Síndrome do cólon irritável: o que é, sintomas, causas e tratamento

Atualizado em fevereiro 2024

A síndrome do cólon irritável é um distúrbio gastrointestinal caracterizado pela inflamação das vilosidades do intestino grosso, causando sintomas como períodos de diarreia alternados com prisão de ventre, dor abdominal ou inchaço na barriga.

A causa exata dessa síndrome, também conhecida como síndrome do intestino irritável, não é totalmente conhecida, mas sabe-se que fatores como estresse, alimentação ou uso de medicamentos pode favorecer a piora dos sintomas.

O tratamento da síndrome do cólon irritável é feito pelo gastroenterologista que pode indicar mudança nos hábitos alimentares ou uso de remédios para aliviar os sintomas, controlar as crises e promover a qualidade de vida.

Imagem ilustrativa número 1

Sintomas da síndrome do cólon irritável

Os principais sintomas da síndrome do cólon irritável são:

  • Dor ou desconforto na parte inferior do abdômen;
  • Períodos com diarreia alternados com prisão de ventre;
  • Inchaço na barriga;
  • Excesso de gases intestinais;
  • Melhora da dor abdominal após defecar;
  • Sensação de esvaziamento incompleto após evacuação;
  • Urgência para evacuar.

Geralmente, ocorre melhora da dor abdominal ao defecar ou eliminar gases intestinais, podendo também em alguns casos ter a presença de muco nas fezes.

É comum que a pessoa com a síndrome do cólon irritável tenha períodos com ou sem sintomas, além de que os sintomas e a intensidade podem variar de pessoa para pessoa.

Assim, é importante consultar o gastroenterologista assim que surgirem os primeiros sintomas da síndrome do cólon irritável para que possa ser feito o diagnóstico e iniciado o tratamento mais adequado, prevenindo novas crises.

Teste online de síndrome do cólon irritável

Para saber se tem o risco de ter a síndrome do cólon irritável, selecione os sintomas que apresenta no teste a seguir:

  1. 1. Dor abdominal ou cólicas frequentes
  2. 2. Sensação de barriga inchada
  3. 3. Produção exagerada de gases intestinais
  4. 4. Períodos de diarreia, intercalados com prisão de ventre
  5. 5. Aumento do número de evacuações por dia
  6. 6. Fezes com secreção gelatinosa

O teste de sintomas é apenas uma ferramenta de orientação, não servindo como diagnóstico e nem substituindo a consulta com o gastroenterologista.

Como é feito o diagnóstico

O diagnóstico da síndrome do cólon irritável é feito pelo gastroenterologista através da avaliação dos sintomas e realização de exame físico.

Marque uma consulta com o gastroenterologista na região mais próxima de você:

Cuidar da sua saúde nunca foi tão fácil!

Marque uma consulta com nossos Gastroenterologistas e receba o cuidado personalizado que você merece.

Marcar consulta

Disponível em: São Paulo, Rio de Janeiro, Distrito Federal, Pernambuco, Bahia, Maranhão, Pará, Paraná, Sergipe e Ceará.

Foto de uma doutora e um doutor de braços cruzados esperando você para atender

Além disso, o médico pode solicitar exames como hemograma completo, hormônios da tireoide e marcadores inflamatórios, como proteína C reativa (PCR) e velocidade de hemossedimentação (VHS).

Outros exames são exames de fezes, colonoscopia, biópsia do intestino ou transglutaminase tecidual, por exemplo. Saiba como é feita a colonoscopia.

Esses exames ajudam a confirmar o diagnóstico e a descartar outras condições com sintomas semelhantes, como doença celíaca ou infecções gastrointestinais, por exemplo.

Possíveis causas

A causa da síndrome do cólon irritável ainda não é muito bem esclarecida, no entanto, sabe-se que que pode surgir por uma combinação de fatores físicos e psicológicos, que resultam em uma maior movimentação, reatividade ou sensibilidade no intestino.

Os principais fatores que podem favorecer o aparecimento ou agravar os sintomas da síndrome do cólon irritável são:

  • Fatores genéticos;
  • Estresse, ansiedade ou depressão;
  • Intolerância alimentar;
  • Dieta rica em alimentos gordurosos;
  • Infecções gastrointestinais por bactérias, vírus ou parasitas;
  • Alterações hormonais;
  • Uso de medicamentos.

Dessa forma, é importante observar o momento em que surgem ou que os sintomas são intensificados, pois dessa forma é possível identificar a causa e iniciar o tratamento mais direcionado.

Como é feito tratamento

O tratamento da síndrome do cólon irritável deve ser feito de acordo com a indicação do gastroenterologista e tem como objetivo aliviar os sintomas, prevenir novas crises e melhorar a qualidade de vida.

Desta forma, pode ser recomendado pelo médico o uso de medicamentos, como mebeverina, policarbofila cálcica ou lubiprostona, que ajudam a diminuir os espasmos intestinais e/ou aliviar a diarreia, prisão de ventre e dor abdominal.

Outros remédios que podem ser indicados são antidepressivos, para controlar e tratar a ansiedade ou depressão, de forma a evitar a piora dos sintomas ou crises da síndrome do cólon irritável. 

Leia também: Tratamento para intestino irritável: dieta, remédios e outras terapias tuasaude.com/tratamento-para-sindrome-do-intestino-irritavel

Dieta para síndrome do cólon irritável

É importante que a pessoa seja acompanhada por um nutricionista para que seja possível fazer alguns ajustes na alimentação, excluindo da dieta alguns alimentos que possam agravar os sintomas como alimentos ricos em gordura, cafeína, açúcares e álcool, por exemplo. Veja como fazer uma dieta para cólon irritável.

Veja o que se deve comer e evitar para aliviar os sintomas do cólon irritável no vídeo a seguir:

youtube image - 7 DICAS PARA ACALMAR O SEU INTESTINO IRRITÁVEL