Síndrome uretral: o que é, sintomas, causas e tratamento

novembro 2022

A síndrome uretral é a inflamação da uretra que causa sintomas como dor abdominal, urgência urinária, dor e irritação ao urinar e sensação de pressão no abdômen, sendo por isso facilmente confundida com uma infecção urinária.

A síndrome uretral é causada principalmente por alterações da uretra, como estreitamento, além de também poder acontecer devido à irritação ou lesão no local. Essa síndrome é mais comum em mulheres, porém também pode acontecer em homens, sendo muitas vezes confundido com uma uretrite que é uma infecção que é causada por vírus ou bactérias.

O tratamento para a síndrome uretral  deve ser orientado pelo ginecologista ou urologista e envolve o controle dos sintomas, o que é feito por meio do uso de medicamentos analgésicos e antiespasmódicos para reduzir a dor e o desconforto. 

Principais sintomas

Os principais sintomas de síndrome uretral são:

  • Dificuldade ou dor ao urinar; 
  • Dor durante a relação sexual; 
  • Dor a parte baixa do abdômen; 
  • Sensação de pressão no abdômen; 
  • Aumento da frequência urinária;
  • Urgência urinária.

Além disso, nas mulheres este síndrome pode também causar desconforto na região da vulva, enquanto nos homens pode surgir dor ao ejacular, dor e inchaço nos testículos ou sangue no sêmen.

Como é feito o diagnóstico

O diagnóstico da síndrome uretral é feito inicialmente pelo médico a partir da avaliação dos sinais e sintomas apresentados pela pessoa. Além disso, pode ser solicitada a realização de exames de imagem para avaliar a uretra e outros exames para avaliar a capacidade da bexiga de armazenar e liberar a urina.

Causas da síndrome uretral

A síndrome uretral não tem causas muito bem definidas, podendo acontecer como consequência de diversas situações. Normalmente, essa síndrome está relacionada com alterações na uretra, irritação ou lesão na uretra.

Enquanto que os ferimentos na uretra podem ser causados pelo uso de tampões, de diafragma ou por atividades como andar de bicicleta, as irritações locais podem ser causadas pelo uso de loções com perfumes, espermicidas ou lenços umedecidos, por exemplo.

Como é feito o tratamento

O tratamento para a síndrome uretral deve ser orientado pelo ginecologista ou urologista e tem como objetivo promover o alívio dos sintomas, sendo muitas vezes recomendado o uso de remédios analgésicos e antiespasmódicos para reduzir a dor e o desconforto sentidos. 

Além disso, nos casos mais graves pode ser indicada a realização de cirurgia, especialmente quando os sintomas estão sendo causados por malformações na uretra como estreitamento, por exemplo. 

Para complementar o tratamento, podem também ser indicadas mudanças nos hábitos do dia a dia que possam estar a causar irritação na uretra, sendo contraindicado o uso de sabonetes perfumados, de espermicidas ou de lenços umedecidos. Além disso, apostar numa alimentação anti-inflamatória também pode ajudar a reduzir os sintomas.

Esta informação foi útil?

Atualizado por Marcela Lemos - Biomédica, em novembro de 2022.
Equipe editorial constituída por médicos e profissionais de saúde de diversas áreas como enfermagem, nutrição, fisioterapia, análises clínicas e farmácia.