Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Andiroba: o que é, para que serve e como usar

A andiroba, também conhecida por andiroba-saruba, andiroba-branca, aruba, sanuba ou canapé, é uma árvore de grande porte cujo nome científico é Carapa guaianensis, cujos frutos, sementes e óleo podem ser encontrados em lojas de produtos naturais.

O fruto da andiroba, quando cai no chão, abre e libera de 4 a 6 sementes, em que há a extração do óleo de andiroba, que é muito utilizado em produtos cosméticos, devido à sua capacidade de hidratação, além de alguns medicamentos, já que é capaz de auxiliar no controle do colesterol e da pressão.

A andiroba também possui propriedades anti-inflamatórias, anti-sépticas e cicatrizantes, podendo ser utilizada no tratamento contra vermes, doenças de pele, febre e inflamações.

Sementes de andiroba
Sementes de andiroba

Benefícios da andiroba

As sementes de andiroba são muito ricas em vitaminas e minerais e, por isso, possuem vários benefícios para a saúde, como por exemplo:

  1. Melhoram o aspecto da pele, já que possui propriedade emoliente e hidratante, amaciando e hidratando a pele e estimulando sua regeneração;
  2. Reduz o volume dos cabelos, promovendo a regeneração dos fios e deixando o cabelo mais hidratado e brilhante;
  3. Auxilia no tratamento de doenças de pele, febre e doenças reumáticas devido às suas propriedades anti-inflamatórias e anti-reumáticas;
  4. Combate doenças parasitárias, como o bicho de pé, devido à sua propriedade anti-parasitária;
  5. O óleo de andiroba pode ser utilizado em produtos repelentes e até mesmo aplicado na pele para tratar as picadas de insetos - Conheça outras opções de repelentes naturais;
  6. Diminui as dores musculares, devido a sua propriedade analgésica;
  7. Ajuda a controlar os níveis de colesterol - Saiba também como diminuir o colesterol por meio da alimentação;
  8. Pode ser utilizado para auxiliar o tratamento de dor de garganta e amigdalite, por exemplo, já que possui propriedade anti-inflamatória.

O óleo de andiroba pode ser encontrado em produtos cosméticos, como em shampoos, hidratantes ou sabonetes, por exemplo, pode estar presente em remédios naturais ou até mesmo ser encontrado na forma de óleo, que pode ser utilizado em massagens, por exemplo.

Óleo de andiroba

O óleo de andiroba pode ser facilmente encontrado em loja de produtos naturais e é muito utilizado como óleo de massagem, já que é capaz de hidratar a pele e estimular a sua regeneração. Assim, o óleo de andiroba pode ser aplicado na pele pelo menos 3 vezes ao dia para que tenha benefícios.

Esse óleo também pode ser acrescentado em cremes hidratantes, shampoos e sabonetes, ajudando a melhorar o aspecto da pele e dos cabelos, reduzindo o volume, promovendo a regeneração dos fios e deixando-o mais brilhante.

O óleo de andiroba é extraído das sementes de andiroba em um processo simples e o óleo possui cor amarelada e gosto amargo. Além disso, o consumo do óleo via oral não é recomendado, sendo indicado que seja acrescentado em produtos.

Chá de andiroba

Andiroba: o que é, para que serve e como usar

As partes da andiroba que podem ser utilizadas são seus frutos, casca e principalmente o óleo que é extraído das sementes, sendo assim chamado de óleo de andiroba, que normalmente é colocado em produtos cosméticos.

Ingredientes

  • Folhas de andiroba;
  • 1 xícara de água.

Modo de preparo

Para fazer o chá de andiroba, basta colocar uma colher de folhas de andiroba na xícara com água fervente. Esperar por mais ou menos 15 minutos, coar e beber pelo menos duas vezes ao dia.

Efeitos colaterais da andiroba

Até o momento, não foram descritos efeitos colaterais do uso da andiroba, não havendo, assim, contraindicações.

Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar