Queimação depois de defecar: 5 principais causas (e o que fazer)

Atualizado em janeiro 2024

Na maioria das vezes, a queimação depois de defecar é causada pela limpeza excessiva após a evacuação, prisão de ventre ou fissura anal, mas também pode surgir devido a hemorroidas ou diarreia.

Além da queimação e da dor, que pode começar durante a evacuação, também podem surgir outros sintomas, como sangramento ou coceira na região anal, desconforto no abdome, febre ou náuseas, dependendo da sua causa. Veja as principais causas de dor ao evacuar.

Em caso de queimação depois de defecar, especialmente se surgirem outros sintomas, é recomendado consultar um proctologista. O tratamento depende da sua causa e pode envolver medidas como evitar usar o papel higiênico, aumentar a ingestão de água e fibras e medicamentos para aliviar os sintomas.

Imagem ilustrativa número 1

Principais causas

As principais causas de queimação depois de defecar são:

1. Limpeza excessiva

Limpar excessivamente a região anal depois de defecar pode causar uma queimação no local, especialmente quando se usa o papel higiênico, devido a irritação provocada pelo atrito da pele com o papel. Esta sensação normalmente é transitória e não está associada a outros sintomas.

O que fazer: deve-se evitar limpar excessivamente a região anal com papel higiênico para não irritar a pele, sendo importante realizar a limpeza sempre de forma suave. Para evitar essa sensação, o ideal é utilizar o papel umedecido ou, se possível, lavar-se depois de defecar.

Não ignore os seus sintomas!

Priorize sua saúde. Descubra a causa dos seus sintomas e receba o cuidado que precisa.

Marcar consulta

Disponível em: São Paulo, Rio de Janeiro, Distrito Federal, Pernambuco, Bahia, Maranhão, Pará, Paraná, Sergipe e Ceará.

2. Prisão de ventre

Em caso de prisão de ventre, também pode surgir queimação depois de defecar devido à passagem de fezes endurecidas pelo ânus, que podem traumatizar a região durante a evacuação. 

Além disso, é comum a pessoa ir pouco ao banheiro para evacuar durante a semana, sentir desconforto frequente no abdome e necessitar fazer mais força para eliminar as fezes em caso de prisão de ventre. Conheça outros sintomas de prisão de ventre.

O que fazer: é importante ter uma alimentação rica em fibras e beber bastante líquidos para melhorar a consistência das fezes, sendo também recomendado evitar segurar a vontade de evacuar por muito tempo e praticar exercícios físicos regularmente para favorecer o funcionamento do intestino. Confira dicas para curar prisão de ventre.

Além disso, o médico algumas vezes pode indicar o uso de laxantes para ajudar a amolecer as fezes e permitir sua passagem sem que provoque desconforto. 

3. Fissura anal

A fissura anal é uma ferida na borda do ânus que pode causar uma queimação no local que dura de minutos a poucas horas depois de defecar. É comum também surgir dor intensa durante a evacuação e notar pequenas manchas de sangue no papel higiênico ao realizar a limpeza da região.

O que fazer: a fissura anal tende a cicatrizar naturalmente, sendo recomendado realizar banhos de assento para a aliviar a queimação depois de defecar e aumentar a ingestão de fibras e água para melhorar a consistência das fezes, facilitando a sua eliminação. Saiba como fazer um banho de assento para aliviar o desconforto.

No entanto, caso a fissura provoque muito desconforto ou não esteja melhorando, é recomendado consultar um proctologista, que pode indicar o uso de medicamentos como pomadas analgésicas para aliviar os sintomas. 

4. Hemorroidas

Hemorroidas podem provocar sintomas como coceira, desconforto ou queimação na região anal depois de defecar e sangramentos. Além disso, quando a hemorroida sai para fora do ânus, pode-se sentir um ligeiro inchaço ou nódulo na região. Veja como identificar as hemorroidas.

O que fazer: em caso de suspeita de hemorroidas, é recomendado consultar um proctologista. O tratamento normalmente envolve realizar banhos de assento, aumentar a ingestão de fibras e água, usar pomadas para hemorroidas e/ou, dependendo da gravidade, cirurgia. Conheça as principais pomadas para hemorroidas e como usar.

5. Diarreia

Em caso de diarreia, é comum surgir queimação na região anal depois de defecar devido à irritação provocada pelo contato frequente da pele da região com as fezes amolecidas. Especialmente nos casos de gastroenterite, também podem surgir sintomas como febre, náusea, dor no abdome e sangue nas fezes.

O que fazer: em caso de diarreia, especialmente se os sintomas persistirem por mais de 14 dias, surgir febre ou vômitos, é recomendado consultar um clínico geral. O tratamento depende da sua causa e pode envolver o uso do soro de reidratação oral e medicamentos, como antibióticos ou antieméticos. Saiba os principais medicamentos para diarreia e como usar.