Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Opções de Tratamento para Dismenorreia primária e secundária

O tratamento para dismenorreia primária, pode ser feito com uso de medicamentos para dor, além da pílula anticoncepcional, mas em caso de dismenorreia secundária, pode ser necessário, até mesmo, uma cirurgia.

Em todo caso, existem estratégias naturais, caseiras e alternativas que auxiliam no controle da dor e do desconforto, facilitando a vida da mulher, como fazer exercícios, usar bolsa de água morna sobre o ventre, e preferir ou evitar certos alimentos. 

A seguir indicamos algumas possíveis forma de tratamento contra essa intensa cólica menstrual.

Remédios para dismenorreia

Opções de Tratamento para Dismenorreia primária e secundária

Os remédios que o ginecologista poderá indicar para combater a intensa cólica menstrual, depois de ser diagnosticada essa alteração, podem ser:

  • Remédios analgésicos, como paracetamol e anti-inflamatórios não-esteroides, como  ácido mefenâmico, cetoprofeno, piroxicam, ibuprofeno, naproxeno, que atuam bloqueando a produção de prostaglandinas tendo efeito contra a dor e a inflamação;
  • Remédios antiespasmódicos, como o Atroveran ou o Buscopan, por exemplo, para diminuir as cólicas menstruais;
  • Remédios que diminuem o fluxo menstrual, como Meloxicam, Celecoxib, Rofecoxib
  • Pílula anticoncepcional oral.

Tanto os analgésicos, como os anti-inflamatórios ou antiespasmódicos devem ser tomado poucas horas antes ou logo no início da cólica menstrual, para que tenha o efeito esperado. No caso da pílula esta deve ser tomada conforme as indicações da bula, porque variam entre 21 e 24 dias, com pausa de 4 ou 7 dias entre cada cartela. 

Quando a dismenorreia é secundária, e acontece porque existe alguma doença na região pélvica, o ginecologista poderá indicar outros medicamentos que sejam mais indicados. Em caso de endomentriose pode ser preciso fazer uma cirurgia para remover o excesso de tecido endometrial fora do útero, e em caso de uso de DIU, este deve ser removido o quanto antes. 

Fisioterapia para dismenorreia

Opções de Tratamento para Dismenorreia primária e secundária

A fisioterapia também pode ser uma boa opção para controlar a intensa cólica menstrual provocada pela dismenorreia primária, com recursos como:

  • Uso de calor, que vai estimular a irrigação sanguínea, relaxar a musculatura e aliviar o impacto das contrações do útero;
  • Massoterapia no abdômen e nas costas, usando as técnicas de amassamento ou fricção que acalma, melhora a circulação e relaxa a musculatura;
  • Exercícios pélvicos que alongam os músculos, promovendo o seu relaxamento e aliviam a dor;
  • Estimulação Nervosa Transcutânea, a TENS, em que através da colocação de elétrodos na região lombar e pélvica é emitida uma corrente elétrica que não provoca dor e que estimula as terminações nervosas, aliviando a dor e a cólica.

Esse tipo de tratamento pode ser útil para diminuir ou até mesmo cessar as dores da dismenorreia primária, e também são uma boa forma de complementar o tratamento indicado pelo médico, em caso de dismenorreia secundária. Para saber as diferenças entre estes dois tipos da doença, veja: O que é dismenorreia, e como acabar com essa dor

Tratamento natural para dismenorreia

Opções de Tratamento para Dismenorreia primária e secundária

O tratamento natural pode ser feito com medidas caseiras como:

  • Colocar um saco de água quente sobre a barriga;
  • Descansar, colocando a barriga para baixo apoiada em um travesseiro para a comprimir;
  • Diminuir o consumo de sal e de alimentos ricos em sódio, como os embutidos e enlatados;
  • Comer mais laticínios, vegetais escuros, soja, banana, beterraba, aveia, couve, abobrinha, salmão ou atum;
  • Evitar bebidas com cafeína, como café, chocolate, chá preto e refrigerantes, como coca-cola;
  • Evitar as bebidas alcoólicas.

Uma ótimo remédio caseiro para dismenorreia é beber o chá de orégano, colocando 2 colheres de chá de orégano em 1 xícara de água fervente, tampando e deixando repousar por 5 minutos, bebendo-o cerca de 2 a 3 vezes por dia.

Tratamento alternativo para dismenorreia 

Opções de Tratamento para Dismenorreia primária e secundária

Como tratamento alternativo para alívio das intensas cólicas menstruais pode-se recorrer à massagem reflexa, massagem ayurvédica ou o shiatsu. Mas a acupuntura, que consiste na colocação de agulhas em pontos chave do corpo, também pode ser possível diminuir a dor menstrual e regular o ciclo menstrual, facilitando o dia a dia da mulher. 

Essas estratégias de tratamento alternativo podem ser realizadas em qualquer fase do ciclo menstrual, mas também aliviam as dores durante a menstruação, mas nem sempre são suficientes para substituir a toma dos remédios indicados pelo ginecologista. 

É possível engravidar com dismenorreia?

A dismenorreia primária, não tem causa definida, e não atrapalha a gravidez e por isso a mulher consegue engravidar naturalmente se tiver relações sexuais, mas em caso de dismenorreia secundária, como podem haver alterações pélvicas importantes, e por isso pode ser mais difícil a mulher conseguir engravidar naturalmente. Em todo caso, as dores menstruais diminuem muito depois da gravidez, mas porque isso acontece ainda não está bem definido. 

Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar