Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

O que fazer em caso de Alergia ao Amendoim

Em caso de uma pequena reação alérgica ao amendoim, que pode causar coceira e formigamento na pele ou olhos avermelhados e nariz coçando é recomendado tomar um anti-histamínico como Loratadina, por exemplo, mas sempre sob orientação médica. 

Quando há uma reação alérgica intensa e a pessoa fica com os lábios inchados ou começa a apresentar dificuldade para respirar deve-se ir ao pronto-socorro o quanto antes, sem tomar nenhum remédio antes. Nesse caso a reação pode ser tão grave que impede a passagem do ar, sendo preciso colocar um tubo na garganta para conseguir respirar, e isso só pode ser feito pelo socorrista ou médico no hospital.

O que fazer em caso de Alergia ao Amendoim

Sintomas da Alergia ao Amendoim

A alergia ao amendoim geralmente é descoberta na infância, e afeta especialmente os bebês e as crianças que tem outras alergias como a asma, rinite ou sinusite, por exemplo.

Os sinais e sintomas de alergia ao amendoim podem surgir instantes ou até 2 horas depois de consumir o próprio amendoim, um doce como paçoca, ou até mesmo pequenos vestígios de amendoim que podem estar presente na embalagem de um biscoito. Os sintomas podem ser:

Alergia leve ou moderadaAlergia grave
Coceira, formigamento, vermelhidão e calor na peleInchaço nos lábios, língua, orelhas ou olhos
Nariz entupido e escorrendo, coceira no narizSensação de desconforto na garganta
Olhos avermelhados e coçandoFalta de ar e dificuldade em respirar, aperto no peito, sons agudos ao respirar
Dor abdominal e excesso de gasesArritmia cardíaca, palpitações, tonturas, dor no peito

Geralmente as reações alérgicas graves que causam anafilaxia e impossibilidade de respirar surgem em até 20 minutos depois de consumir amendoim e prevenir crises de alergia no futuro é a chave para viver com alergia grave ao amendoim.

Como saber se é alergia ao Amendoim

A melhor forma de saber se o bebê tem alergia ao amendoim é oferecendo uma quantidade mínima de amendoim em pó para ele provar. Isso pode ser feito com bebês de 6 meses de idade ou segundo a orientação do pediatra, mas é importante ficar atento aos primeiros sinais de alergia como irritabilidade, coceira na boca ou lábios inchados, por exemplo.

Para os bebês que tem alto risco de ter alergia ao amendoim porque já ficou comprovado que possuem alergia ao ovo ou porque possuem alergias frequentes na pele, o pediatra pode orientar que a primeira prova seja feita no consultório ou no hospital para garantir a segurança do bebê.

Se estes sintomas estiverem presentes deve-se levar o bebê ao pediatra porque podem ser realizados exames de sangue que comprovam a alergia. No entanto, quem nunca provou o amendoim, terá um exame sem qualquer alteração, por isso é sempre preciso expor a criança ao amendoim antes de realizar o exame.

Como viver com a alergia ao Amendoim 

O médico alergologista poderá indicar o que será preciso fazer para controlar a alergia ao amendoim, evitando seu consumo ou até mesmo consumindo pequenas doses diariamente de forma constante para que o sistema imune fique habituado a presença do amendoim e não reaja de forma exagerada.

Assim, o consumo de 1/2 amendoim por dia é mais útil para prevenir uma reação exagerada do corpo ao consumir amendoim do que simplesmente excluir o amendoim da alimentação. Na maior parte dos casos com a exclusão completa do amendoim da alimentação ao consumir mesmo que pequenas quantidades o corpo reage de forma muito intensa, o que é grave e pode causar a morte por asfixia.

Alimentos que contém Amendoim

Além do próprio amendoim, quem tem alergia a este alimento também precisa evitar o consumo de tudo que possa ter amendoim, como por exemplo:

  • Biscoito salgadinho;
  • Paçoca;
  • Paçoquita cremosa;
  • Torrone;
  • Pé de moleque;
  • Manteiga de amendoim;
  • Cereais matinais ou granola;
  • Barrinha de cereal;
  • Chocolate;
  • M&Ms;
  • Coquetel de frutos secos.

Para quem está passando pelo período de adaptação, para evitar a reação anafilática deve-se consumir pequenas quantidades de amendoim diariamente, por isso deve-se ler o rótulo de todos os alimentos industrializados para identificar se tem amendoim ou vestígios de amendoim para controlar melhor a quantidade de grão que consome por dia.

Mais sobre este assunto:


Carregando
...