Melhores pomadas para herpes labial e como usar

As pomadas para herpes labial possuem substâncias antivirais na sua composição, como aciclovir ou penciclovir, que ajudam a eliminar o vírus do Herpes simplex, facilitando a cicatrização das bolhas, evitando a formação de novas feridas, diminuindo a coceira e aliviando a dor. Desta forma, as pomadas aceleram a recuperação das feridas na boca, que geralmente, duram cerca de 7 a 10 dias. 

As pomadas podem ser usadas desde os primeiros sinais de herpes até o desaparecimento total das feridas, e devem ser usadas com indicação e orientação médica. No entanto, caso não ocorra melhora dos sintomas, pode ser necessário o uso de antivirais em comprimidos, que só podem ser usados com prescrição do médico. Confira os principais comprimidos usados no tratamento da herpes labial.  

Melhores pomadas para herpes labial e como usar

As principais pomadas para herpes labial são:

1. Aciclovir

A pomada com aciclovir age bloqueando os mecanismos de multiplicação do vírus Herpes simplex impedindo que se multiplique e infecte novas células, e pode ser usada por adultos, ou crianças, com indicação médica.

Esta pomada deve ser usada desde os primeiros sintomas da infecção como ardor ou sensação de queimação, e pode ser encontrada em farmácias ou drogarias com os nomes comerciais Zovirax ou Hpmix, ou na forma de genérico com o nome aciclovir sódico. 

Como usar: aplicar uma camada sobre a bolha ou ferida da herpes, 5 vezes por dia, em intervalos de cerca de 4 horas, pulando a aplicação no período noturno. O tratamento deve continuar por pelo menos 4 dias e, caso não ocorra cicatrização, deve-se usar a pomada por mais 5 dias, ou conforme orientação médica.

2. Penciclovir

A pomada penciclovir pode ser usada por adultos ou crianças com mais de 12 anos, e age impedindo que o vírus Herpes simplex se multiplique, reduzindo a gravidade das feridas e acelerando a recuperação da pele.

Essa pomada pode ser encontrada com o nome comercial Penvir labia creme.

Como usar: aplicar a pomada labial no local afetado, nos lábios ou no rosto, a cada 2 horas, durante 4 dias consecutivos. Essa pomada não deve ser aplicada dentro da boca, nas narinas ou nos olhos. 

3. Sulfadiazina de prata + nitrato de cério

A pomada de sulfadiazina de prata e nitrato de cério possui ação cicatrizante e antiviral, podendo ser usada para  aliviar os sintomas de coceira ou sensação de queimação nos lábios. Além disso, também tem ação antimicrobiana, prevenindo a infecção da bolha ou ferida nos lábios.

Essa pomada pode ser encontrada com o nome comercial Dermacerium HS gel, vendida em farmácias ou drogarias, e não deve ser usada por mulheres grávidas ou em amamentação.

Como usar: aplicar a pomada diretamente na área afetada nos lábios, cerca de 3 vezes por dia, até completa cicatrização. A Dermacerium HS gel não deve ser usada nos olhos e não deve ser ingerida.

Cuidados durante o uso das pomadas

Alguns cuidados importantes durante o tratamento da herpes labial com pomada são:

  • Utilizar a pomada nos horários corretos, conforme orientado pelo médico;
  • Lavar as mãos antes e após aplicar a pomada, com água e sabonete neutro, para evitar a piora da infecção ou que se espalhe para outras partes do corpo;
  • Evitar beijar ou ter contato com a ferida da herpes de outras pessoas enquanto houver bolhas ou feridas nos lábios;
  • Evitar compartilhar utensílios, toalhas ou protetor labial com outras pessoas;
  • Evitar comer alimentos apimentados ou frutas cítricas para não irritar a ferida na boca.

É ainda recomendado consumir alguns alimentos, como ervilha, peixe ou amendoim, que são ricos em lisina, uma proteína que age inibindo o crescimento do vírus Herpes simplex, o que pode ajudar a complementar o tratamento com a pomada e acelerar a cicatrização da pele. Confira a lista completa de alimentos ricos em lisina.  

Assista o vídeo com outras dicas que podem ajudar a combater a herpes labial:

Esta informação foi útil?

Bibliografia

  • USATINE, Richard P.; et al. Nongenital Herpes Simplex Virus. Am Fam Physician. 82. 9; 1075-1082, 2010
  • OPSTELTEN, Wim; et al. Treatment and prevention of herpes labialis. Can Fam Physician. 54. 12; 1683–1687, 2008
  • VERE HODGE, R. A.; FIELD, H. J. Antiviral agents for herpes simplex virus. Adv Pharmacol. 67. 1-38, 2013
  • KLYSIK, K.; et al. Acyclovir in the Treatment of Herpes Viruses - A Review. Curr Med Chem. 27. 24; 4118-4137, 2020
  • DRUGS.COM. Acyclovir Topical. 2021. Disponível em: <https://www.drugs.com/mtm/acyclovir-topical.html>. Acesso em 29 Jun 2021
  • WALD, Anna; JOHSTON, Christine. Treatment and prevention of herpes simplex virus type 1 in immunocompetent adolescents and adults. UpToDate. 2020
  • DRUGS.COM. Penciclovir topical. 2020. Disponível em: <https://www.drugs.com/mtm/penciclovir-topical.html>. Acesso em 30 Jul 2021
  • GABY, Alan R. Natural Remedies for Herpes simplex. Alternative Medicine Review. 11. 2; 93-101, 2006
  • SILVESTRE LABS QUÍMICA & FARMACÊUTICA LTDA. Dermacerium HS Gel. 2016. Disponível em: <https://docs.google.com/gview?url=https://uploads.consultaremedios.com.br/drug_leaflet/Bula-Dermacerium-HS-Gel-Paciente-Consulta-Remedios.pdf?1532962741&embedded=true>. Acesso em 30 Jul 2021
Mais sobre este assunto: