Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Tratamento para herpes labial

Para curar a herpes na boca mais rápido, diminuindo a dor, o desconforto e o risco de contaminar outras pessoas, pode-se aplicar uma pomada anti-viral a cada 2 horas logo que os sintomas de coceira, dor ou bolhas começarem a surgir. Mas além das pomadas existe ainda pequenos adesivos que podem cobrir as feridas, evitando a contaminação de outras pessoas.

Nos casos mais graves, em que o herpes demora mais de 10 dias para desaparecer, o médico pode ainda recomendar o uso de comprimidos antivirais, como Famciclovir ou Penciclovir, para reduzir a manifestação do vírus. No entanto, estes remédios só são indicados para crianças e pessoas com o sistema imune enfraquecido, e quando orientado pelo médico.

Tratamento para herpes labial

Assim, o tratamento para eliminar as feridas e bolhas na boca pode ser feito com:

Pomadas mais indicadas

O tratamento para herpes na boca pode ser orientado por um clínico geral ou farmacêutico e normalmente, é feito com o uso de uma pomadas como:

  • Zovirax; Aciclovir;
  • Valaciclovir; Famciclovir.

A pomada deve ser aplicada até 5 vezes por dia, durante 7 dias e durante o tratamento a pessoa deve tomar todos os cuidados para não contaminar ninguém e por isso não deve encostar seus lábios em outras pessoas e deve se secar sempre com a sua própria toalha e não deve compartilhar copos e talheres.

Tratamento caseiro 

Um bom tratamento caseiro consiste em comer 1 dente de alho cru por dia. Esse cuidado deve ser começado logo nos primeiros sinais de herpes e deve ser mantido até a sua cura. Mas além disso, existem outros remédios caseiros feitos com Jambú e Erva Cidreira, por exemplo, que ajudam a curar as bolhas na boca mais rápido Veja as receitas em: Tratamento caseiro para herpes labial.

Comer os alimentos certos também ajuda a curar as feridinhas da herpes em menos tempo. Veja como a alimentação pode ajudar a combater a herpes neste vídeo:

Como tratar a herpes labial recorrente

No caso da herpes labial recorrente, que se manifesta mais de 5 vezes no mesmo ano, o tratamento deve ser feito com a aplicação da pomada indicada pelo médico, como Zovirax, quando o paciente começa a sentir coceira na região do lábio e para evitar que o herpes surja tão frequentemente é recomendado:

  • Evitar o excesso de estresse e ansiedade;
  • Hidratar os lábios, especialmente quando está muito frio;
  • Evitar a exposição solar prolongada e colocar protetor solar nos lábios.

Embora o herpes labial desapareça completamente após o tratamento, ele pode voltar a surgir várias vezes ao longo da vida do paciente, especialmente em período de maior estresse ou quando a pessoa mais tempo exposta ao sol, como num período de férias, por exemplo.

Uma outra forma de diminuir a frequência da herpes é tomar um suplemento de lisina em cápsulas. Basta tomar 1 ou 2 cápsulas de 500mg, por dia, durante 3 meses, ou segundo a orientação do dermatologista ou farmacêutico. As cápsulas devem ser tomadas quando as feridinhas da herpes estiverem melhorando, e vão impedir que elas se manifestem novamente, diminuindo também a sua intensidade. Estas cápsulas podem ser compradas em farmácias, drogarias, lojas de produtos naturais ou farmácias de manipulação.

Veja os alimentos que possuem a mesma propriedade destas cápsulas, e que podem ajudar a combater a herpes.

Como é o tratamento na gravidez

O tratamento da herpes labial na gravidez e durante a amamentação também pode ser feito com pomadas ou comprimidos antivirais, como Aciclovir ou Valaciclovir, no entanto, seu uso só deve ser feito sob prescrição do obstetra que acompanha a gravidez, pelo risco de poder prejudicar o bebê.

Uma boa alternativa são os remédios caseiros como o própolis, que favorece a cicatrização da ferida da herpes e ajuda a aliviar a inflamação. Veja como fazer uma ótima pomada caseira com própolis em: Remédio caseiro para herpes labial.

O que é herpes labial

A herpes labial é uma infecção causada pelo vírus herpes simplex que não é eliminado definitivamente do organismo, e que por isso, se manifesta através de bolhas muito doloridas na boca, que duram de 7 a 10 dias. A herpes é uma doença contagiosa, que passa de uma pessoa para outra através do contato direto com a bolhas ou com o líquido que pode contaminar copos, talheres e toalhas, por exemplo. Uma outra forma comum de contágio é através do beijo, e por isso, enquanto os sintomas estiverem evidentes não se deve dar beijos, especialmente em bebês porque podem correr risco de vida. 

Sinais de melhora 

Os sinais de melhora do herpes labial surgem por volta dos 4 dias após o inicio do tratamento e incluem diminuição da coceira, redução da vermelhidão e cicatrização das feridas e bolhas na boca.

Sinais de piora 

Os sinais de piora do herpes labial são mais frequentes em pacientes que não fazem o tratamento de forma adequada e incluem surgimento de feridas da herpes em outras regiões dos lábios, no interior da boca e dor ao mastigar e engolir, por exemplo.

Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:
Carregando
...
Fechar