Clonidina: para que serve, como tomar e efeitos colaterais

Revisão clínica: Flávia Costa
Farmacêutica
abril 2022
  1. Como tomar
  2. Efeitos colaterais
  3. Contra-indicações

A clonidina é um anti-hipertensivo indicado para o tratamento da pressão alta em adultos, pois age diretamente no cérebro nas áreas que controlam a pressão arterial e, assim, promove o relaxamento dos vasos sanguíneos permitindo com que o sangue circule com mais facilidade, o que reduz a pressão alta. 

Esse remédio pode ser encontrado em farmácias ou drogarias, na forma de comprimidos contendo 0,10 mg, 0,15 mg ou 0,2 mg de cloridrato de clonidina, com o nome comercial Atensina, e pode ser usado sozinho ou em combinação com outros remédios para pressão alta, de acordo com a indicação médica.

A clonidina também pode ser encontrada na forma de injeção, usada somente em ambiente hospitalar e aplicada pelo enfermeiro, sob supervisão médica.

Para que serve

A clonidina é indicada para o tratamento da pressão alta, podendo ser usada sozinha ou em combinação com outros medicamentos anti-hipertensivos. Confira outros remédios indicados para pressão alta

Além disso, a clonidina na forma de injeção, é indicada como analgésico ou como medicação pré-anestésica, utilizada somente em hospitais, sob supervisão médica. 

Saiba o que fazer para complementar o tratamento da hipertensão.

Como tomar

O comprimido de clonidina deve ser tomado por via oral, com um copo de água, antes ou após uma refeição.

As doses normalmente recomendadas variam de acordo com a gravidade da pressão alta e e incluem:

  • Hipertensão leve a moderada: a dose diária normalmente recomendada é de 0,075 mg a 0,2 mg de clonidina, duas vezes por dia, tomadas de manhã e à noite. Essa dose pode ser ajustada pelo médico de acordo com a resposta ao tratamento;
  • Hipertensão grave: a dose normalmente recomendada é de 0,3 mg, até 3 vezes ao dia, conforme orientação médica.

O tratamento com clonidina deve ser iniciado com doses mais baixas, que devem depois ser aumentadas pelo médico, conforme necessidade.

Possíveis efeitos colaterais

Os efeitos colaterais mais comuns que podem ocorrer durante o tratamento com clonidina são tontura, sonolência, queda da pressão arterial ao levantar, boca seca, depressão, alteração do sono, dor de cabeça, prisão de ventre, náusea, vômito, dor nas glândulas salivares, dificuldades para obter ereção ou cansaço.

Além disso, embora seja mais raro, podem ainda ocorrer efeitos colaterais como ilusões, alucinação, pesadelo, sensações de frio, calor e formigamento, batimento lento do coração, dor e cor arroxeada nos dedos, coceira, vermelhidão, descamação e urticária na pele e mal-estar. 

No caso de surgirem efeitos colaterais, é importante sempre comunicar ao médico, para que o tratamento seja reavaliado e a dose da clonidina ajustada, caso seja necessário.

Quem não deve usar

A clonidina não deve ser usada por pessoas com alergia aos componentes da fórmula, pessoas que tenham batimentos do coração mais lentos que o normal, ou que sejam intolerantes à galactose.

Além disso, também não deve ser usado em mulheres grávidas ou lactantes, sem recomendação médica.

Assista ainda ao vídeo seguinte e veja mais dicas para baixar a pressão arterial:

Esta informação foi útil?

Atualizado e revisto clinicamente por Flávia Costa - Farmacêutica, em abril de 2022.

Bibliografia

  • BOEHRINGER INGELHEIM DO BRASIL QUÍM. E FARM. LTDA. Atensina (clonidina) comprimidos 0,100 mg, 0,150 mg e 0,200 mg. 2021. Disponível em: <https://www.boehringer-ingelheim.com.br/sites/br/files/2021-09-14_bula_atensina.pdf>. Acesso em 28 abr 2022
  • DRUGS.COM. Clonidine. 2021. Disponível em: <https://www.drugs.com/clonidine.html>. Acesso em 28 abr 2022
Revisão clínica:
Flávia Costa
Farmacêutica
Formada em Farmácia pelo Centro Universitário Newton Paiva em 2003. Mestre em Ciências Biomédicas pela UBI, Portugal.

Tuasaude no Youtube

  • Como baixar a PRESSÃO ALTA sem remédio!

    11:32 | 1128677 visualizações
  • Como medir a pressão arterial

    03:39 | 419582 visualizações
  • O que comer para conseguir baixar a PRESSÃO ALTA

    05:17 | 2653750 visualizações