Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Poejo: para que serve e como consumir

Dezembro 2020

O poejo é uma planta medicinal com propriedade digestiva, expectorante e antisséptica, sendo principalmente utilizada para auxiliar no tratamento de gripes e resfriados e melhorar a digestão.

Esta planta é muito aromática, sendo frequentemente encontrado em locais úmidos, à beira de rios ou riachos. O poejo possui aroma intenso e penetrante, por ser adstringente, contrai os tecidos e tende a secar as mucosas, quando em contato com a boca pode produzir sensação de aspereza.

O seu nome científico é Mentha Pulegium e pode ser comprado em lojas de produtos naturais, feiras livres ou farmácias de manipulação.

Poejo: para que serve e como consumir
Poejo: para que serve e como consumir

Para que serve

As propriedades do poejo incluem sua ação digestiva, estimulante, tônica estomacal, sudorífera, adstringente, emenagoga, febrífuga, anti-inflamatória, expectorante, carminativa, vermífuga e antisséptica e, por isso, poderia ser utilizada em diversas situações, como por exemplo:

  • Combater gripe e resfriado;
  • Aliviar a tosse;
  • Combater a falta de apetite;
  • Melhorar a digestão e aliviar os sintomas de má digestão;
  • Reduzir os sintomas da azia;
  • Combater parasitas intestinais;
  • Aliviar a febre.

Além disso, tem sido demonstrado que o óleo essencial de poejo poderia servir como pesticida, podendo também ser útil no controle de crescimento de fungos, bactérias e parasitas em plantas, por exemplo.

Apesar das diversas indicações, o poejo só deve ser utilizado sob indicação do médico ou do fitoterapeuta e não deve substituir o tratamento indicado, sendo apenas um complemento.

Como consumir

O poejo pode ser consumido na forma de chá, que pode ser feito com as suas folhas, talos e flores, mas também pode ser utilizado na culinária para temperar pratos salgados, como pratos de peixe, açorda, infusão, licor, azeite aromatizado, em pratos de carnes, e também pratos doces, como pudim, torta, compota e na salada de fruta.

Para fazer o chá de poejo, basta colocar 10 gramas de folhas em uma panela e cobrir com 200 ml de água fervente. Abafar até amornar, coar e beber a seguir. Tomar de 2 a 3 xícaras por dia.

As folhas esmagadas podem ser usadas para aplicar em feridas porque atua como refrescante e antisséptico. As folhas esmagadas atuam como repelente natural afastando moscas, mosquitos, formigas e traças.

Efeitos colaterais e contraindicações

Os efeitos colaterais do poejo estão relacionados com o consumo em altas quantidades, o que pode resultar em sintomas leves, como dor abdominal, náuseas, vômito e diarreia, e sintomas mais graves como convulsões, alterações no fígado, alterações respiratórias e aborto, quando consumido no início da gestação.

O poejo está contraindicado para crianças menores de 12 anos, mulheres grávidas e para pessoas que possuem problemas renais.

Bibliografia >

  • DOMINGUES, Patrícia M.; SANTOS, Lúcia. Essential oil of pennyroyal (Mentha pulegium): Composition and applications as alternatives to pesticides—New tendencies. Industrial Crops and Products. Vol 139. 1 ed; 2019
  • FERNANDES, Ângela S. F. Propriedades nutricionais, nutracêuticas e antioxidantes de espécies silvestres condimentares utilizadas na gastronomia tradicional do nordeste transmontano. Tese de Mestrado, Escola Superior Agrária de Bragança.
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.
Mais sobre este assunto:

Publicidade
Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem