A citronela é uma planta medicinal rica óleos essenciais, como o linalol, citronelol, citronelal, geraniol e cis-calameneno, com propriedades repelentes para insetos, aromatizadora, antibacteriana e calmante, sendo muito utilizada na confecção de cosméticos.

O nome científico da citronela é Cymbopogon nardus ou Cymbopogon winterianus, o que é diferente do capim-limão, cujo nome científico é Cymbopogon citratus, que é parecida com a citronela, mas tem propriedades diferentes. Essas plantas podem ser diferenciadas facilmente pelo cheiro, uma vez que o capim-limão tem um cheiro adocicado que lembra o limão, enquanto a citronela tem um cheiro muito forte, que lembra desinfectante. Veja os beneficios do capim-limão.

A citronela pode ser cultivada no jardim ou em casa, em um vaso de plantas, para se aproveitar naturalmente os seus efeitos, mas, além disso, também se pode comprar seu óleo essencial já extraído para obter seus efeitos de forma mais prática e potente.

Para que serve

A citronela possui muitos benefícios, sendo normalmente indicada para:

  • Repelir insetos, sendo uma boa forma natural de espantar mosquitos, como o Aedes aegypti, moscas e formigas;
  • Combater fungos e bactérias, ajudando a manter a pele limpa e saudável;
  • Ajudar na cicatrização de feridas, especialmente causadas por diabetes, devido ao efeito anti-inflamatório e antifúngico do seu óleo essencial;
  • Manter a casa perfumada e desinfectada, quando usada na limpeza;
  • Facilitar o relaxamento, através da aromaterapia, que também ajuda a manter a concentração e melhorar o humor.

A citronela é utilizada, principalmente, como aromaterapia ou como produto cosmético, pois quando seus óleos essenciais são exalados

Além disso, a citronela também pode ter benefícios para animais, como cachorros ou gatos, utilizada na forma de coleiras, ajudando a manter insetos, pulgas e carrapatos longe, além de acalmá-los.

Como usar

A citronela pode ser usada na forma de óleo essencial para aromaterapia, preparo de repelentes ou sprays desinfetantes, velas aromáticas ou até para massagem.

1. Óleo essencial de citronela

O óleo essencial de citronela pode ser usado de diversas formas, que incluem:

  • Aromaterapia: colocar 2 a 3 gotas do óleo essencial de eucalipto em um pouco de água, no interior de um aromatizador elétrico ou num difusor de ambiente. A quantidade de água utilizada varia de acordo com a capacidade do aromatizador elétrico ou do difusor. A nuvem de fumaça ou vapor formado, permite liberar o aroma por todo o cômodo. Veja outras formas de fazer aromaterapia; ​​
  • Massagem na pele: utilizar 5 a 10 gotas do óleo essencial de citronela misturadas com 50 mL de um óleo vegetal, como óleo de coco ou óleo de amêndoas doces, por exemplo. Em seguida, aplicar sobre a pele, massageando suavemente com a ponta dos dedos, por cerca de 10 minutos;
  • Loção para feridas na pele: misturar 3 a 6 gotas do óleo essencial de citronela para cada 30 mL de um óleo carreador, como óleo de coco, óleo de jojoba ou óleo de amêndoas doces, por exemplo. Em seguida, aplicar sobre a ferida, desde que não esteja aberta ou sangrando.

O óleo essencial de citronela não deve ser ser consumido por via oral e nem aplicado puro sobre a pele.

Antes de usar o óleo essencial de citronela, deve-se fazer um teste de alergia, preparando uma mistura contendo 1 gota do óleo essencial de citronela em 1 colher (de café) do óleo carreador, e aplicar sobre o dorso da mão ou na dobra do cotovelo. Aguardar 24 horas e, se durante esse período a pele ficar vermelha ou irritada, não é recomendado o uso do óleo essencial de citronela.

2. Repelente de citronela

O repelente de citronela pode ser preparado com as folhas da planta ou com o seu óleo essencial.

  • Repelente de citronela com óleo essencial: adicionar em um borrifador 10 a 15 gotas do óleo essencial de citronela para cada 30 mL de água. Agitar o borrifador antes de usar sobre a pele ou no ambiente;
  • Repelente de folhas de citronela: cortar algumas folhas de citronela, colocar sobre alguns recipientes, espalhar pela casa e trocar diariamente.

Outra forma de usar as folhas de citronela como repelente é ferver as folhas da planta com água, e pulverizar a solução pela casa. Veja outras formas de fazer um repelente natural com o extrato de citronela.

Além disso, existe opção de vela de citronela, encontrada em farmácias, supermercados ou lojas de produtos naturais, que também ajudam a repelir os insetos e a perfumar o ambiente.

3. Desinfetante de citronela

O desinfetante de citronela pode ser usado nos ambientes, como cozinha ou banheiro, devidos suas propriedades antibacterianas, ou ainda para desinfetar áreas em que animais, como cachorros ou gatos, urinam, deixando o ambiente limpo e com aroma agradável.

Para usar a citronela como desinfetante, pode-se misturar as folhas da citronela com água quente e usar na limpeza das áreas desejadas da casa.

Os desinfetantes de citronela também podem ser comprados prontos em farmácias ou lojas de produtos naturais.

4. Chá de citronela

O consumo da citronela na forma de chá pode ter um efeito irritativo, desta forma seu uso não é recomendado para consumo por via oral, além de não estar na lista de plantas medicinais e fitoterápicos regulamentados pela ANVISA.

No entanto, pode-se utilizar o chá para borrifar nos ambientes da casa, ajudando a afastar insetos, além de perfumar o ambiente.

Possíveis efeitos colaterais

Os efeitos colaterais que podem surgir durante o uso da citronela quando aplicada sobre a pele, são vermelhidão, coceira, irritação, inchaço ou manchas na pele. Esses efeitos colaterais são reações alérgicas na pele, sendo importante lavar a pele com bastante água, interromper o uso da citronela e procurar ajuda médica.

Além disso, o uso da citronela pode causar efeitos colaterais graves ou anafilaxia que necessitam de atendimento médico imediato. Por isso, deve-se interromper seu uso e procurar o pronto socorro mais próximo ao apresentar sintomas como dificuldade para respirar, sensação de garganta fechada, inchaço na boca, língua ou rosto. Saiba identificar os sintomas de reação alérgica grave.

Quem não deve usar

A citronela não deve ser usada por via oral, seja na forma de óleo essencial ou chá, e o seu óleo essencial não deve ser aplicado puro sobre a pele.

Além disso, a citronela não deve ser usada por pessoas que tenham alergia à essa planta.

No caso de crianças, mulheres grávidas ou em amamentação, a citronela deve ser utilizada somente com orientação médica. Veja os principais repelentes indicados para grávidas e crianças.

Esta informação foi útil?

Atualizado por Marcela Lemos - Biomédica, em agosto de 2022.

Bibliografia

  • KANDIMALLA, R.; et al. Chemical Composition and Anti-Candidiasis Mediated Wound Healing Property of Cymbopogon nardus Essential Oil on Chronic Diabetic Wounds. Front Pharmacol. 7. 198, 2016
  • DE ALMEIDA, L. F. D.; et al. Efficacy of citronella and cinnamon essential oils on Candida albicans biofilms. Acta Odontol Scand. 74. 5; 393-8, 2016
Mostrar bibliografia completa
  • SAYOWAN, W.; et al. The Harmonizing Effects of Citronella Oil on Mood States and Brain Activities. Journal of Health Research. 26. 2; 69–75, 2012
  • SCHERER, R.; et al. Composição e atividades antioxidante e antimicrobiana dos óleos essenciais decravo-da-índia, citronela e palmarosa. Rev. Bras. Pl. Med. 11. 4; 442-449, 2009
  • DA CRUZ, T. P.; et al. ATIVIDADE FUNGICIDA DO ÓLEO ESSENCIAL DE Cymbopogon winterianus JOWIT (CITRONELA) CONTRA Fusarium solani . Biosc J. 1. 1-8, 2015
  • HSU, W-S.; et al. Formulas of components of citronella oil against mosquitoes (Aedes aegypti). J Environ Sci Health B. 48. 11; 1014-9, 2013
  • SHARMA, R.; et al. Therapeutic Potential of Citronella Essential Oil: A Review. Curr Drug Discov Technol. 16. 4; 330-339, 2019
  • YOON, J. K.; et al. Comparison of Repellency Effect of Mosquito Repellents for DEET, Citronella, and Fennel Oil. J Parasitol Res. 2015. 361021, 2015
  • ARPIWI, N. L.; et al. Essential oil from Cymbopogon nardus and repellant activity against Aedes aegypti. Biodiversitas Journal of Biological Diversity. 21. 8; 3873-3878, 2020
  • SOLOMON, B.; et al. Mosquito Repellent Actions of the Essential Oils of Cymbopogon citratus, Cymbopogon nardus and Eucalyptus citriodora: Evaluation and Formulation Studies. Journal of Essential Oil Bearing Plants. 15. 5; 766-773, 2012
Equipe editorial constituída por médicos e profissionais de saúde de diversas áreas como enfermagem, nutrição, fisioterapia, análises clínicas e farmácia.