Como saber se o DIU está fora do lugar?

“Coloquei o DIU há 2 meses, mas acho que ele pode estar deslocado. Tem alguma forma de saber se ele está no lugar certo, sem ter de ir no médico?”

Dr.ª Janyele Sales

Médica de Saúde Familiar

CRM 177392-SP

Dr.ª Janyele Sales
Não tem agenda disponível
Buscar Ginecologista perto de você

Caso suspeite que o seu DIU saiu do lugar, pode tentar descobrir ao palpar o colo do útero e buscar encontrar os fios.

Para isso, faça o seguinte passo a passo:

  1. Lave bem as mãos e introduza um dedo no fundo da vagina.
  2. Ao sentir a consistência do colo do útero (que se assemelha à consistência de um nariz - quando não se está menstruada - ou de um lábio - durante a menstruação), palpe em volta até sentir os fios do DIU.
  3. Siga os fios do DIU até encontrar o orifício do colo do útero, um buraquinho no meio do colo do útero. Se sentir que os fios entram neste orifício, o seu DIU está no lugar.
  4. Caso sinta que no orifício do colo há algo mais consistente, enrijecido, onde os fios terminam, o seu DIU pode ter descido um pouco para fora do útero. Nesta situação consulte um ginecologista para confirmar se o DIU realmente está deslocado ou não.

Ao tentar avaliar o DIU é importante sempre ter muito cuidado para não puxar os fios e assim acabar deslocando o DIU.

Em caso de dúvida, ou caso não se sinta confortável para fazer a palpação, o ideal é que consulte um ginecologista para analisar a situação e entender se houve deslocamento do DIU.

56% dos leitores acham este conteúdo útil (9 avaliações nos últimos 12 meses)
  • Iremos publicar sua pergunta de forma anônima.
  • Faça uma pergunta clara, curta e sem incluir dados pessoais.
  • Não peça um diagnóstico ou 2ª opinião sobre tratamentos que já esteja realizando.
Iremos utilizá-lo para o notificar sobre a resposta. O seu email nunca será publicado online.
Marque consulta com um Ginecologista perto de você!

Atendemos mais de 150 convênios em 9 estados do Brasil*.

Marcar Consulta

Disponível em: São Paulo, Rio de Janeiro, Distrito Federal, Pernambuco, Bahia, Maranhão, Pará, Paraná, Sergipe e Ceará.