Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Saiba como reconhecer os sintomas da herpes

Os principais sintomas do herpes incluem a presença de bolhas ou úlceras com borda avermelhada e líquido, que aparecem geralmente nos genitais, coxas, boca, lábios ou olhos, provocando dor, ardência e coceira. Embora seja mais comum o herpes se manifestar nestas regiões, este pode surgir em qualquer região do corpo.

Porém, é possível perceber que se vai ter um episódio de herpes, bem antes das bolhas aparecerem, pois existem sintomas que antecedem a erupção na pele como formigamento, coceira, desconforto ou mesmo dor em alguma região específica da pele. Estes sintomas de aviso, podem surgir várias horas antes do aparecimento das bolhas, ou mesmo 2 a 3 dias antes, sendo por isso possível iniciar o tratamento mais cedo e evitar o contágio, se se prestar atenção ao surgimento destes sintomas.

Herpes genital

Sintomas de herpes genital
Sintomas de herpes genital

O herpes genital é uma doença sexualmente transmissível, causada pelo vírus da herpes. Além disso, o contágio também pode ocorrer da mãe para o bebê durante o parto normal, principalmente se, durante o trabalho de parto, a mulher apresentar as feridas do herpes.

Os principais sintomas da herpes genital, além da presença de bolhas ou úlceras com borda avermelhada e líquido, são:

  • Pequenos agrupamentos de bolhas e feridas;
  • Coceira e desconforto;
  • Dor;
  • Ardor ao urinar caso as bolhas estejam perto da uretra;
  • Ardor e dor ao defecar, caso as bolhas estejam próximas do ânus;
  • Ínguas na virilha;
  • Mal estar geral e possível perda de apetite.

As feridas causadas pelo herpes genital levam geralmente cerca de 10 dias para sarar e o tratamento é feito com remédios antivirais como Aciclovir ou Valaciclovir em comprimidos ou pomadas, que ajudam a diminuir a replicação do vírus no corpo e a curar as bolhas e feridas. Veja como evitar transmitir o herpes genital e como é feito o tratamento.

Além disso, as bolhas do herpes na região genital podem ser bem dolorosas, e nesses casos, o médico pode recomendar anestésicos locais, para aliviar a dor e o desconforto.

As feridas do herpes genital podem aparecer no pênis, vulva, vagina, região perianal ou ânus, uretra ou mesmo no colo do útero e na primeira manifestação podem surgir outros sintomas semelhantes aos da gripe como febre, calafrios, dor de cabeça, dor muscular e cansaço.

Herpes labial

Sintomas de herpes na boca
Sintomas de herpes na boca

O herpes labial é causado pelo vírus da herpes, podendo ser transmitido através do contacto direto com as bolhas ou feridas com líquido, como pode acontecer durante o beijo ou pela utilização de objetos usados por outra pessoa que tenha herpes. Saiba mais sobre herpes labial.

Os principais sintomas da herpes na boca, podem incluir:

  • Ferida no lábio;
  • Bolhas sensíveis;
  • Dor na boca;
  • Coceira e vermelhidão em um canto do lábio.

As feridas causadas pelo herpes labial podem durar entre 7 a 10 dias e o tratamento pode ser feito com pomadas de aplicação tópica ou comprimidos, como Aciclovir por exemplo.

Herpes ocular

Sintomas de herpes nos olhos
Sintomas de herpes nos olhos

O herpes ocular é causado pelo vírus herpes simples tipo I, que se pega através do contacto direto com bolhas ou úlceras com líquido causadas pelo herpes ou devido ao contacto de mãos infectadas com os olhos.

Os principais sintomas da herpes ocular são geralmente semelhantes aos de uma conjuntivite e são:

  • Sensibilidade à luz;
  • Coceira no olho;
  • Vermelhidão e irritação no olho;
  • Visão embaçada;
  • Ferida na córnea.

Assim que estes sintomas surgem, é importante consultar o oftalmologista para que possam ser tratados o mais rápido possível, de forma a evitar complicações mais graves ou mesmo cegueira. O tratamento do herpes ocular é geralmente feito com remédios antivirais como Aciclovir em comprimidos ou pomadas para aplicar no olho, além de que podem também ser receitados colírios antibióticos para prevenir o aparecimento de infecções secundárias causadas por bactérias. Saiba mais sobre o tratamento da herpes ocular.

O herpes é uma doença que não tem cura, quer seja genital, labial ou ocular, pois não é possível eliminar o vírus do organismo e este pode inclusive permanecer inativo no corpo durante vários meses ou até mesmo anos, não causando sintomas. Porém, quando esta doença se manifesta, os sintomas surgem geralmente na forma de episódios, que dependendo do organismo da pessoa, podem surgir 1 a 2 vezes por ano.

Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:
Carregando
...