial como:

  • café e bebidas com cafeína como chá preto;
  • chocolate;
  • bebidas alcoólicas;
  • bebidas gaseificadas;
  • alimentos ácidos como laranja, limão ou abacaxi;
  • produtos derivados de tomate;
  • adoçantes artificiais.

Existe sempre uma variabilidade individual, por isso, para saber exatamente que alimentos eliminar na dieta para quem tem cistite intersticial pode se fazer um diário alimentar, no qual se regista todos os alimentos e bebidas consumidos e se verifica a relação com o agravamento dos sintomas da cistite. Este diário alimentar ajuda a identificar alimentos seguros e alimentos que pioram os sintomas da doença. As anotações serão uma ferramenta útil para os profissionais de saúde como o nutricionista que acompanham o paciente.

Link útil:

Mais sobre este assunto:
Carregando
...