Parafimose: o que é, sintomas, causas e tratamento

Revisão clínica: Rodolfo Favaretto
Urologista
janeiro 2022

A parafimose acontece quando o prepúcio fica preso e não consegue regressar à sua posição normal, podendo levar ao desenvolvimento de uma infecção ou necrose progressiva dos tecidos nessa região.

Por poder levar à morte de tecidos, a parafimose é uma situação de emergência, que deve ser tratada o mais rápido possível.

O tratamento básico da parafimose é conseguir recobrir a cabeça do pênis pelo prepúcio, podendo ser necessário o uso de gel lubrificante e anestésico ou até mesmo anestésico local injetável.

Principais sintomas

Os sinais e sintomas mais clássicos de parafimose incluem:

  • Inchaço na ponta do pênis;
  • Dor intensa;
  • Alteração da cor da ponta do pênis, que pode estar muito vermelha ou azulada;
  • Inchaço e vermelhidão do prepúcio.

Normalmente, a parafimose acontece em crianças ou adolescentes até aos 16 anos, sendo mais rara em adultos.

Diferença entre parafimose e fimose

Embora sejam termos semelhantes, "parafimose" e "fimose" definem situações diferentes. A fimose consiste numa incapacidade, ou maior dificuldade, em expor a glande, porque o prepúcio, que é a pele que a recobre, não tem abertura suficiente. Entenda melhor o que é a fimose, como identificar e formas de tratamento.

Já a parafimose é uma complicação que pode ser causada pela fimose, e que acontece quando o prepúcio não regressa à sua posição normal após ser puxado, por exemplo, acabando por comprimir a cabeça do pênis.

Possíveis causas da parafimose

A parafimose acontece mais frequentemente em meninos que têm fimose ou em adolescentes e adultos com história prévia de infecção no órgão genital, traumatismo direto, implantação de piercing ou em idosos com sonda vesical.

Eventualmente, a parafimose pode surgir após uma relação sexual, quando não é feita a higiene adequada do órgão e o prepúcio não volta ao local correto após flacidez.

Como é feito o tratamento

Por poder levar à necrose/ morte de tecidos da glande, a parafimose é uma situação de emergência, que deve ser tratada o mais rápido possível. No caminho para o atendimento médico urológico, pode-se aplicar compressas geladas no local, para reduzir a dor e o inchaço.

O tratamento para parafimose varia de acordo com a idade e a gravidade do problema, mas normalmente o primeiro passo consiste em reduzir o inchaço do pênis com a aplicação de gelo e conseguir recobrir a glande pelo prepúcio.

Após a redução do inchaço, a pele é recolocada na sua posição normal de forma manual, geralmente sob efeito de anestesia, pois pode ser um processo muito doloroso.

Nos casos mais graves, o urologista pode indicar uma circuncisão de emergência, onde a pele do prepúcio é completamente removida através de cirurgia para liberar o pênis e evitar que o problema volte a acontecer.

Esta informação foi útil?

Atualizado por Manuel Reis - Enfermeiro, em janeiro de 2022. Revisão clínica por Rodolfo Favaretto - Urologista, em janeiro de 2022.

Bibliografia

  • STATPEARLS. Paraphimosis. 2021. Disponível em: <https://www.ncbi.nlm.nih.gov/books/NBK459233/>. Acesso em 21 out 2021
  • NHS. Tight foreskin (phimosis and paraphimosis). Disponível em: <https://www.nhs.uk/conditions/phimosis/>. Acesso em 21 out 2021
Revisão clínica:
Rodolfo Favaretto
Urologista
Médico formado pela Universidade de Ribeirão Preto com CRM-SP 133358 e especialista em Urologia desde 2016 pela Sociedade Brasileira de Urologia.