Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

O que é a obturação do dente, quando é indicada e como é feita

Junho 2020

A obturação do dente é um procedimento odontológico muitas vezes utilizado no tratamento de cáries, que tem como objetivo tapar perfurações que tenham sido formadas nos dentes devido ao excesso de microrganismos na boca e maus hábitos de higiene, causando dor e desconforto.

A obturação é um procedimento relativamente simples e que deve ser feito no consultório do dentista sob anestesia local, sendo colocado um material conhecido como obturador no dente a ser tratado para evitar comprometimento da raiz do dente e surgimento de complicações, como a perda do dente, por exemplo.

O que é a obturação do dente, quando é indicada e como é feita

Para que serve

A obturação é normalmente indicada pelo dentista no tratamento da cárie, isso porque é capaz de fechar a perfuração do dente e evitar o comprometimento da raiz, além de ser capaz de evitar que os microrganismos voltem a proliferar no local, dando novamente origem à cárie.

Assim, a obturação serve para devolver a função do dente sem que haja dor ou desconforto e, por isso, pode ser também indicada no caso de dentes partidos ou rachados e no tratamento do bruxismo, por exemplo.

Como é feita a obturação

A obturação é indicada pelo dentista após a observação do dente, ou seja, é verificado se o dente apresenta algum ponto escuro, se há dor e sensibilidade nesse dente e se podem ser identificadas cavidades. Em alguns casos, o médico pode indicar a realização de raio-X para verificar se houve comprometimento do nervo e se há sinais de mais dentes com cárie.

Assim, após a avaliação do dentista, a obturação pode ser indicada com o objetivo de reconstruir o dente afetado e é feita a partir da aplicação de um material, normalmente com amálgama, no local do dente afetado para cobrir a perfuração que possa existir.

A obturação consiste em um dos últimos passos para o tratamento de cárie e, por isso, é feito sob anestesia local. Após a retirada do tecido com cárie, é aplicado o obturador para tapar o "buraquinho" e, assim evitar o desenvolvimento de cárie novamente. Veja mais detalhes sobre o tratamento para cárie.

Após a obturação, é importante que a pessoa siga algumas recomendação do dentista para que o obturador se torne rígido e não haja risco de complicações. Assim, é importante que a pessoa mastigue bem todos os alimentos, evite o consumo de chicletes ou alimentos muito quentes ou frios, e escove bem os dentes tendo atenção ao dente com obturação.

Veja no vídeo a seguir como prevenir as cáries e, assim, evitar a realização da obturação:

Bibliografia >

  • Costa COSTA, Cristiana R. Técnicas de Obturação Termoplástica. Tese de Mestrado, 2014. Universidade Fernando Pessoa.
  • LEITE, Ana Mônica M. M. Obturação em Endodontia. Obturação em Endodontia, 2014. Universidade Fernando Pessoa.
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.


Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem