Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Como deve ser a alimentação do bebê prematuro

Os bebês prematuros iniciam sua alimentação ainda no hospital, a qual pode ser dada pela veia, por sonda ou diretamente do seio da mãe, dependendo do seu estado de saúde. Os prematuros ainda não têm o intestino maduro e muitos não conseguem mamar porque ainda não sabem sugar e deglutir, e por isso é necessário iniciar a alimentação pela veia ou pela sonda. O bebê prematuro pode ser alimentado com o leite materno ou com fórmulas infantis especiais para prematuros.

Como é a alimentação no hospital

No hospital, a alimentação do prematuro algumas vezes é iniciada através de soros nutritivos que são colocados na veia. Esse soros irão ajudar bebê a se recuperar, e quando ele estiver melhor passará a se alimentar por sonda. A sonda é um pequeno tubinho que é colocado na boca do bebê e vai até o estômago, e também pode ser a primeira opção de alimentação para prematuros, dependendo do seu estado de saúde. Essa sonda é colocada porque muitos prematuros ainda não sabem sugar e deglutir, o que impossibilita a alimentação direta no peito da mãe.

Através da sonda podem ser dadas fórmulas lácteas especiais para prematuros ou o próprio leite materno, se na maternidade houver banco de leite. O banco de leite é um local onde a mãe irá receber instruções para tirar o seu leite, que será dado ao bebê pela sonda a cada 2 ou 3 horas.

Quando o bebê prematuro vai poder mamar

O bebê prematuro vai poder mamar quando seu estado geral de saúde melhorar e ele puder sugar e deglutir o leite do peito. Nessa fase de transição, pode ser necessária usar uma técnica chamada de translactação, através da qual o bebê é colocado para mamar ainda com a sonda, para aprender a pegar o peito e sugar o leite materno. A amamentação deverá ser feita a cada 2 ou 3 horas, de acordo com a necessidade do bebê.

Mesmo que o bebê não mame, após o parto a mãe deve estimular o peito para que o leite desça, através de movimentos circulares que devem ser feitos nas bordas da aréola a cada 3h, e depois pressionando a aréola para tirar o leite. No início, é normal que saia apenas algumas gotas ou poucos mililitros de leite, mas essa é a quantidade que o bebê consegue ingerir, pois seu estômago ainda é muito pequeno. À medida que o bebê vai crescendo, a produção de leite materno também aumenta, por isso a mãe não precisa se preocupar ou achar que tem pouco leite.

Bebê prematuro na incubadoraBebê prematuro na incubadora
Translactação no bebê prematuroTranslactação no bebê prematuro

Cuidados durante a amamentação

O bebê prematuro deve ser amamentado a cada 2 ou 3 horas, mas deve-se estar atento a sinais de fome como chupar os dedos ou retorcer a boca, pois o bebê pode querer mamar antes da hora. Mesmo que o bebê esteja dormindo ou não emita sinais de fome, deve-se acordá-lo para mamar no máximo 3 horas depois da última mamada.

No início será difícil amamentar o prematuro, pois ele não suga tão bem como os outros bebês, mas geralmente depois das 34 semanas o processo de alimentação fica mais fácil. Além disso, antes da alta hospitalar, os médicos e enfermeiros irão orientar sobre os intervalos das refeições e as técnicas para facilitar a amamentação.

Nos casos em que o bebê toma fórmulas infantis, deve-se comprar leites próprios para prematuros ou outro tipo de fórmula infantil especial, segundo a indicação do pediatra. O intervalo das refeições também deve ser de 2 a 3 horas, e os cuidados com os sinais de fome são os mesmos.

Sinais de alerta

Os principais sinais de alerta de que o bebê prematuro deve ser levado ao médico são:

  • O bebê parar de respirar por alguns segundos;
  • Engasgos frequentes;
  • Boca arroxeada;
  • Aparentar cansaço e transpirar ao mamar.

É normal a respiração do bebê prematuro ser mais ruidosa, e deve-se colocar soro fisiológico apenas quando o nariz dele estiver entupido.

Quando o bebê prematuro pode comer papinha

O bebê prematuro só pode começar a ingerir papinha e outros alimentos sólidos quando o pediatra avaliar seu desenvolvimento e tiver a certeza de que ele é capaz de tolerar novos alimentos. Normalmente a introdução de novos alimentos só ocorre após o quarto mês de idade corrigida, quando o bebê já consegue levantar o pescoço e ficar sentado. O prematuro no início pode rejeitar os alimentos, mas os pais devem insistir aos poucos, sem forçar. O ideal é começar a nova alimentação com sucos e papas de frutas.

É importante lembrar que introduzir novos alimentos antes do tempo pode causar alergias no bebê, e todos as crianças menores de 1 ano não devem tomar leite de vaca, mesmo os que não são prematuros. Veja mais cuidados que se deve ter com os bebês prematuros em: tudo que você precisa saber para cuidar do bebê prematuro.

Mesmo com uma alimentação adequada, o bebê prematuro normalmente é menor que as outras crianças da mesma idade, por isso veja como é o desenvolvimento do bebê prematuro.

Mais sobre este assunto:
Carregando
...