Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Saiba como é feito o tratamento da Alopécia areata

A alopécia areata não tem cura e o seu tratamento depende da gravidade da queda capilar, mas normalmente é feito com injeções e pomadas que são aplicadas no couro cabeludo. As causas dessa doença são desconhecidas, mas essa doença parece estar ligada a fatores genéticos e doenças autoimunes, como vitiligo.

A alopécia areata é uma doença caracterizada por uma queda de cabelo rápida, que normalmente ocorre na cabeça, mas que também pode acontecer em outras regiões do corpo que tenham pelos, como sobrancelha, barba, pernas e braços. Em casos raros, pode acontecer de a queda do cabelo ser no corpo inteiro, quando é chamada de alopécia areata universal.

Remédios para alopécia areata

A escolha do tratamento deve ser feita junto com o dermatologista, e pode ser feito com:

  • Injeções de cortisona: são aplicada uma vez por mês na área onde houve a queda de cabelo. Juntamente com as injeções, o paciente também pode usar cremes ou loções para aplicar na região afetada em casa;
  • Minoxidil tópico: loção líquida que deve ser aplicada 2x por dia na região com perda de cabelo, mas não é eficaz nos casos de perda total dos pelos;
  • Antralina: vendida na forma de creme ou pomada, deve ser aplicada na região afetada, podendo causar alterações na cor da pele. A concentração a ser comprada e o tempo de aplicação desse medicamento deve ser feito de acordo com orientação médica.

Casos mais graves e de perda de pelos em várias regiões do corpo podem ser tratados com o uso de medicamentos corticoides e imunossupressores, de acordo com a orientação do médico.

Sintomas e diagnóstico da alopécia areata

O diagnóstico da alopécia areata é feito através do exame clínico com o médico, e seu único sintoma é a queda de cabelo em formato circular, que geralmente ocorre no topo da cabeça ou na barba. Os pelos ao redor da área calva são fracos e soltam-se facilmente quando puxados, e pode haver mais uma região no corpo com queda de cabelo.

Alopécia areata em mulheresAlopécia areata em mulheres
Alopécia areata em homensAlopécia areata em homens

Em alguns casos, o cabelo pode voltar a crescer espontaneamente, muitas vezes de cor branca, mas volta a cair novamente depois de algum tempo. Também é possível que o cabelo volte a crescer e não caia mais, ou que não volte mais a crescer.

Causas da alopécia areata

As causas da alopécia areata são desconhecidas, mas ela parece estar ligada a fatores genéticos que desencadeiam a queda do cabelo. No entanto, algumas doenças autoimunes como vitiligo, anemia perniciosa, lúpus e problemas na tireoide também parecem aumentar a ocorrência desse tipo de calvície.

Veja como identificar qual a causa da queda de cabelo e 4 formas de tratar a calvície.

Mais sobre este assunto:


Carregando
...