Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

7 dicas para ajudar a Criança ou Adolescente a Emagrecer

Para ajudar seu filho a emagrecer é importante reduzir a quantidade de doces e gordura de sua alimentação e, ao mesmo tempo, aumentar a quantidade de frutas e legumes do dia a dia.

As crianças emagrecem mais quando os pais e irmãos se envolvem e comem de forma mais saudável também. Desta forma, a criança não se sente excluída, sendo mais fácil seguir a dieta.

Porém, uma criança só precisa emagrecer se tiver um peso acima do recomendado para a sua idade, altura e fase do desenvolvimento e não é aconselhado fazer dietas nem dar medicamentos para as crianças sem o aconselhamento médico ou de nutricionista. 

Assista o vídeo seguinte e veja como ajudar o seu filho a emagrecer:

As 7 dicas simples para ajudar os filhos a emagrecer são:

1. Toda família precisa comer bem

O lema deve ser se a criança ou adolescente precisa emagrecer, então todos dentro de casa devem adotar a mesma alimentação porque assim fica mais fácil cumprir a dieta.

2. Não fazer uma comida separada para a criança

Como todos dentro de casa precisam comer bem, não é porque a criança ou adolescente está mais gordinho que os pais ou irmão podem comer uma lasanha na frente dele, enquanto ele come salada. Por isso, todos precisam comer o mesmo e se estimularem entre si.

3. Dar o exemplo consumindo alimentos saudáveis

Os mais velhos são as fontes de inspiração dos mais novos e por isso os pais e os irmãos, tios e avós também precisam colaborar consumindo frutas, legumes, verduras e saladas diariamente, evitando fast food, comidas gordurosas, frituras e biscoitos recheados.

4. Não ter em casa alimentos muitos calóricos

Já que ninguém pode comer alimentos ricos em gordura e açúcar, a melhor estratégia é ter sempre alimentos muito saudáveis na geladeira e dentro dos armários porque assim é mais fácil não cair em tentação.

5. Fazer a maioria das refeições em casa

Comer fora de casa pode ser um problema, porque normalmente nos shoppings é mais fácil encontrar fast food e comidas que não colaboram com a dieta, por isso, o ideal é que a maioria das refeições seja preparada em casa, com ingredientes saudáveis e nutritivos.

6. Não fazer frituras em casa, preferir cozidos ou grelhados

Para cozinhar bem os alimentos, com menos gordura, o ideal é que eles sejam cozidos ou grelhados. As frituras devem ficar de fora e devem ser eliminadas.

7. Usar ervas aromáticas para temperar as refeições

Os alimentos devem ser preparados de forma simples, acrescentando, de preferência, ervas aromáticas como orégano, salsa, coentro ou alecrim, por exemplo. É importante evitar o uso de cubos de caldo de carne, sal em excesso ou molhos para dar sabor aos alimentos.

8. Fazer atividades ao ar livre em família

A prática regular de exercícios físicos que a criança gosta, como andar de bicicleta, jogar futebol ou brincar na piscina, deve ser repetida com regularidade, juntamente com todos ou algum membro da família, para que a criança esteja motivada e não desista de emagrecer. 

Assista o vídeo para ver outras dicas que podem ser úteis:

Bibliografia >

  • ÁLVAREZ María Luisa et al. Nutrición en pediatría . 2ª. Caracas, Venezuela: Cania, 2009. 583-584.
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.
Mais sobre este assunto:

Publicidade
Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem