Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

O que é o Abscesso Periamigdaliano e como é feito o tratamento

Atualizado em Agosto 2019

O abscesso periamigdaliano resulta da complicação de uma faringoamigdalite, e caracteriza-se por uma extensão da infecção localizada na amígdala, para estruturas do espaço em seu redor, que pode ser causada por diferentes bactérias, sendo a Streptococcus pyogenes a mais comum.

Esta infecção pode causar sintomas como dor e dificuldade para engolir, febre e dor de cabeça, que normalmente desaparecem com o tratamento, que consiste na administração de antibióticos e, em alguns casos, drenagem do pus e cirurgia.

O que é o Abscesso Periamigdaliano e como é feito o tratamento

Possíveis causas

O abscesso periamigdaliano ocorre em torno das amígdalas e resulta da extensão de uma amigdalite, que é uma infecção causada por bactérias, sendo a Streptococcus pyogenes o agente patogênico mais comum. 

Saiba como identificar uma amigdalite e como é feito o tratamento.

Quais os sintomas

Os sintomas mais comuns do abscesso periamigdaliano são dor e dificuldade para engolir, mau hálito, aumento da salivação, alteração da voz, contratura dolorosa dos músculos da mandíbula, febre e dor de cabeça.

Em que consiste o diagnóstico

O diagnóstico do abscesso periamigdaliano é feito através de um exame visual em que se observa um inchaço dos tecidos em redor das amígdala infectada, e deslocamento da úvula. Além disso, o médico pode também recolher uma amostra do pus e enviar para o laboratório, para ser posteriormente analisado.

Como é feito o tratamento

O tratamento consiste na administração de antibióticos, como penicilina + metronidazol, amoxicilina + clavulanato e clindamicina, por exemplo. Estes antibióticos são geralmente associados a anti-inflamatórios, para aliviar a dor e o inchaço. Além disso, o médico pode ainda fazer a drenagem do abscesso e enviar uma pequena amostra para análise. 

Em alguns casos, o médico pode ainda sugerir a realização de uma amigdalectomia, que é uma cirurgia em que são removidas as amígdalas, e que geralmente é realizada devido ao alto risco de recorrência. Assim, este procedimento cirúrgico não é recomendado para pessoas que apenas sofreram de um episódio de abscesso, sem histórico de amigdalites recorrentes. A amigdalectomia também não deve ser realizada durante o processo infeccioso e inflamatório, devendo-se aguardar até a infecção estar tratada. 

Assista o vídeo seguinte e saiba mais sobre a amigdalectomia e o que fazer e comer para se recuperar rapidamente:

TIREI AS AMÍGDALAS, O QUE COMER?

33 mil visualizações

Bibliografia >

  • FUNDAÇÃO OTORRINOLARINGOLOGIA. Abscessos Cervicais. 2005. Disponível em: <https://forl.org.br/Content/pdf/seminarios/seminario_30.pdf>. Acesso em 21 Ago 2019
  • ABORL-CCF. Guideline IVAS Guideline IVAS Infecções das Vias Aéreas Superiores. Disponível em: <https://www.aborlccf.org.br/imageBank/guidelines_completo_07.pdf>. Acesso em 21 Ago 2019
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto. Não lhe iremos responder directamente. Se quiser uma resposta clique em Contato.

Mais sobre este assunto:


Publicidade

LIVE | Saúde da Prostata

A Tatiana e o Manuel vão estar te esperando num encontro informal para falar tudo sobre problemas na próstata.

A sua presença vai fazer o evento ser mais especial.

Se inscreva e receba uma notificação quando começar, para não perder nenhum minuto.

Inscreva-se
* Não perca a oportunidade de fazer perguntas e participar deste momento em homenagem ao Novembro Azul.

Estamos ao vivo agora! Vem falar com a gente!

A Tati e o Manuel falam sobre problemas na próstata, o preconceito dos homens a respeito do exame de toque retal, e até sobre impotência sexual, que pode ser um complicação da detecção tardia desse tipo câncer.

Participe agora
* Vamos responder todas as perguntas que chegarem, sem tabus. Estamos te esperando!
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem