Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Para que serve o Soro fisiológico

O soro fisiológico, também conhecido por cloreto de sódio a 0,9%, é uma solução salina esterilizada utilizada para fazer perfusões intravenosas em casos de diminuição de líquidos ou sal no organismo, limpeza dos olhos, do nariz, queimaduras e feridas ou para fazer nebulizações.

Este produto pode ser comprado nas farmácias convencionais sem receita médica sob a forma de frascos de plástico, cujo preço pode variar de acordo com a quantidade de líquido na embalagem.

O soro fisiológico pode ser usado em várias situações:

1. Desidratação

Para que serve o Soro fisiológico

O soro fisiológico pode ser usado para o tratamento da falta de líquidos ou sal no organismo, que pode ocorrer devido a episódios de diarreia, vômitos, aspiração gástrica, fístula digestiva, suor excessivo, queimaduras extensas ou hemorragias. Conheça os sintomas de desidratação.

A administração deve ser feita diretamente na veia, por um profissional de saúde.

2. Limpeza dos olhos

Para que serve o Soro fisiológico

O soro fisiológico pode também ser utilizado para limpeza ocular, mas deve-se sempre usar uma embalagem fechada e esterilizada. Para isso, o ideal é optar pelas embalagens individuais de utilização única, que podem ser encontradas em farmácias ou no supermercado.

Para facilitar a limpeza com o soro fisiológico, podem-se utilizar compressas esterilizadas embebidas com esta solução.

3. Lavagem de queimaduras ou feridas

Para que serve o Soro fisiológico

A lavagem de queimaduras ou feridas com soro fisiológico deve ser sempre realizado do centro para a periferia, podendo ser realizado por um profissional de saúde no hospital ou em casa, de forma a eliminar resíduos da região que é suscetível a infecções.

Veja como fazer um curativo para feridas em casa.

4. Nebulizações

Para que serve o Soro fisiológico

A nebulização com soro fisiológico é um ótimo tratamento para a sinusite, gripes ou resfriados, pois ela ajuda a umidificar as vias aéreas e a fluidificar as secreções, desobstruindo as vias respiratórias, facilitando assim a respiração. Veja como fazer nebulização para a sinusite.

Além disso, o soro fisiológico também é muito utilizado para diluir medicamentos como budesonida, brometo de ipratrópio ou salbutamol, por exemplo, o que prolonga o tempo de nebulização.

5. Lavagem do nariz

Para que serve o Soro fisiológico

Uma ótima forma de desentupir o nariz consiste em fazer uma lavagem nasal com soro fisiológico e uma seringa sem agulha, porque através da força da gravidade a água entra por uma narina e sai pela outra, sem causar dor ou desconforto, eliminando as secreções.

Além disso, também é uma boa forma de manter o nariz devidamente limpo, sendo útil para quem tem alguma alergia respiratória, rinite ou sinusite, por exemplo. Veja como fazer a lavagem nasal.

6. Veículo de medicamentos

Para que serve o Soro fisiológico

Em certas situações, o soro fisiológico também pode ser usado como veículo de medicamentos, para posteriormente poderem ser administrados diretamente na veia.

Possíveis efeitos colaterais

O soro fisiológico é geralmente bem tolerado e raramente causa efeitos colaterais. Além disso, as reações adversas dependem da via de administração, sendo que, os principais efeitos colaterais incluem edema, eritema, infecção e abscesso no local de injeção, tromboflebite, desequilíbrios eletrolíticos, mielinólise pôntica, hiperclorémia e hipernatremia.

Quem não deve usar

O soro fisiológico não deve ser usado em pessoas com hipersensibilidade ao cloreto de sódio ou qualquer outro componente do produto. Além disso, o soro fisiológico não deve ser utilizado de forma intravenosa em pacientes com hipernatremia, insuficiência cardíaca descompensada, insuficiência renal ou inchaço generalizado.

Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...