Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Tratamento para eliminar cáries dos dentes

O tratamento para eliminar cáries, é feito geralmente através de uma restauração, que é realizada pelo dentista e consiste na remoção da cárie e de todo o tecido infectado, sendo que depois é feita uma cobertura do dente com uma substância que pode ser resina composta, cerâmica ou amálgama.

Atualmente, existem 2 formas de realizar este tratamento: com anestesia e uma broca para raspar toda a cárie ou com um gel chamado Papacárie, que consegue amolecer a cárie e eliminar todo o tecido lesionado, de forma simples, rápida e sem dor, sendo uma excelente opção para quem tem medo de ir ao dentista.

Porém, em casos em que a cárie seja muito profunda e atinja a polpa do dente, pode ser necessário realizar um tratamento de canal, que é mais invasivo e requer mais sessões no dentista.

Tratamento para eliminar cáries dos dentes

Quando fazer o tratamento

A restauração do dente é feita pelo dentista, depois de fazer o diagnóstico ao dente e detetar a presença de uma cárie.

A pessoa pode desconfiar que possui uma cárie no dente se sentir dor, sensibilidade ao frio ou ao quente, ou se observar que há um pequeno buraquinho, uma pintinha preta ou uma mancha escura no dente e, para confirmar é preciso ir ao dentista.

Para fazer o diagnóstico, o dentista pode observar os dentes com um pequeno espelho e alguns instrumentos pontiagudos, para verificar se existe dor local e também pode ser necessário fazer uma radiografia para avaliar a saúde da gengiva e da raiz dos dentes. Veja como é feita a radiografia panorâmica da mandíbula e maxilar.

Como é feita a restauração do dente com cárie

Para fazer a restauração, o dentista:

  1. Administra anestesia, dependendo do caso;
  2. Remove a parte do dente que está danificada, com a ajuda de um broca dentária, laser ou gel papacárie;
  3. Limpa o dente cariado com uma pequena cureta (se usar o gel) ou raspa a região com o motorzinho;
  4. Coloca resina para preencher o buraquinho;
  5. Lixa a resina para ajustar a altura do dente.

Atualmente, a restauração é feita com resina, que é um material branco da cor do dente, que é praticamente imperceptível e mais seguro que as restaurações mais antigas. Estas eram feitas com uma substância cinza chamada amálgama, que continha mercúrio em sua composição e que, por isso, já não tem sido usada. Saiba quais os materiais mais usados na restauração do dente e como fazer a manutenção.

Quando o dente está muito afetado, e as lesões são mais profundas e atingem a polpa do dente, pode ser necessário recorrer ao tratamento de canal, também conhecido por obturação, que é um tratamento mais dispendioso e prolongado, já que exige várias sessões e necessita igualmente de uma restauração no final.

O que se pode sentir depois do tratamento

Se o tratamento for realizado com o gel Papacárie, não há necessidade de anestesia e, por isso, a pessoa sai do consultório sem sentir desconforto. Porém, se o dentista optar pela anestesia e uso de broca, o efeito da anestesia pode durar algumas horas e a pessoa deve sentir a boca dormente, com formigamento e ter dificuldade em falar e comer. Saiba o que fazer para anestesia passar mais rápido.

Porque é importante remover a cárie

É importante fazer a restauração do dente sempre que o dente estiver cariado, porque a cárie pode passar para os outros dentes e também para outras pessoas através do beijo e da partilha de copos e talheres, por exemplo.

Além disso, a cárie vai aumentando de tamanho e pode permitir a instalação de vírus, bactérias e alimentos que podem agravar a situação, favorecendo até mesmo a necessidade de outros tratamentos como o tratamento de canal, também conhecido por obturação, ou até mesmo a retirada do dente. Caso a pessoa perca o dente, é necessário colocar uma prótese no local ou usar uma dentadura.

A grávida pode tratar a cárie no dentista?

As grávidas possuem um maior risco de desenvolver gengivite e cáries devido as alterações hormonais comuns desta fase e, por isso, é importante ir ao dentista pelo menos 2 vezes durante a gravidez, para avaliar a saúde oral a fim de tratar qualquer cárie antes que haja complicações. Confira 5 cuidados para combater as cáries e a gengivite na gravidez

Os tratamentos dentários na gravidez podem ser feitos em qualquer trimestre, no entanto, é recomendado que, sempre que possível, sejam feitos no segundo trimestre, especialmente se for o caso do tratamento para cáries ou outros tratamentos que necessitem de anestesia ou que afetem diretamente a gengiva. Isto porque, é no primeiro trimestre que ocorre a maior taxa de formação de órgãos no bebê e, por isso, os dentistas guardam esses tipos de tratamentos para os casos de maior emergência, durante esse período.

Já no terceiro trimestre, existe maior risco de efeitos colaterais, como a diminuição acentuada da pressão arterial, já que o bebê tem um tamanho maior e pode acabar fazendo pressão sobre os órgãos da grávida. Neste período, se for necessário algum tipo de tratamento, o dentista deve evitar fazer sessões de tratamento muito demoradas.

No caso do gel papacárie, o tratamento pode ser feito em qualquer trimestre da gravidez.

Como tratar a cárie sem anestesia e sem dor

Tratamento para eliminar cáries dos dentes

Uma excelente forma de eliminar a cárie é usar o gel chamado Papacárie, que é feito à base de papaína, encontrada no mamão, que remove completamente a cárie do dente sem precisar de anestesia, nem usar a broca para raspagem do dente.

Esse tratamento com o gel Papacárie também deve ser realizado no consultório do dentista, porque ele deve ser aplicado dentro do dente cariado, devendo atuar durante cerca de 1 minuto. A seguir, o local deve ser cuidadosamente limpo pelo dentista, utilizando um instrumento manual chamado cureta, que remove a cárie e o tecido lesionado, sem qualquer dor ou desconforto. A seguir, o dentista deverá cobrir o dente com uma 'massinha' de resina para que ele aparente a sua forma original.

Esse novo tratamento para cárie com o gel Papacárie é excelente para o tratamento nas crianças e nos idosos, que têm mais dificuldade em suportar o tratamento comummente feito pelo dentista, mas pode ser usado em todas as idades, inclusive na gravidez.

Assista o vídeo seguinte e saiba como evitar o surgimento de cárie nos dentes:

Bibliografia >

  • SANO Jean, et al.. Anestesia loca odontológica y embarazo. Acta Odontológica Venezolana. 39. 2; 2001
  • FERNÁNDEZ Ofelia, et al.. Atención odontológica en la mujer embarazada. Investigación materno Infantil. 2. 2; 80-84, 2010
  • LEE Ji, et al. Use of local anesthetics for dental treatment during pregnancy; safety for parturient. Journal of Dental Anesthesia and Pain Medicine. 17. 2; 81-90, 2017
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.


Publicidade
Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem