Donaren pode engordar?

“Quais são os efeitos colaterais do Donaren? Depois que comecei a tomar, engordei muito. Pode ser por causa do medicamento?”

Dr.ª Janessa Oliveira

Farmacêutica e Bioquímica

CRF-SP 22143

Dr.ª Janessa Oliveira
Não tem agenda disponível
Buscar Psiquiatra perto de você

O Donaren pode levar ao aumento do peso, pois um possível efeito colateral é o aumento do apetite, o que pode fazer com que a pessoa ingira mais calorias que o normal. Ainda assim, esse efeito é incomum. Por isso, poucas pessoas engordam devido ao uso do medicamento.

As reações adversas mais comuns são dor de cabeça, cansaço, tontura, sonolência, náusea, boca seca ou sabor desagradável no início do tratamento. Em geral, esses efeitos desaparecem com o uso, mas é importante informar o médico no caso de qualquer reação diferente da esperada.

Outros efeitos adversos possíveis são:

  • Inchaço, agitação, confusão e desorientação mental, tremores, diminuição de memória, sudorese noturna, diminuição de libido, dores musculares, distúrbios gastrointestinais, geniturinários, oftalmológicos (como o embaçamento visual) e sensação de falta de ar (comuns);
  • Reações alérgicas; arritmias, pressão baixa após mudança de postura e outros problemas cardíacos, distúrbios psiquiátricos, dermatológicos e endócrinos; insônia, ansiedade, convulsões, dificuldade para falar, perda auditiva parcial; esofagite de refluxo e hepatite; incontinência e aumento da frequência urinária, impotência, ejaculação retrógrada, ereção prolongada feminina; glaucoma, visão dupla, dor ocular e olho seco; anemia (incomuns);
  • Ereção prolongada, dolorosa ou inapropriada masculina (muito raro) — neste caso, deve-se interromper imediatamente o tratamento e consultar o médico.

A trazodona (que é a substância ativa do Donaren) também pode afetar a coagulação do sangue, resultando em risco de sangramentos nasais e hemorragias.

Se usa Donaren e acha que seu peso está sendo afetado por causa do medicamento, consulte um psiquiatra para perceber se é possível trocar de medicamento ou alterar a dose, para tentar reduzir os efeitos colaterais.

100% dos leitores acham este conteúdo útil (2 avaliações nos últimos 12 meses)
  • Iremos publicar sua pergunta de forma anônima.
  • Faça uma pergunta clara, curta e sem incluir dados pessoais.
  • Não peça um diagnóstico ou 2ª opinião sobre tratamentos que já esteja realizando.
Iremos utilizá-lo para o notificar sobre a resposta. O seu email nunca será publicado online.
Marque consulta com um Psiquiatra perto de você!

Atendemos mais de 150 convênios em 9 estados do Brasil*.

Marcar Consulta

Disponível em: São Paulo, Rio de Janeiro, Distrito Federal, Pernambuco, Bahia, Maranhão, Pará, Paraná, Sergipe e Ceará.