Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Como saber se seu filho é hiperativo

Para identificar se a criança é hiperativa, é necessário estar atento aos sinais que esse transtorno apresenta como a inquietação durante as refeições e brincadeiras, além da falta de atenção em aulas e até vendo TV, por exemplo.

O transtorno do déficit de atenção e hiperatividade, representado pela sigla TDAH, é muito confundido com o nervosismo, medo ou agitação e geralmente manifesta-se antes dos 7 anos de idade. Quando o transtorno não é identificado ainda na infância pode trazer prejuízos ao aprendizado e convívio social da criança. Entenda melhor o que é a hiperatividade.

Como saber se seu filho é hiperativo

Sinais de hiperatividade na criança

Para identificar se a criança é hiperativa é necessário estar atento a sinais como:

  1. Não consegue ficar sentado durante muito tempo, mexendo-se na cadeira;
  2. Parece não prestar atenção ao que é dito;
  3. Tem dificuldade em seguir uma ordem ou instrução, mesmo que a tenha compreendido;
  4. Não consegue participar de momentos de silêncio, como leituras;
  5. Fala muito, de forma excessiva e não consegue ficar calado, interrompendo as conversas;
  6. Tem dificuldade em prestar atenção e estar concentrado em casa e na escola;
  7. Distrai-se com muita facilidade;
  8. Sente ansiedade quando precisa fazer alguma tarefa;
  9. Tem facilidade em perder objetos;
  10. Tem dificuldade para brincar sozinho ou apenas com um objeto;
  11. Muda de tarefa, deixando a anterior sem finalização;
  12. Não aguenta esperar a sua vez, podendo falar a resposta ainda antes da pergunta ou que outros colegas respondam;
  13. Tem preferência pelas brincadeiras perigosa, pois não pensa nas consequências.

Desta forma, caso exista a suspeita de hiperatividade, é indicado que os pais procurem um psicólogo ou pediatra comportamental, para que possa ser feito a avaliação e o diagnóstico confirmado ou descartado, pois estes sinais podem aparecer também em outros transtornos infantis como a ansiedade generalizada, depressão e até bullying, para que a partir daí a criança possa ser tratada adequadamente. 

Teste da hiperatividade 

Responda as questões a seguir e saiba se a criança pode ser hiperativa:

Saiba se o seu filho é hiperativo.

Começar o teste
Imagem ilustrativa do questionário
Imagem ilustrativa da questão
Fica esfregando as mãos, os pés ou fica se contorcendo na cadeira?
  • Sim
  • Não
Imagem ilustrativa da questão
A criança é bagunceira e deixa tudo fora do lugar?
  • Sim
  • Não
Imagem ilustrativa da questão
É difícil para ela ficar parado assistindo um filme até o fim?
  • Sim
  • Não
Imagem ilustrativa da questão
Ela parece que não escuta quando você conversa com ela e te deixa falando sozinho?
  • Sim
  • Não
Imagem ilustrativa da questão
Ela é agitada demais e sobe em móveis ou armários mesmo quando isso é totalmente inapropriado?
  • Sim
  • Não
Ela não gosta nada de atividades calmas e serenas como aula de Yoga ou meditação?
  • Sim
  • Não
Imagem ilustrativa da questão
Ela tem dificuldade de esperar sua vez e passa na frente dos outros?
  • Sim
  • Não
Imagem ilustrativa da questão
Tem alguma dificuldade para permanecer sentado por mais de 1 hora?
  • Sim
  • Não
Imagem ilustrativa da questão
Se distrai facilmente na escola, ou quando você conversa com ela?
  • Sim
  • Não
Imagem ilustrativa da questão
Fica muito agitada quando ouve música ou está num ambiente novo, com muitas pessoas?
  • Sim
  • Não
Imagem ilustrativa da questão
A criança gosta de se machucar com arranhões ou mordidas fazendo isso de propósito?
  • Sim
  • Não
Imagem ilustrativa da questão
A criança tem dificuldade para seguir as instruções que outra pessoa dá?
  • Sim
  • Não
Imagem ilustrativa da questão
A criança tem dificuldade para prestar atenção na escola e se distrai mesmo num jogo que goste muito?
  • Sim
  • Não
Imagem ilustrativa da questão
A criança tem dificuldade de completar uma tarefa porque se distrai e começa logo outra?
  • Sim
  • Não
Imagem ilustrativa da questão
A criança tem dificuldade para brincar de forma tranquila e sossegada?
  • Sim
  • Não
Imagem ilustrativa da questão
A criança fala muito?
  • Sim
  • Não
Imagem ilustrativa da questão
A criança costuma interromper ou incomodar os outros?
  • Sim
  • Não
Imagem ilustrativa da questão
A criança parece não escutar o que está sendo dito, de forma frequente?
  • Sim
  • Não
Imagem ilustrativa da questão
Está sempre perdendo as coisas necessárias para tarefas ou atividades na escola ou em casa?
  • Sim
  • Não
Imagem ilustrativa da questão
A criança gosta de participar de atividades perigosas sem levar em consideração as possíveis consequências?
  • Sim
  • Não

Como é o tratamento para hiperatividade 

A hiperatividade não tem cura, mas o tratamento ajuda a criança a reduzir os sinais e é feito com terapia comportamental e técnicas de relaxamento orientados por um psicólogo infantil para ajudar a controlar os sintomas. 

Já nos casos mais graves, quando o transtorno impede que a criança realize tarefas simples como ir a escola, além da terapia comportamental, remédios podem ser prescritos pelo pediatra.

Os pais também são importantes no tratamento, pois podem ajudar a criança a controlar os sintomas através da adoção de algumas estratégias como criar uma rotina, ter horários regulares e realizar tarefas que ajudem a criança a gastar energia, como ter um momento de brincadeira em família que envolva corrida, por exemplo. 

Bibliografia >

  • THE NATIONAL INSTITUTE OF MENTAL HEALTH (NIMH). Attention-Deficit/Hyperactivity Disorder. Disponível em: <https://www.nimh.nih.gov/health/topics/attention-deficit-hyperactivity-disorder-adhd/index.shtml>. Acesso em 10 Set 2020
  • CDC. Data and Statistics About ADHD. Disponível em: <https://www.cdc.gov/ncbddd/adhd/data.html>. Acesso em 10 Set 2020
  • CDC. ADHD Throughout the Years. Disponível em: <https://www.cdc.gov/ncbddd/adhd/timeline.html>. Acesso em 10 Set 2020
  • CDC. Behavior or Conduct Problems in Children. Disponível em: <https://www.cdc.gov/childrensmentalhealth/behavior.html>. Acesso em 10 Set 2020
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.
Mais sobre este assunto:

Publicidade
Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem