Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Principais sintomas de Conjuntivite Viral, Bacteriana e Alérgica

Vermelhidão, coceira inchaço e sensação de areia nos olhos são sinais e sintomas de conjuntivite, uma doença que acontece quando algum vírus, bactéria ou outra fonte causa irritação nos olhos, afetando especialmente a conjuntiva que é uma película fina e transparente que recobre o globo ocular.

Geralmente os sintomas começam em apenas 1 olho, mas rapidamente afeta o outro porque ao passar as mãos nos olhos estas carregam os micro-organismos que contaminam o segundo. Essa doença é contagiosa e dura cerca de 1 semana, seu tratamento é feito com colírios e compressas.

Foto de conjuntivite
Foto de conjuntivite

Se acha que pode estar com conjuntivite selecione os seus sintomas, para saber quais as chances:

  1. 1. Vermelhidão em um olho ou ambos
    Sim
    Não
  2. 2. Sensação de queimação ou poeira no olho
    Sim
    Não
  3. 3. Sensibilidade à luz
    Sim
    Não
  4. 4. Íngua dolorida no pescoço ou junto do ouvido
    Sim
    Não
  5. 5. Remela amarela nos olhos, especialmente ao acordar
    Sim
    Não
  6. 6. Coceira intensa nos olhos
    Sim
    Não
  7. 7. Espirros, coriza ou sensação de nariz entupido
    Sim
    Não
  8. 8. Dificuldade para enxergar ou visão embaçada
    Sim
    Não
Imagem que indica que o site está carregando

Geralmente, a conjuntivite viral ou bacteriana é mais frequente durante um resfriado e pode até estar associada a dores de garganta, pois o sistema imune está mais frágil. Neste tipo de conjuntivite há um grande risco de transmissão e, por isso, é muito importante evitar o contato direto com o olho ou as secreções infectadas.

Já no caso de uma conjuntivite alérgica, normalmente é causada pela sensibilidade a várias substâncias, produtos ou objetos, sendo que os mais frequentes incluem a maquiagem nos olhos, pólen, poeira, lentes de contato e colírios. Este tipo de conjuntivite pode surgir todos os anos no mesmo período de tempo, como na primavera, por exemplo, o que significa que está sendo causada por uma alteração ambiental, como a presença de mais pólen ou poeira no ar.

Sintomas de conjuntivite no bebê

Principais sintomas de Conjuntivite Viral, Bacteriana e Alérgica

A conjuntivite é uma infecção bastante comum nos bebês, devido ao seu sistema imune mais enfraquecido. Nestes casos, os sintomas são semelhantes ao do adulto e variam da mesma forma, no entanto, também pode surgir irritabilidade excessiva, diminuição do apetite e febre baixa, em alguns casos.

No bebê, é mais frequente que a conjuntivite surja em ambos os olhos, especialmente quando é provocada por vírus ou bactérias, pois as crianças normalmente passam a mão no olho que está coçando e depois tocam no outro, transmitindo a infecção de um olho para o outro.

Entenda como é feito o tratamento deste problema no bebê.

O que fazer em caso de conjuntivite

Sempre que surgem sintomas como vermelhidão, coceira ou dor constante no olho é importante consultar um oftalmologista, no caso do adulto, ou um pediatra, no caso dos bebês e crianças, para identificar o problema e iniciar o tratamento adequado.

Quais os remédios:

O tratamento da conjuntivite normalmente é feito com o uso de colírios para lubrificar ou pomadas anti-inflamatórias e antibióticas, que devem ser aplicadas diretamente no olho para alivia os sintomas e combater a infecção, caso exista. Porém, também pode ser necessário tomar comprimidos anti-histamínicos, especialmente no caso da conjuntivite alérgica.

Assim, alguns remédios que podem ser recomendados pelo médico são:

  • Colírio para conjuntivite viral: Limpar os olhos com soro fisiológico ou usar colírio Moura Brasil; Dunason; Refresh, Lacril; Cellufresh; Ecofilm Colírio; Lacribell colírio
  • Colírio para conjuntivite bacteriana: Biamotil Oculum; Cloranfenicol; Dexafenicol, Flumex; Maxitrol; Polipred e Vixmicina
  • Colírio para conjuntivite alérgica: Zaditen; Cetotifeno; Decadron.

Veja como é feito o tratamento da conjuntivite e quais os cuidados que deve ter.

Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:
Carregando
...
Fechar