Cordas vocais inflamadas: causas, sintomas e tratamento

julho 2022

A inflamação das cordas vocais geralmente ocorre devido a infecções virais ou irritação provocada pelo uso excessivo da voz, contato com fumaça ou ar pouco umidificado, por exemplo, levando ao aparecimento de alguns sintomas, como  rouquidão, dor na garganta e alteração no tom da voz, por exemplo

No entanto, a rouquidão pode ser causada por outras alterações nas cordas vocais, como pólipos, nódulos e até mesmo tumores, e estar presente associada a sintomas como dificuldade para engolir ou respirar, falta de ar para falar e engasgos frequentes, o que pode indicar maior gravidade.

Em caso de suspeita de inflamação nas cordas vocais é importante consultar um clínico geral ou otorrinolaringologista, principalmente se sintomas como engasgos e tosse estiverem presentes, para uma avaliação detalhada e início do tratamento mais apropriado.

Principais causas

A inflamação nas cordas vocais pode ter várias causas, como:

  • Refluxo gastroesofágico;
  • Alergias;
  • Inalação de fumaça;
  • Ar pouco umidificado
  • Abuso vocal ou excesso de uso da voz;
  • Resfriados;
  • Laringite;
  • Excesso de bebidas alcoólicas e cigarro.

Além disso, a rouquidão também pode ser causada por calos, pólipos ou cistos nas cordas vocais, ou mesmo ter causas mais graves como tumores, doença de Parkinson e paralisia de cordas vocais.

Sintomas de cordas vocais inflamadas

Os sintomas das cordas vocais inflamadas incluem:

  • Rouquidão;
  • Voz baixa ou perda da voz;
  • Dor de garganta;
  • Dificuldade para falar;
  • Alteração no tom da voz;

Outros sintomas como falta de ar para falar, dificuldade para engolir, engasgos frequentes, tosse, cansaço e queimação na garganta também podem estar presentes e indicar uma causa mais grave como paralisia das cordas vocais ou tumores. 

Por isso, em caso de suspeita de inflamação das cordas vocais é recomendado procurar um clínico geral ou otorrinolaringologista, para que os sintomas sejam avaliados e a causa identificada.

O diagnóstico da inflamação nas cordas vocais geralmente é feito levando em consideração os sintomas e por meio da observação das cordas vocais usando espelhos ou endoscopia alta.

Como é feito o tratamento

O tratamento para cordas vocais inflamadas varia de acordo com a causa e pode envolver medicamentos como antibióticos e antiácidos, cirurgia, aplicação de toxina botulínica e fonoaudiologia.  

Além disso, algumas medidas podem ajudar a recuperação da voz, como:

  • Poupar ao máximo a voz, evitando falar ou cantar;
  • Evitar ar seco ou fumaça;
  • Ingerir líquidos em quantidade suficiente durante o dia;
  • Evitar contato com produtos e cheiros irritantes;
  • Evitar alimentos muito quentes ou muito frios para poupar a garganta.

Além de auxiliar no tratamento das cordas vocais inflamadas, estas medidas também podem aliviar o desconforto associado.

Opção caseira

Remédios caseiros também podem ajudar a aliviar os sintomas, principalmente a rouquidão e a dor de garganta. Uma boa opção é o gargarejo de limão com pimenta e o xarope de gengibre e própolis por suas propriedades anti-inflamatórias. No entanto, este tratamento não deve substituir aquele proposto pelo médico. Conheça mais receitas que podem aliviar a dor de garganta da inflamação nas cordas vocais.

Esta informação foi útil?

Atualizado por Marcela Lemos - Biomédica, em julho de 2022. Revisão clínica por Rosa Maria Rodriguez Antonio - Fonoaudióloga, em julho de 2018.

Bibliografia

  • WEBER, Ruth. Pharyngitis. Elsevier Public Health Emergency Collection. Vol.41, n.1. 91–98, 2014
  • REITER, Rudolf et al. Hoarseness—Causes and Treatments. Dtsch Arztebl Int. Vol.112, n.19. 329–237, 2015
Mostrar bibliografia completa
  • STINNETT, Sandra; CHMIELEWSKA, Monika; AKST, Lee M. Update on Management of Hoarseness. Med Clin North Am. Vol.102, n.6. 1027-1040, 2018
Fonoaudióloga
Formada pela Universidade Lusíadas de Santos, em 1991, com registro profissional no CRFa. nº 6020.