Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Saiba porque a menstruação pode vir em pedaços e com pele

Por vezes, a menstruação pode descer com pedaços, que são coágulos de sangue, mas essa situação geralmente é normal, pois surge devido a um desequilíbrio nos hormônios da mulher. Quando ocorre esse desequilíbrio hormonal, o revestimento das paredes do útero pode engrossar, provocando um sangramento mais abundante e a formação de coágulos, que podem variar entre 5 mm a 3-4 cm.

Porém, apesar da menstruação com pedaços ser normal na maioria dos casos e não necessitar de tratamento, em outros casos ela pode ser causada por algumas doenças como anemia, endometriose ou mioma. Por esta razão, é importante consultar um ginecologista para avaliar a causa dos coágulos de sangue e orientar o tratamento adequado.

Se estiver com sangramento muito abundante por mais de 7 dias, veja as principais causas de hemorragia menstrual.

Saiba porque a menstruação pode vir em pedaços e com pele

Causas da menstruação com pedaços

A menstruação com pedaços geralmente não é preocupante e não necessita de tratamento. No entanto, também pode ser sinal de alguma inflamação ou doenças como a endometriose e, por isso, é importante consultar um ginecologista para fazer um exame de sangue de coagulação após a menstruação ou um ultrassom.

Quando a mulher apresenta mais de 2 ciclos menstruais com a menstruação com pedaços, isso pode significar:

1. Aborto

Os coágulos de sangue na menstruação podem indicar um aborto espontâneo no 1º trimestre de gestação, especialmente se a cor é ligeiramente amarelada ou acinzentada. Veja que outros sintomas podem ajudar a identificar um aborto.

O que fazer: para confirmar se ocorreu um aborto é muito importante ir no ginecologista, porém se o sangramento for muito abundante deve-se ir rapidamente ao hospital para iniciar o tratamento adequado e impedir a perda de muito sangue. Na maioria dos casos, o aborto acontece nas primeiras semanas de gravidez e o sangramento dura apenas entre 2 a 3 dias.

2. Endometriose

A endometriose é caracterizada pelo crescimento do tecido do endométrio fora do útero, que pode provocar menstruação abundante, dor intensa e formação de coágulos. Esta doença, apesar de ser mais frequente em mulheres entre os 30 e os 40 anos, pode surgir em qualquer idade.

O que fazer: deve-se consultar o ginecologista para fazer exames como ultrassom transvaginal ou análise de sangue e confirmar o diagnóstico, iniciando o tratamento que, normalmente depende do desejo da mulher em engravidar, podendo ser feito com o uso de remédios, hormônios ou cirurgia. Saiba mais sobre quando a dor menstrual intensa pode ser endometriose e como é feito o tratamento.

3. Mioma

O mioma é um tumor benigno na parede interna do útero, que geralmente causa sintomas como dor no útero, menstruação abundante com formação de coágulos e sangramento fora do período menstrual.

O que fazer: é importante consultar o ginecologista para fazer um ultrassom pélvico e confirmar a presença do mioma. O tratamento pode ser feito com remédios, cirurgia para retirada do mioma ou embolização do mioma. Saiba mais sobre o tratamento para mioma.

Saiba porque a menstruação pode vir em pedaços e com pele

4. Anemia ferropriva

A anemia ferropriva pode ser uma das causas da menstruação com pedaços, pois a deficiência em ferro pode alterar a coagulação do sangue, levando ao surgimento de coágulos na menstruação.

O que fazer: é aconselhado consultar o clínico geral para pedir um exame de sangue e confirmar a presença de anemia. Quando confirmada, a anemia pode ser tratada com um suplemento de ferro, receitado pelo médico, e a ingestão de alimentos ricos em ferro como lentilha, salsa, feijão e carnes. Veja outros alimentos ricos em ferro para anemia.

5. Outras doenças que afetam o endométrio

Outras doenças do endométrio como hiperplasia endometrial, que é o crescimento excessivo do endométrio, ou polipose, que é a formação de pólipos no endométrio, podem provocar menstruação com pedaços, devido ao crescimento do útero.

O que fazer: deve-se consultar o ginecologista para identificar o problema correto. O tratamento pode ser feito com curetagem do tecido do endométrio ou com o uso de progesterona. Entenda como é feita a curetagem.

6. Deficiência de vitaminas e minerais

A deficiência de vitaminas e minerais que regulam a formação de coágulos como a deficiência de vitamina C ou K altera a coagulação do sangue, causando a formação de coágulos na menstruação.

O que fazer: nestes casos é importante aumentar a ingestão como espinafres, laranja, morango, brócolis ou cenoura, por exemplo. Veja listas mais completas de alimentos com vitamina K e vitamina C.

7. Exames ginecológicos, aborto ou parto

A menstruação com pedaços também pode ocorrer depois da realização de alguns exames ginecológicos, quando ocorrem complicações no parto ou depois de um aborto.

O que fazer: geralmente a menstruação deixa de apresentar alterações em 2 ou 3 dias, voltando ao normal no ciclo seguinte. Por isso, se os coágulos continuarem surgindo, é importante consultar o ginecologista.

Quando a menstruação vem com pele

A menstruação também pode vir com pequenos pedaços de pele e isso não significa que a mulher teve um aborto. Esses pedaços de pele são pequenos pedacinhos do endométrio da própria mulher, mas que estão sem cor. Assim como a sangue possui as células vermelhas e as células brancas, o endométrio também pode apresentar esta coloração. 

Se a mulher apresentar a menstruação com pedaços de pele em 2 ciclo seguidos, recomenda-se ir ao ginecologista para que ele faça um exame observacional e peça exames, caso ache necessário.

Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar